Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Grey’s Anatomy, The Walking Dead e outras séries que todos têm preguiça de assistir
    Por Kalel Adolfo — 23 de set. de 2020 às 20:08
    facebook Tweet

    Fãs das séries listadas abaixo: Nós não temos nada contra nenhuma dessas produções.

    Você já se sentiu mal por nunca ter visto aquela série que todo mundo está comentando? Então se acalme, porque isso é muito comum. Não é fácil acompanhar uma produção como Grey’s Anatomy ou Supernatural, que se aproximam das vinte temporadas. Caso não tenha embarcado no hype logo nos primeiros anos destas obras, fica complicado arranjar tempo para dar uma conferida.

    Mesmo assim, ainda ficamos receosos de revelar que não queremos dar uma chance para essas obras tão cultuadas. Se este é o seu caso, essa lista é para você. Sem medo de julgamentos, separamos sete produções que todo mundo tem preguiça de começar, mas não quer admitir. Veja a seguir:

    Grey’s Anatomy 

    Você sabia que Grey’s Anatomy está quase chegando aos 400 episódios? A pessoa que consegue assistir a tudo isso do zero merecia algum tipo de condecoração, pois é um feito respeitável. Aliás, o que acontece neste hospital que está rendendo tantas temporadas? E quantos pacientes são necessários para justificar dezessete temporadas? Isso aí está mais movimentado que o SUS.

    De qualquer forma, não podemos deixar de enaltecer a qualidade da série. Ela já venceu dois globos de ouro, e continua atraindo milhares de fãs. A história gira em torno dos profissionais de um centro médico, que precisam lidar com desafios pessoais e profissionais diariamente. E se você por acaso quiser dar uma espiadinha na série, listamos os 10 episódios essenciais de Grey's Anatomy.

    Grey's Anatomy: O que esperar da 17ª temporada?

    The Walking Dead

    Acredite se quiser, mas já faz dez anos desde que The Walking Dead estreou na televisão. Não dava para ter encontrado algum antídoto para o apocalipse zumbi neste meio tempo? E as pessoas não estão cansadas de ver barraco pós-apocalíptico? De qualquer forma, a série está programada para terminar na 11ª temporada... mas vai ganhar 2 spin-offs

    Entenda, nós sabemos que a produção é muito boa, e reflete sobre o comportamento humano diante de situações extremas. Mas talvez nós — meros mortais — teríamos mais vontade de assistir ao seriado se ele fosse um pouquinho mais curto. Mas vejamos pelo lado positivo: Pelo menos quem acompanha TWD já está expert no quesito sobrevivência. 

    The Walking Dead: Teorias sobre o final da 10ª temporada

    The Vampire Diaries

    Oito temporadas de vampiros góticos fazendo drama por relacionamento? Passo. Mas claro, não vamos julgar quem adora The Vampire Diaries. Aliás, a história do seriado adolescente vai muito além de uma jovem dividida entre dois irmãos.

    Porém, caso você não tenha passado pela época emo no final dos anos 2000, fica difícil encontrar forças para conferir a série protagonizada pelo nosso eterno crush Ian Somerhalder e que ainda ganhou duas séries derivadas: The Originals e Legacies.

    Entenda a linha do tempo de The Vampire Diaries, The Originals e Legacies

    Supernatural

    Não é que temos preguiça de assistir à Supernatural. Uma característica boa da série é a possibilidade de conferir os episódios aleatoriamente, sem perder muitos detalhes da trama. Agora, se você me falar para assistir a todas as quinze temporadas desde o início, eu vou ter que recusar. E ainda tem ator falando que não acredita que a 15ª e última temporada será o fim dos irmãos Winchester...

    A produção começou em 2005, e desde lá, já enfrentamos uma crise mundial, derrotas vergonhosas na Copa, e a pandemia do Coronavírus. Ou seja, não há como ter saúde mental para colocar quinze anos de Supernatural em dia. Me desculpe Jared Padalecki e Jensen Ackles, vocês são maravilhosos, mas não dá mesmo. Beijos.

    Supernatural: Saiba quais personagens voltam para os episódios finais

    Game of Thrones

    Antes da última temporada ser feita, Game of Thrones nunca entraria nessa lista. O motivo? A série alcançava novos níveis de perfeição a cada temporada, rendendo momentos icônicos para a história da televisão. Além disso, a produção possui uma média de dez episódios anuais, o que não é muita coisa.

    Mas se você pensar no último ano da obra, todo esse raciocínio vai por água abaixo. Não tem como defender. Maratonar oito temporadas para se deparar com um final mequetrefe daqueles é bem chato. Portanto, estamos dando o “selo preguiça” para o seriado.

    House of Dragons: Presidente da HBO confirma lançamento do spin-off de Game of Thrones para 2022

    Pretty Little Liars

    Quem matou Alison? Não sei, e já desisti de saber. Eu nunca vi um seriado enrolar tanto para entregar um desfecho. E olha que Pretty Little Liars começou promissora, entregando uma produção de suspense bem empolgante para o público adolescente. Mas depois de algumas temporadas, até os fãs ficaram de saco cheio.

    Como consequência, a série ficou famosa por “encher linguiça”, impedindo potenciais espectadores de conferir a trama estrelada por Lucy Hale. Mas calma, não vamos apenas criticar PLL. A obra tem o seu charme, e a música de abertura é o auge da perfeição. Quem aí nunca ficou com Secret grudada na cabeça?

    Breaking Bad

    Breaking Bad nem é tão longa, mas acaba entrando naquele estilo de série “cabeça”, como Mad MenHouse of CardsLost. Precisamos estar com bastante vontade de refletir para conferi-las. Assistir a todas as temporadas é mais difícil ainda. Claro, elas sempre serão clássicos da televisão. Mas dependendo da fase em que estamos, é mais prazeroso assistir a uma farofa da Netflix mesmo.

    Anne with an E, Game of Thrones e outras séries com fandoms apaixonados

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top