Minha conta
    Não Se Preocupe, Querida: Filme passou por alguns altos e baixos para ter Harry Styles como protagonista
    20 de ago. de 2022 às 19:35
    Nathalia Jesus
    Nathalia Jesus
    -Redatora e crítica
    Apaixonada por filmes e séries (principalmente sul-coreanos), a redatora é uma contadora de histórias no mundo do entretenimento. No AdoroCinema, ela acompanha os principais lançamentos, premiações, festivais e solta o verbo em discussões relacionadas à diversidade e inclusão na sétima arte.

    Originalmente intitulado Don't Worry Darling, o longa-metragem chega aos cinemas brasileiros em 22 de setembro.

    Não Se Preocupe, Querida está quase chegando aos cinemas no mundo todo. Após a estreia no Festival de Veneza, o longa-metragem será lançado em 22 de setembro no Brasil. Comandado por Olivia Wilde, diretora de Fora de Série, a trama é estrelada por Florence Pugh, Harry Styles, Chris PineKiki Layne e Gemma Chan. Mas, sabia que o ex-integrante da One Direction não estava na primeira formação do elenco?

    Não Se Preocupe, Querida
    Não Se Preocupe, Querida
    Data de lançamento 22 de setembro de 2022 | 2h 03min
    Criador(es): Olivia Wilde
    Com Florence Pugh, Harry Styles, Chris Pine, Olivia Wilde, KiKi Layne
    Imprensa
    2,5
    Usuários
    3,2
    Adorocinema
    3,0
    Ver sessões

    De acordo com uma entrevista recente à Vogue, Olivia Wilde disse que chegar a esse elenco não foi fácil. A parte mais complicada foi achar o co-protagonista Jack perfeito, que seria interpretado por Shia LaBeouf. No entanto, o ator foi demitido por “mau comportamento”, pouco tempo após ser acusado de agressão física e assédio sexual.

    Acontece que Olivia Wilde tinha Harry Styles em mente antes mesmo de Shia LaBeouf assinar para estrelar o filme. Para a Vogue, Wilde explicou que Styles chamou sua atenção com seu papel em Dunkirk, de Christopher Nolan, mas antes da pandemia estava com turnê mundial marcada e estaria indisponível.

    Quando Shia LaBeouf saiu do papel, Harry Styles estava sem agenda para shows, devido ao isolamento físico causado pela pandemia. Como Olivia Wilde sempre afirmou, isso foi uma grande sorte, já que a escalação masculina ia de mal a pior. A diretora contou que recebeu algumas respostas machistas quando apresentou o roteiro a outros atores.

    Eu não posso dizer quantos homens leram o roteiro e disseram: 'A menos que seja uma dupla, a menos que eu esteja no roteiro tanto ou mais do que ela [Florence Pugh], não vale a pena.'
    Em Não Se Preocupe, Querida, Florence Pugh é a protagonista do filme. O personagem Jack pode ser importante na história, mas seu papel é coadjuvante, e isso irritou a alguns atores. Sobre aqueles que recusaram o papel, Olivia Wilde disse:

    Eles foram criados com esse tipo de misoginia inata como parte de sua sociedade: 'Se eu não ocupar espaço suficiente, não parecerei valioso.' Atrizes — altamente treinadas e valiosas — apareceram em papéis coadjuvantes em inúmeros filmes. Não pensamos nisso tipo: 'Meu papel não é tão grande quanto o dele'. É sempre: 'Oh, é um bom papel. É o que eu tinha em mente.'

    Por isso, quando escalou Harry Styles, Olivia Wilde ficou orgulhosa por Harry Styles aceitar e respeitar o protagonismo feminino na frente das telas. E isso ficou nítido, já que a diretora fez um texto no Instagram elogiando o profissionalismo do cantor dos hits As It Was e Watermelon Sugar. Na legenda, ela escreveu:

    "Fato pouco conhecido: a maioria dos atores masculinos não quer interpretar papéis coadjuvantes em filmes liderados por mulheres. A indústria os levou a acreditar que diminui seu poder (ou seja, valor financeiro) para aceitar esses papéis, sendo uma das razões pelas quais é tão difícil conseguir financiamento para filmes focados em histórias femininas... Não é brincadeira, é difícil encontrar atores que reconheçam por que pode valer a pena permitir que uma mulher ocupe o centro das atenções.”

    “Harry Styles não apenas apreciou a oportunidade de permitir que a brilhante Florence Pugh ocupasse o centro do palco como nossa Alice, mas ele infundiu cada cena com um senso sutil de humanidade. Ele não precisava se juntar ao nosso circo, mas pulou a bordo com humildade e graça, e nos surpreendeu todos os dias com seu talento”, concluiu Wilde.

    Todos os filmes de Harry Styles até agora — e os que ele recusou
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top