Minha conta
    O Senhor dos Anéis - O Retorno do Rei é longo demais? Peter Jackson rebate críticas ao último filme da trilogia
    Por Lucas Leone — 6 de fev. de 2022 às 00:00

    Segundo o diretor, a conclusão da saga do Um Anel poderia ter sido maior ainda, com um epílogo específico para cada personagem.

    Estamos no final de O Senhor dos Anéis - O Retorno do Rei, o último filme da trilogia dirigida por Peter Jackson e baseada na obra de J.R.R. Tolkien. Frodo (Elijah Wood) e Sam (Sean Astin) acabam de jogar o Um Anel na Montanha da Perdição, destruindo Sauron e libertando a Terra Média. Mas a trama lançada em 2003 está longe de terminar.

    De fato, antes que os créditos finais surjam na tela, temos que esperar mais uns bons 20 minutos, durante os quais testemunhamos a coroação de Aragorn (Viggo Mortensen), o retorno dos Hobbits ao Condado, o casamento de Sam, bem como a partida de Frodo e Bilbo (Ian Holm) para as Terras Imortais. Um desfecho denso que alguns espectadores consideraram desnecessariamente longo na época da estreia.

    O Senhor dos Anéis: Peter Jackson considerou três finais diferentes para Gollum

    No comentário em áudio que acompanha a versão estendida do filme, Jackson rebate opiniões negativas relacionadas justamente à duração – e o faz sempre com bom humor. O cineasta atribui os ataques em particular a necessidades vitais. "Toda essa sequência final nos rendeu as piores críticas em O Retorno do Rei. A maior parte é devido a problemas de bexiga", brinca ele.

    "Nessa fase, o público quer especialmente correr para os banheiros. Toda essa sucessão de cenas por mais 20 minutos poderia ter levado alguns espectadores a nos censurar por incluir histórias secundárias", continua Jackson.

    O Senhor dos Anéis: Elenco canta rap para comemorar os 20 anos da saga; veja o vídeo

    Uma explicação que parece bastante plausível, uma vez que, mesmo em sua versão normal, O Retorno do Rei dura 3 horas e 20 minutos. Porém, como aponta no material bônus, Jackson poderia ter dado ao filme uma conclusão maior ainda.

    "Tiramos pequenos epílogos específicos para cada personagem que nunca usamos, mesmo na versão longa. Acho que não precisamos deles", explicou o diretor. "Era a oportunidade de ver o que aconteceu com Legolas, Gimli, Faramir e Éowyn. [Mas] Só guardei o que achei legal deixar. O que não achei legal, não guardei. Simples assim. Não vai mais longe. É assim que tomo minhas decisões", acrescentou.

    Vale ressaltar que, no terceiro livro de Tolkien, o retorno dos Hobbits ao Condado é marcado por muitos eventos que não aparecem na tela – em especial, um derradeiro confronto com Saruman, que conquistou a região.

    O sucesso de O Senhor dos Anéis é tamanho que a franquia cinematográfica vai ganhar uma série exclusiva no Amazon Prime Video, com estreia prevista para 2 de setembro de 2022. A nova trama vai se passar durante a Segunda Era do universo criado por Tolkien, já depois do surgimento da Terra Média, mas milhares de anos antes dos eventos vistos pelo público nos cinemas.

    O Senhor dos Anéis: Gandalf vai aparecer na série do Amazon Prime Video?

    Mesmo com poucas informações disponíveis, sabe-se que a adaptação televisiva vai trazer de volta paisagens clássicas como as Montanhas Nebulosas, ou personagens inesquecíveis como a elfa Galadriel (originalmente encarnada por Cate Blanchett e agora por Morfydd Clark).

    O elenco também conta com dois atores de Game of ThronesJoseph Mawle, que encarnou o Tio Benjen, e Robert Aramayo, que deu vida ao jovem Ned Stark. Já Peter Jackson não está envolvido no projeto, que tem como showrunners John D. Payne e Patrick McKay (roteiristas de Star Trek: Sem Fronteiras).

    O Senhor dos Anéis: Os Anéis de Poder
    O Senhor dos Anéis: Os Anéis de Poder
    Data de lançamento 2 de setembro de 2022 | min
    Séries : O Senhor dos Anéis: Os Anéis de Poder
    Com Morfydd Clark, Markella Kavenagh, Robert Aramayo
    Usuários
    3,0
    Assista agora
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top