Minha conta
    Lucifer já está disponível na Netflix! Confira 9 curiosidades sobre a série
    Por Aline Pereira — 29 de mai. de 2021 às 11:00

    Parte 2 da quinta temporada estreou na Netflix e listamos os fatos mais curiosos sobre a série: até ex-BBB já esteve no elenco.

    Ele voltou: a parte 2 da 5ª temporada de Lucifer estreou na Netflix para dar continuidade à história do diabão mais amado da TV que, inclusive, tem uma morte chocante, comentada por Tom Ellis. Enquanto os atores se preparam para a despedida da série, que termina na 6ª temporada, listamos 9 curiosidades sobre Lucifer que todo fã vai amar saber.

    Sarah do BBB em Lucifer

    Globoplay/Netflix

    Temos uma brasileira em Lucifer: durante o BBB21, Sarah Andrade contou aos brothers que fez parte do elenco de figurantes da série da Netflix e é claro que a internet foi à caça. Eis que a ex-sister realmente apareceu no episódio 5 da 4ª temporada e em dois momentos - em uma cena ela está dançando e, na outra, no bar da boate de Lucifer. Aliás, ela não foia única, vários outros ex-participantes do reality já apareceram na TV.

    Boicote a Lucifer antes da estreia

    Netflix

    Os fãs da série certamente se lembram de que Lucifer foi cancelada pela Fox em 2018 e, felizmente, salva pela Netflix depois. O que nem todos sabem é que houve uma tentativa de cancelamento antes mesmo da estreia, promovida por uma associação norte-americana chamada One Million Moms. O grupo conservador criou uma petição alegando que a série descaracteriza representação da figura de Satã, além de ironizar ensinamentos bíblicos.

    CW explica por que não quis salvar Lucifer do cancelamento
    Personagens de Lucifer têm exatamente a mesma idade

    Unidos pelo ano de nascimento, Tom Ellis (Lucifer),  Aimee Garcia (Ella) e Lauren German (Chloe) têm exatamente a mesma idade e, mais do que isso, quase nasceram no mesmo dia. Respectivamente, o trio faz aniversário em 17, 28 e 29 de novembro e todos vieram ao mundo em 1978.

    Lucifer não fuma

    Netflix

    Em alguns momentos da série, que é recheada cenas sensuais, Lucifer aparece com cigarros acesos, apagados e cinzeiros, mas pode reparar: ele nunca chegou a fumar, de fato. Isso rola porque a série foi exibida originalmente na TV aberta, mas mesmo com a transferência para o streaming, os produtores acabaram mantendo essa característica.

    Lucifer veio dos quadrinhos

    Vertigo DC Comics

    Lucifer já foi representado de incontáveis maneiras diferentes na ficção científica, mas a versão da série vem das histórias em quadrinhos: o personagem de Tom Ellis é baseado na obra de Neil Gaiman, Sandman, que vai virar série da NetflixMais tarde, o personagem ganhou sua própria HQ, pela DC Comics. A série da Netflix ainda faz uma referência ao autor: em uma das cenas, Chloe e Trixie (Beatrice Spinoza) aparecem lendo Coraline, outra famosa obra do escritor.

    Séries inspiradas em quadrinhos: The Boys, Watchmen e mais
    Lucifer já tinha aparecido na TV antes da série

    Warner Bros. Pictures

    Muito antes de ganhar sua própria série, o personagem havia aparecido em Constantine, filme de 2005, com Keanu Reeves, interpretado por Peter Stormare. O encontro entre a versão de Tom Ellis e John Constantine (interpretado por Matt Ryan) só foi rolar em 2019, em Crise nas Infinitas Terras, que reuniu os heróis do Arrowverse.

    David Bowie e Lucifer

    Warner Bros. Pictures, Vertigo DC Comics

    Quem já viu a representação de Lucifer nos quadrinhos de Neil Gaiman possivelmente reparou que ele  lembra bastante o músico David Bowie. E isso não é à toa: o escritor é muito fã do cantor e se inspirou na imagem dele para criar o personagem. A série, aliás, manteve um pouco da referência e traz músicas de Bowie na trilha sonora.

    Tom Ellis quase perdeu o papel de Lucifer

    Netflix

    Dá para imaginar outro ator interpretando o diabão? Pois é, isso esteve bem perto de acontecer. Tom Ellis foi cotado para Outlander e chegou a fazer audições para interpretar Frank Randall, marido de Claire (Caitriona Balfe), e, consequentemente, seu ancestral, o vilão Black Jack. No fim, o papel acabou ficando com Tobias Menzies, que se bem muito bem e chegou a ser indicado ao Globo de Ouro pela série.

    Tom Ellis canta de verdade

    Netflix

    Hora de exaltar Tom Ellis: além do carisma nas telas, ele também tem um vozeirão. As músicas de Lucifer são cantadas pelo próprio ator mesmo, que já entregou covers inesquecíveis, como Eternal Flame e Sinnerman.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top