Minha conta
    Aquaman 2: Amber Heard quase perdeu papel na DC – e motivo não estaria relacionado a Johnny Depp
    Por Lucas Leone — 23 de mai. de 2022 às 21:50

    A Warner Bros. teria tentado substituir a atriz não por causa de seu polêmico divórcio, mas sim devido a sua performance ao lado de Jason Momoa.

    Amber Heard quase perdeu o papel de Mera em Aquaman 2 devido à "falta de química" com Jason Momoa, afirmou sua representante durante o julgamento contra Johnny Depp. A atriz, que estreou no Universo Estendido DC com uma pequena aparição em Liga da Justiça (2017) e voltou como co-estrela em Aquaman (2018), está no centro de uma batalha judicial que começou no dia 11 de abril, depois que o seu ex-marido e também ator a processou por difamação.

    Ao tribunal, Heard já havia revelado que muitas de suas cenas em Aquaman 2 foram cortadas e que "precisou lutar" para continuar fazendo parte da sequência dirigida por James Wan. Agora, sua manager Jessica Kovacevic testemunhou sobre como a carreira da atriz mudou após ter anunciado sua separação de Depp, em 2016.

    Em uma declaração pré-gravada, Kovacevic compartilhou sua crença de que a Warner Bros. planejava substituir Heard em decorrência dos ataques promovidos pela imprensa internacional – o que a atriz chama de "campanha difamatória" arquitetada por Depp para rotulá-la de mentirosa. No entanto, segundo sua representante, o estúdio citou a falta de entrosamento de Heard com Momoa para justificar sua decisão de buscar uma outra intérprete.

    Aquaman 2: Produtor diz que ignorou fãs de Johnny Depp pedindo a saída de Amber Heard no filme da DC

    Na opinião de Kovacevic, embora a Warner nunca tenha mencionado especificamente a disputa contra Depp, não lhes interessava "contratar alguém que recebesse má publicidade". "Ninguém quer essa associação", acrescentou.

    Para os que não estão familiarizados com o caso, vale lembrar que, na esteira do término com Depp, Heard revelou uma série de fotos de seu rosto com lesões físicas causadas pelo ex-marido. Na época, ela conseguiu uma ordem de restrição por abuso físico e verbal, mas desistiu de processar Depp e aceitou um acordo de divórcio que previa o pagamento dos US$7 milhões por parte do ator.

    Não tardou para que Depp entrasse na Justiça contra Heard em função de um artigo publicado por ela no The Washington Post, em dezembro de 2018. Ainda que não se refira a Depp, o texto fala sobre a experiência de Heard como sobrevivente de violência doméstica.

    Johnny Depp x Amber Heard: Terapeuta do casal relata que os abusos foram mútuos

    Para o ator e sua equipe jurídica, a referência era clara e prejudicou não só sua reputação, como também seu trabalho. Isso teria lhe custado o papel de Jack Sparrow em Piratas do Caribe 6 e o ​​de Gellert Grindelwald na franquia Animais Fantásticos.

    O atual julgamento, que acontece no estado americano da Virgínia, teve início com Depp pedindo US$ 50 milhões em danos morais. Heard, por sua vez, moveu uma ação contra ele no valor de US$ 100 milhões.

    Quanto a Aquaman e o Reino Perdido, tem estreia prevista para 2023. O filme traz, além de Momoa e Heard, nomes como Patrick WilsonYahya Abdul-Mateen IINicole Kidman e Willem Dafoe. Entre os recém-chegados ao elenco estão Jani ZhaoIndya Moore e Vincent Regan.

    Aquaman and the Lost Kingdom
    Aquaman and the Lost Kingdom
    Criador(es): James Wan
    Com Jason Momoa, Amber Heard, Yahya Abdul-Mateen II, Patrick Wilson, Dolph Lundgren
    Data de lançamento 17 de março de 2023
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top