Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Um Príncipe em Nova York 2 e outros filmes de comédia em que Eddie Murphy interpreta vários personagens
    Por Vitória Pratini — 20 de mar. de 2021 às 16:00

    Ator, que está em cartaz no Amazon Prime Video, já encarou maquiagem, próteses e muitas performances cômicas em sua carreira.

    Eddie Murphy tem como marca registrada interpretar diversos personagens no mesmo filme de comédia. A primeira vez que ele fez isso nos cinemas foi em 1988 em Um Príncipe em Nova York. O astro começou a desenvolver essa habilidade desde cedo por meio de imitações e personificações, inclusive em stand-ups (que ele pretende voltar a fazer) e no programa Saturday Night Live. Ele foi muito inspirado no trabalho de Peter Sellers, que fez múltiplas atuações em longas como Dr. Fantástico e O Rato que Ruge.

    Os papéis coadjuvantes de Murphy provam seu talento nas atuações dramáticas e cômicas. Através do uso de maquiagens e próteses elaboradas, ele encarna personagens de diferentes idades, tamanhos e nacionalidades em performances excêntricas que fornecem um contraste equilibrado com seus protagonistas. Um Príncipe em Nova York 2, sequência do filme de 1988 que está disponível no Amazon Prime Video, é a mais recente produção a trazer o ator em vários papéis

    Relembre, abaixo, todos os filmes em que Eddie Murphy interpreta mais de um personagem.

    Pantera Negra seguiu os passos de Um Príncipe em Nova York, comenta Eddie Murphy (Entrevista)

    Um Príncipe em Nova York (1988, 2021)

    Primeiro filme em que Eddie Murphy interpretou mais de um personagem, Um Príncipe em Nova York quebrou barreiras ao ter um elenco majoritariamente de cor e fazer sucesso mundial. Na trama, o príncipe de Zamunda, Akeem, está com casamento arranjado já marcado. Desgostoso com a situação, ele viaja para Nova York com seu amigo Semmi (Arsenio Hall) para encontrar uma noiva, finge ser pobre e lá conhece Lisa (Shari Headley). Já no segundo filme, continuação tardia lançada em 2020, o personagem descobre que tem um herdeiro nos Estados Unidos que ele não conhecia.

    Na franquia Um Príncipe em Nova York, Eddie Murphy interpreta quatro personagens: o protagonista Akeem Joffer, dois personagens da barbearia — Clarence, o dono da loja, e Saul, um cliente judeu —, e Randy Watson, um cantor de soul da banda fictícia Sexual Chocolate. Curiosamente, em alguns deles, o ator fica irreconhecível! Embora a voz estridente de Clarence e a maquiagem mínima possam revelar a identidade de Murphy, os tons mais profundos de Saul e a transformação física completa tornam difícil identificar o personagem como o astro.

    Um Príncipe em Nova York 2: Estes personagens não estão no filme e você nem percebeu

     

    Um Vampiro no Brooklyn (1995)

    Em 1995, Murphy estrelou Um Vampiro no Brooklyn, comédia-terror dirigida por Wes Craven, que segue a história de Maximillian, um vampiro caribenho que chega no Brooklyn, em Nova York, em busca de uma mulher meio-vampira meio-humana de sua ilha nativa. A mulher, Rita Veder, não tem conhecimento de sua herança e atualmente trabalha como detetive da polícia encarregada de investigar os misteriosos assassinatos que coincidem com a chegada de Maximillian.

    No filme, Eddie Murphy assume três papéis: o vampiro Maximillian, o mafioso italiano Guido (mais uma vez abordando uma nacionalidade diferente como parte de sua transformação mais radical), e o pregador da igreja de Rita, Padre Pauly. Unindo o útil ao agradável da atuação, o personagem usa seus poderes para assumir a identidade de Guido e Pauly para se aproximar de Rita.

     

    O Professor Aloprado (1996, 2000)

    Um dos papéis mais conhecidos de Murphy, O Professor Aloprado acompanha o ator em sete (!) papéis diferentes. O remake do filme homônimo de 1963 segue Sherman Klump, um cientista pesquisador obeso e professor universitário com um coração bondoso que desenvolve uma droga experimental para perder peso e, na esperança de conquistar o afeto de sua garota dos sonhos, testa em si mesmo. A droga milagrosamente transforma Klump no alter ego vigoroso, carismático, mas maligno, Buddy Love. Já na sequência, O Professor Aloprado 2 - A Família Klump, lançada quatro anos depois, o cientista tenta se livrar de Buddy Love mas acaba transformando o material genético dele em um ser senciente fora do corpo de Sherman.

    Um Príncipe em Nova York 2: Confira as mudanças do elenco antes e depois

    Em ambos os filmes, Eddie Murphy vive sete papéis diferentes, incluindo Sherman Klump, Buddy Love e a maioria de sua família: Papa Cletus Klump; Mama Anna Klump; o irmão rude de Sherman, Ernie Klump Sênior, e vovó Ida Mae Jenson; além de Lance Perkins, uma paródia do extravagante instrutor de fitness Richard Simmons, que dança a música "Macho Man" em um programa de TV durante os créditos iniciais. Em seu visual natural, o ator é Buddy Love, que encarna os protagonistas carismáticos e confiantes dos filmes típicos de Hollywood. Para os demais personagens, como Sherman e família, Murphy próteses pesadas, o que ajudou o filme a ganhar o Oscar de Melhor Maquiagem. Sabia que Murphy quase reprisou o papel da Família Klump em Um Príncipe em Nova York 2?

     

    Os Picaretas (1999)

    Eddie Murphy também interpretou dois personagens em 1999 em Os Picaretas — só que desta vez sem as próteses pesadas e a maquiagem que definiram muitos de seus papéis. Na trama, Bobby Bowfinger (Steve Martin) é um produtor que há anos tenta emplacar um sucesso de bilheteria. Seu próximo filme promete ter a estrela de Hollywood, Kit Ramsey (Eddie Murphy). Só que o próprio ator não sabe que está escalado para o papel. Isso porque Bowfinger contrata um sósia de Ramsey chamado Jiff.

    Assim, Murphy aposta em performances drasticamente diferentes por meio de pouco mais do que inflexão de voz, linguagem corporal e disposição.

     

    Norbit (2007)

    Em um dos seus filmes mais criticados, Eddie Murphy interpreta três personagens. Norbit é separado de sua amiga de infância Kate no orfanato quando ela é adotada. O rapaz acaba se relacionando com uma garota durona, Rasputia, que se torna sua amiga, protetora e futuramente esposa. Só que ela se mostra arrogante e tirânica. 

    Eddie Murphy revela motivo chocante para ter parado de fazer filmes

    Aqui, Murphy vive Norbit, Rasputia (trabalhado nas próteses corporais) e o personagem asiático Hangten Wong, dono de um restaurante chinês. O rude, mas bondoso Wong aparece ao longo do filme dando conselhos sábios, colidindo com os parentes nefastos de Rasputia e oferecendo brindes de casamento, o último dos quais começa a revelar o disfarce irreconhecível de Murphy.

     

    Com Leslie JonesWesley Snipes e Jermaine Fowler no elenco, os dois filmes da franquia Um Príncipe em Nova York estão disponíveis no Amazon Prime Video. Leia a crítica.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top