Meu AdoroCinema
    Lucifer na Netflix: Como a 6ª temporada pode mudar o destino de Maze?
    Por Katiúscia Vianna — 7 de jun. de 2021 às 11:39

    O que vai acontecer com a personagem de Lesle-Ann Brandt na popular série protagonizada por Tom Ellis?

    Tom Ellis pode ser o simpático (e sedutor) protagonista de Lucifer, mas a série conta com muitos personagens adorados pelo público. Se a segunda metade da quinta temporada promoveu uma despedida capaz de partir corações, também trouxe mudanças para outra pessoa queridinha dos fãs: Maze (Lesley-Ann Brandt). O demônio passou por grandes transformações ao longo desses anos e pode assumir um cargo importantíssimo: ser a rainha do Inferno. Mas existem certas dificuldades para alcançar esse objetivo. 

    Lucifer: Tom Ellis roubou objeto erótico do set da série da Netflix (Entrevista) 
    O que aconteceu na 5ª temporada de Lucifer?

    A quinta temporada de Lucifer começou com o surgimento de Miguel (Tom Ellis), gêmeo do protagonista, determinado a destruir a vida do irmão. Paralelamente, Maze começou sua busca por uma alma, algo que Miguel usou para manipulá-la contra Lucifer. Uma grande guerra entre essa família celestial estava prestes a começar até a chegada de Deus (Dennis Haysbert) — que veio com sua própria missão. 

    Na segunda metade da temporada, o ser todo poderoso anuncia que está se aposentando e busca um substituto para ser o novo Deus. Como já era esperado, tanto Lucifer e Miguel desejam conquistar tal função, gerando uma nova batalha entre os irmãos. Por sua vez, Maze volta atrás, ao descobrir que é dona de uma alma, que ela construiu durante seu tempo na Terra. Logo, ela decide apoiar o antigo rei do Inferno, liderando um grupo de demônios na guerra contra os arcanjos de Miguel.

    Lucifer: Por que o final da 5ª temporada foi alterado na Netflix?

    Porém, Lucifer se sacrifica para salvar Chloe (Lauren German) e acaba conseguindo se transformar em Deus, numa chocante reviravolta. A partir dessa nova hierarquia celestial, Maze se torna a principal candidata para comandar o Inferno. Só que existem algumas questões que surgem a partir dessa mudança em sua vida, já que o cargo não está 100% garantido em suas mãos.

    Como a 6ª temporada pode mudar Maze?

    Como sempre foi o leal braço direito de Lucifer, faz sentido que Maze seja a escolhida para se tornar rainha do Inferno, já que ele terá uma função que o deixará bem ocupado no Céu. Só que a ideia de um demônio com alma liderando tal lugar de pecado pode não ser muito bem aceito. E talvez Maze tenha que escolher entre seu novo "objetivo profissional" ou sua alma pela qual tanto lutou para conquistar — e, consequentemente, ter que abrir mão dos relacionamentos que tem na Terra.

    Lucifer na Netflix: O que podemos esperar na 6ª temporada da série?

    Daí surge um problema para o romance de Maze com Eva (Inbar Lavi). A primeira mulher da Terra retornou nessa recente temporada, determinada a retomar seu elo com Maze — que, a primeira vista, se sentiu rejeitada pela amada em episódios anteriores. Quando tudo parecia se encaixar, Maze descobre o luto, a partir da morte de Dan (Kevin Alejandro), e fica com medo de investir num relacionamento com uma mortal. Finalmente, Maze descobre como realmente ama Eva e está disposta a aceitar que pode perdê-la um dia, desde que elas fiquem juntas enquanto podem. Mas como essa paixão vai sobreviver com a nova rainha do Inferno?

    Além disso, existe a teoria que o Inferno não precise mais de um líder, como próprio Deus já indicou na segunda metade da quinta temporada. Afinal, se um demônio pode ganhar uma alma e as pessoas podem ser levadas ao Paraíso a partir do perdão e da compaixão; seria só uma questão de tempo até o Inferno deixar de existir, de uma vez por todas. Então, qual será o destino de Maze? Só nos resta esperar pela sexta (e última!)  temporada de Lucifer na Netflix, ainda sem previsão de lançamento.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top