Minha conta
    O Senhor dos Anéis: Vencedor do Oscar recusou papel na trilogia e hoje se arrepende
    Por Lucas Leone — 24 de jan. de 2022 às 20:30

    Assim como Uma Thurman e Sean Connery, outro nome importante em Hollywood abriu mão da franquia dirigida por Peter Jackson.

    Depois de 20 anos vendo Elijah Wood como Frodo Bolseiro, Ian McKellen como Gandalf ou Viggo Mortensen como Aragorn, é praticamente impossível imaginar outros atores em papéis tão marcantes. Porém, algumas das maiores estrelas do cinema recusaram uma vaga na aclamada trilogia de Peter Jackson. É o caso de Uma Thurman, que não quis dar vida a Éowyn; ou de Sean Connery, que preferiu não encarnar o icônico mago criado por J.R.R. Tolkien. Agora, descobrimos que outro astro de Hollywood poderia ter interpretado um dos hobbits.

    Adrien Brody quase desbravou a Terra Média! Sim, é isso mesmo: o ator americano revelou, em entrevista à GQ, que foi convidado para trabalhar em A Sociedade do Anel, mas declinou a oferta. "Eu, de alguma forma, não aceitei. Não sei em que papel eu me encaixaria, mas era um personagem tipo Hobbit", disse Brody. Mas, na época, a proposta não batia com seus planos profissionais: "Eu estava procurando outra coisa", explicou.

    O Senhor dos Anéis: Qual é a ordem para assistir aos filmes, incluindo O Hobbit e a série do Prime Video?

    Brody reconheceu que, se tivesse concordado, teria entrado na pele de um dos amados habitantes do Condado. Seria Frodo? Sam? Pippin? Merry? Ou o próprio Bilbo Bolseiro? Difícil relacionar algum deles ao vencedor do Oscar por O Pianista.

    A única certeza é que Brody se arrependeu de sua escolha quando viu o resultado nas telonas. "Lembro-me de ver o filme em um cinema com uma ex-namorada", contou ele à revista. "Ela se virou para mim e disse: 'Você se recusou a fazer O Senhor dos Anéis?!' Eu me senti tão estúpido", concluiu o ator, também conhecido por longas como Meia Noite em ParisO Grande Hotel Budapeste e, mais recentemente, A Crônica Francesa.

    Acontece que esse encontro perdido com a Terra Média recompensou – e muito – Brody. Quatro anos após a estreia de A Sociedade do Anel, ele finalmente colaborou com Peter Jackson em King Kong. De acordo com suas próprias palavras, ele provavelmente nunca teria enfrentado o gorila mítico se tivesse atuado em O Senhor dos Anéis.

    O Senhor dos Anéis: Filmes seriam muito diferentes se fossem feitos hoje, diz intérprete de Frodo

    Por fim, Brody declarou que King Kong foi uma experiência maravilhosa e que aprendeu muito sobre como fazer um projeto épico de alto orçamento. “Tivemos uma estreia na Times Square e eles fecharam tudo”, lembrou ele. “O prefeito estava lá e nos apresentou a cidade. Foi um grande evento. Meu rosto foi imortalizado em um copo de refrigerante do McDonald's. Quando isso acontece para alguém?”, brincou.

    Vale destacar que O Senhor dos Anéis vai ganhar um seriado exclusivo no Amazon Prime Video, com estreia prevista para 2 de setembro de 2022. A nova trama vai se passar durante a Segunda Era do universo elaborado por Tolkien, já depois do surgimento da Terra Média, mas milhares de anos antes dos eventos vistos pelo público nas telonas.

    Mesmo com poucas informações disponíveis, sabe-se que a adaptação televisiva vai trazer de volta paisagens clássicas como as Montanhas Nebulosas, ou personagens inesquecíveis como a elfa Galadriel (originalmente encarnada por Cate Blanchett e agora por Morfydd Clark).

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top