Minha conta
    Andrew Garfield perdeu papel importante em As Crônicas de Nárnia por não ser "bonito o suficiente"
    Por Lucas Leone — 11 de jan. de 2022 às 22:50

    Antes de dar vida ao Homem-Aranha nas telonas, o ator fez teste para o segundo filme da franquia baseada nos livros de C. S. Lewis.

    Para Andrew Garfield, 2021 certamente foi um ótimo ano. O ator protagonizou Tick, Tick… Boom!, musical da Netflix que lhe rendeu o Globo de Ouro e que também pode lhe valer sua segunda indicação ao Oscar. Além disso, Garfield está desfrutando do sucesso avassalador de Homem-Aranha: Sem Volta para Casa, que se tornou a maior bilheteria mundial desde o início da pandemia de Covid-19. Mas nem só de aclamações é feita a carreira de Garfield, que perdeu um papel importante em uma das maiores franquias já produzidas por Hollywood: As Crônicas de Nárnia.

    Em recente entrevista ao Entertainment Tonight, o astro revelou que estava absolutamente determinado a participar do segundo filme da saga, no papel do príncipe Caspian. Ainda em seus 20 e poucos anos, ele estava começando na indústria, mas foi recusado por não ter a aparência certa.

    “Lembro que estava tão desesperado. Fiz o teste para o príncipe Caspian em As Crônicas de Nárnia e pensei: 'Pode ser isso, pode ser isso'", contou Garfield. “E aquele lindo e brilhante ator Ben Barnes acabou conseguindo o papel. Acho que ficou entre mim e ele, e eu lembro que estava obcecado.”

    De Sombra e Ossos e Westworld: Conheça a carreira de Ben Barnes, o General Kirigan

    Frustrado com a notícia, Garfield foi encontrar sua agente e perguntou: “Por que não eu? Ela eventualmente cedeu às minhas reclamações incessantes e disse: 'É porque eles não acham que você é bonito o suficiente, Andrew'".

    Mas Garfield não parece guardar nenhum rancor de Barnes: “Ele é um homem muito bonito e talentoso. Então, em retrospecto, não estou descontente com a decisão e acho que ele fez um belo trabalho."

    Vale lembrar que, quando os dois primeiros filmes de As Crônicas de Nárnia estavam sendo gravados e lançados, Garfield havia acabado de estrelar Rapaz A, elogiado drama dirigido por John Crowley. Também havia desempenhado papéis coadjuvantes em Leões e Cordeiros e A Outra.

    Franquias que tentaram seguir o sucesso de Harry Potter, mas falharam

    Em seguida, dois longas-metragens ajudaram a catapultar sua carreira internacionalmente: Não Me Abandone Jamais e A Rede Social. Até que, em 2012, fez sua estreia como o amado super-herói em O Espetacular Homem-Aranha, repetindo a dose em A Ameaça de Electro.

    Por sua vez, os livros de As Crônicas de Nárnia já venderam mais de 120 milhões de cópias e foram traduzidos para mais de 47 idiomas em todo o mundo. Juntas, as adaptações de O Leão, A Feiticeira e Guarda-Roupa (2005), Príncipe Caspian (2008) e A Viagem do Peregrino da Alvorada (2010) arrecadaram mais de US$ 1,5 bilhão.

    Desde 2018, a Netflix vem prometendo uma série baseada na obra de C.S. Lewis e, inclusive, anunciou que Matthew Aldrich (Viva - A Vida é uma Festa) é o grande responsável pelo projeto. Apesar da confirmação, não há qualquer informação sobre a trama, data de estreia nem elenco. Novos detalhes devem sair muito em breve.

    As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian
    As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian
    Data de lançamento 30 de maio de 2008 | 2h 23min
    Criador(es): Andrew Adamson
    Com Ben Barnes, Georgie Henley, Skandar Keynes, William Moseley, Anna Popplewell
    Usuários
    4,2
    Assista em Disney +
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top