Minha conta
    Não Se Preocupe, Querida: Personagem de Chris Pine é baseado na comunidade incel; entenda o que significa
    5 de set. de 2022 às 23:14
    Nathalia Jesus
    Nathalia Jesus
    -Redatora e crítica
    Apaixonada por filmes e séries (principalmente sul-coreanos), a redatora é uma contadora de histórias no mundo do entretenimento. No AdoroCinema, ela acompanha os principais lançamentos, premiações, festivais e solta o verbo em discussões relacionadas à diversidade e inclusão na sétima arte.

    O filme estrelado por Harry Styles e Florence Pugh chega aos cinemas em 22 de setembro.

    Não Se Preocupe, Querida está cada vez mais próximo de chegar às telonas, com estreia marcada para 22 de setembro. Antes de chegar ao circuito, o filme estrelado por Harry StylesFlorence Pugh está sendo lançado exclusivamente no Festival de Veneza e até mesmo ganhará um prêmio especial no evento.

    Dirigido por Olivia Wilde, cineasta responsável por Fora de Série, o filme se passa nos anos 1950 e acompanha os recém-casados Alice e Jack, que vivem uma vida aparentemente perfeita em uma comunidade experimental utópica, sediada pelo projeto Victory. O local é chefiado por Frank, fundador da cidade, que mais tarde tem seus verdadeiros objetivos revelados: utilizar os moradores como peões em um programa com propósitos sombrios.

    O personagem Frank é interpretado por Chris Pine (Mulher-Maravilha) e, de acordo com a diretora Olivia Wilde, ele é inspirado na comunidade incel. Em entrevista com Maggie Gyllenhaal para a Interview Magazine, a atriz e cineasta revelou mais detalhes sobre o grande antagonista da história, afirmando que ele é baseado em Jordan Peterson, um psicólogo canadense reverenciado entre homens incels.

    Olivia Wilde o descreve como um “homem insano” e explica o significado do termo, que é a abreviação de “celibatários involuntários”. A comunidade incel faz parte de uma subcultura online que também pode ser categorizada como um grupo de ódio contra diversas instituições de defesa dos direitos civis. Estes são totalmente controversos quanto a questões de gênero, raça e políticas públicas.

    Baseamos esse personagem nesse homem insano, Jordan Peterson, que é esse herói pseudo-intelectual para a comunidade incel. [Incels são] basicamente desprivilegiados, principalmente homens brancos, que acreditam que têm direito ao sexo das mulheres. E eles acreditam que a sociedade agora os roubou — que a ideia do feminismo está trabalhando contra a natureza e que devemos ser colocados de volta no lugar correto.

    A cineasta ainda complementa sua fala criticando Jordan Peterson, afirmando que a comunidade incel está "realmente tendo sucesso de muitas maneiras diferentes" graças a ele. Segundo Wilde, ele é "alguém que legitima certos aspectos de seu movimento porque ele é um ex-professor, é um autor, usa um terno, então eles sentem que essa é uma filosofia real que deve ser levada a sério.”

    Neste fim de semana, a repercussão da fala de Olivia Wilde chegou até o próprio Jordan Peterson, que enviou uma réplica à cineasta por meio do jornal National Post. “Espero que Chris Pine, pelo menos, faça justiça ao esplendor indumentário do meu guarda-roupa público formal, enquanto me ridiculariza na última propaganda disseminada pelos entediados e valentões que agora dominam Hollywood.”

    Não Se Preocupe, Querida
    Não Se Preocupe, Querida
    Data de lançamento 22 de setembro de 2022 | 2h 03min
    Criador(es): Olivia Wilde
    Com Florence Pugh, Harry Styles, Chris Pine, Olivia Wilde, KiKi Layne
    Imprensa
    2,5
    Usuários
    3,2
    Adorocinema
    3,0
    Ver sessões
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top