Minha conta
    10 Anos de Vingadores: Momentos que provam como esse filme mudou a Marvel para sempre
    26 de abr. de 2022 às 20:00
    Katiúscia Vianna
    Katiúscia Vianna
    -Redatora | crítica
    Apaixonada pela escrita, Katiúscia Vianna acumulou décadas de cultura pop, já que cresceu dividindo seu tempo entre apostas para o Oscar e maratonas de Friends.

    A reunião de Homem de Ferro, Capitão América, Thor, Hulk, Viúva Negra e Gavião Arqueiro transformou o Universo Cinematográfico Marvel naquilo que tanto amamos.

    O Universo Cinematográfico Marvel pode ter começado lá em 2008 com Homem de Ferro, mas o primeiro vislumbre de como esse seria um mundo integrado surgiu com Os Vingadores — que foi lançado exatamente dez anos atrás. Desde então, o cinema e os corações nunca mais foram os mesmos, diante do impacto provocado por Tony Stark (Robert Downey Jr.), Steve Rogers (Chris Evans), Natasha Romanoff (Scarlett Johansson), Thor (Chris Hemsworth), Bruce Banner (Mark Ruffalo) e Clint Barton (Jeremy Renner).

    Desde então, o MCU se mostrou como um universo cheio de conexões, onde é até necessário um guia para saber a ordem de seus filmes e séries de TV. Tanto que Os Vingadores deram um gostinho do que vinha por aí, deixando várias dicas e momentos a serem desenvolvidos em outros filmes da Saga do Infinito. Pensando nisso, o AdoroCinema reúne alguns momentos desse longa que foram só o ponto de partida para uma Marvel que seria diferente de tudo que já vimos. Vamos analisar abaixo?

    O início dos Vingadores

    Não poderíamos começar essa lista de outra forma, não é mesmo? A maior reunião de heróis da Marvel começou com esses seis integrantes corajosos: Homem de Ferro, Capitão América, Viúva Negra, Thor, Hulk e Gavião Arqueiro; unidos contra um inimigo comum em Loki (Tom Hiddleston). Deste então, encontros entre diferentes personagens da Marvel se tornaram mais frequentes, enquanto os Vingadores tiveram sua própria saga com Era de UltronGuerra Infinita e Ultimato. Inclusive, aquele terceiro ato fantástico de Endgame só foi possível com o sucesso dessa iniciativa comandada por Nick Fury (Samuel L. Jackson). 

    Um novo Hulk

    Os Vingadores também promoveu a estreia de Mark Ruffalo como Bruce Banner, substituindo Edward Norton no papel após o desempenho fraco de seu filme solo em 2008. É verdade que Hulk nunca ganhou outro longa para chamar de seu (por questões de direitos com a Universal), mas é inegável sua popularidade no MCU — que era bem orgulhosa de dizer "Temos um Hulk!". Nesse próprio filme, ele é responsável por algumas das melhores cenas, seja humilhando Loki na porrada ou revelando o segredo de sua raiva. A partir de então, Banner apareceu em diversos longas e ainda será essencial para transformar Tatiana Malany na Mulher-Hulk na TV.

    Uma conversa revela o passado de Viúva Negra

    Viúva Negra já tinha aparecido em Homem de Ferro 2, porém seu passado sempre foi foco de mistérios no MCU. Em Os Vingadores, uma conversa enigmática entre a agente e Loki já indicava alguma ação obscura no passado da heroína. Essa história (juntamente com a citada missão em Budapeste com Clint) é esclarecida no aguardado filme solo Viúva Negra, onde descobrimos como a missão de Natasha para se juntar à S.H.I.E.L.D. causou, supostamente, a morte de uma criança, a filha do vilão Dreykov (Ray Winstone) — relacionado com a Sala Vermelha que treinou assassinas como Romanoff e sua irmã, Yelena Belova (Florence Pugh).

    Homem de Ferro x Capitão América

    No início, a união de personalidades tão fortes não deu muito certo na iniciativa Vingadores, até sua união após a "morte" de Coulson (Clark Gregg). Logo de cara, já era possível perceber uma rivalidade entre as ideologias de Tony Stark e Steve Rogers - algo que, anos depois, iria culminar na Guerra Civil entre os heróis. Porém, muita gente vê esse momento como prova que esses personagens se desenvolveram completamente até Ultimato: Stark não era apenas um homem rico numa armadura, mas sim alguém capaz de se sacrificar pela humanidade. Já Rogers provou que é especial, não somente pela substância de garrafa que o transformou no Capitão América, mas também alguém digno de segurar o Mjolnir.

    As Jóias do Infinito dão o ar da graça

    Quem diria que seis pedrinhas nos daria muitas dores de cabeça? Responsáveis pela criação do universo, as Jóias do Infinito começavam a mostrar seu potencial nesse longa. Temos a Joia da Mente no cetro de Loki e o Tesseract, que contém a Joia do Espaço. Aqui, o irmão de Thor já indicava que estava trabalhando para alguém ainda mais perigoso... Thanos (Josh Brolin), que ia devastar metade de todos os seres com um estalar de dedos! Graças aos acontecimentos de Os Vingadores, os heróis percebem futuramente que existem 3 Joias do Infinito em Nova York durante o mesmo período (se você ainda contar a Joia do Tempo com a Anciã de Tilda Swinton), o pontapé inicial para a missão de Ultimato

    Morte no destino de Thor e Loki

    Após fracassar na batalha de Nova York, Loki é preso e levado novamente para Asgard, junto com o Tesseract, para ser condenado por seus atos. Essa decisão de Thor e seus colegas heróis teria consequências gigantes no plano geral das coisas. Detido, Loki ajuda Kurse (Adewale Akinnuoye-Agbaje) e os Elfos Negros em Thor: O Mundo Sombrio, sendo assim, indiretamente, responsável pela morte de sua mãe, Frigga (Rene Russo). Isso ia se tornar o maior arrependimento do personagem, algo representado por seu variante na série Loki. Além disso, a morte do próprio Loki surge quando ele resgata o Tesseract durante a destruição de Asgard em Thor: Ragnarok, colocando na mira do implacável Thanos. 

    Inspirar o surgimento de uma nova heroína: Kate Bishop

    Por fim, é inegável como Os Vingadores inspiraram toda uma geração de heróis ao longo dos anos, mas a batalha de Nova York teve papel importante na vida de Kate Bishop (Hailee Steinfeld), que deve se tornar a nova responsável pelo cargo de Gavião Arqueiro. Através de flashbacks em Hawkeye, descobrimos que a jovem perdeu o pai na destruição, porém foi salva por Clint, cuja performance na briga a inspirou a ser uma heroína, treinando arco e flecha, além de artes marciais. Anos depois, Kate e Clint iam se tornar parceiros e salvar Nova York novamente. Ou seja, os seis originais sempre serão responsáveis por cimentar o caminho que novos heróis irão percorrer no Universo Cinematográfico Marvel.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top