Minha conta
    Ridley Scott critica filmes de super-heróis da Marvel e DC: ‘Entediantes para c******!’
    16 de nov. de 2021 às 13:30
    Rafael Felizardo
    Rafael Felizardo
    -Redator | Crítico
    Sonhador desde pequeno e apaixonado por cinema de A a Z, encontrou em David Lynch um modo de sonhar acordado.

    Responsável por grandes obras do cinema, como Alien, Blade Runner e Gladiador, Ridley Scott fez duras críticas aos filmes de super-heróis atuais.

    Um dos mestres da ficção científica, Ridley Scott, o aclamado diretor responsável por títulos como Alien, o 8º PassageiroBlade Runner, o Caçador de AndróidesGladiadorHannibalFalcão Negro em Perigo e o próximo de estrear, Casa Gucci, fez duras críticas aos filmes de super-heróis, longas que têm dominado as bilheterias dos cinemas ultimamente.

    Em entrevista recente para o Deadline, o cineasta colocou que, além das produções serem entediantes, elas também são pobres de roteiro, limitando o trabalho dos atores.“Os melhores filmes, normalmente, são guiados pelos personagens, e então vamos para os super-heróis, se você quiser, porque eu vou arrasar com eles. Eles são chatos para c******!” — criticou Scott.

    Além disso, o diretor ainda comparou algumas de suas produções mais famosas aos filmes em questão, afirmando que, apesar de tudo, é possível fazer filmes melhores com a temática de super-heróis.

    “Os roteiros [sobre os filmes de heróis atuais] não são nada bons. Acho que fiz três ótimos filmes de super-heróis com roteiros excelentes. Um seria Alien, com Sigourney Weaver. Outro seria Gladiador e o outro seria Harrison Ford [Blade Runner]. Eles são filmes de super-heróis. Então, por que os filmes de super-heróis atuais não têm histórias melhores?"

    Durante a crítica, Scott também abordou como deve ser tedioso para as equipes de efeitos especiais o trabalho com este tipo de produção: “Eles são salvos principalmente por efeitos especiais, e isso está se tornando enfadonho para todos que trabalham com efeitos especiais, pois acaba sendo fácil de fazer se você tem dinheiro”.

    A opinião do cineasta ilustra como o mercado do cinema está mudando rapidamente, tal qual a polêmica discussão sobre o conflito qualidade dos filmes X lucro dos estúdios. O debate, ultimamente, tem envolvido renomados diretores e os grandes blockbusters da Marvel e DC, responsáveis por grande parte da audiência cinematográfica nos últimos anos.

    House of Gucci: O que esperar do novo filme de Ridley Scott?
    MAIS DIRETORES RENOMADOS CRITICARAM FILMES COM SUPER-HERÓIS
    Martin Scorsese

    Ridley Scott não foi o primeiro e, provavelmente, não será o último diretor aclamado a criticar os chamados filmes de super-heróis. Nomes como James CameronDenis Villeneuve e até os atores Matt Damon e Jennifer Aniston também entraram na onda, argumentando que tais produções prejudicam a qualidade da sétima arte e roubam o espaço de filmes realmente bons nos cinemas.

    Jennifer Aniston quer mais filmes de Meg Ryan e menos filmes da Marvel

    Além deles, em 2019, durante entrevista para a revista Empire, o diretor Martin Scorsese fez duras críticas aos filmes da Marvel:

    "Eu tentei, sabe? [sobre ver filmes da Marvel] Mas aquilo não é cinema. Honestamente, o máximo que consigo considerá-los é, apesar de serem bem feitos, com atores fazendo o melhor que podem, são como parques temáticos. Não é cinema, com humanos tentando conceber emoções e experiências psicológicas para outros seres humanos".

    Já o diretor Steven Spielberg foi mais cauteloso ao falar sobre estas produções. De acordo com ele, o gênero super-herói faz parte de um ciclo pelo qual o cinema passa de tempos em tempos. Como os filmes de faroeste, os longas da Marvel e DC, provavelmente, morrerão em um futuro não tão distante.

    E aí, quem será que está certo nesta discussão toda?

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top