Minha conta
    Bruna Marquezine expõe desafios de Besouro Azul: "Experiência muito emotiva e desafiadora”
    2 de set. de 2022 às 15:57
    Diego Souza Carlos
    Apaixonado por cultura pop, latinidades e karê, Diego ama as surpresas de Jordan Peele, Guillermo del Toro e Anna Muylaert. Entusiasta do MCU, se aventura em estudar e falar sobre cinema, TV e games.

    Longa chega aos cinemas em agosto de 2023.

    Em meio a tantas incertezas sobre o futuro da Warner Bros. Discovery, existe uma produção em especial que muitos brasileiros anseiam para que não sofra com as mudança da empresa: Besouro Azul.

    Além de ser o filme que marca o primeiro longa-metragem da DC estrelado por um super-herói latino, interpretado por Xolo Maridueña, o elenco conta com a presença de Bruna Marquezine.

    Em entrevista exclusiva à revista Quem, divulgada nesta semana pelo jornalista Mateus Rodrigues, a atriz brasileira revelou alguns desafios em embarcar na megaprodução hollywoodiana.

    “Foi uma experiência que exigiu muito de mim em aspectos que, até então, eu nunca tinha vivenciado. O fato de interpretar em uma outra língua é um grande desafio, porque eu sinto em português. Para mim, a atuação é muito de estar presente, ter acesso e estar conectada com minhas emoções, então fazer essa transição para o inglês e ainda passar toda a emoção, estar presente, era uma grande preocupação”, explica a atriz. “E o ambiente. Por mais que eu tenha crescido nessa indústria, ainda assim, o ambiente é um pouco diferente. A dinâmica é diferente, a logística, e estar com tantas profissionais… Trabalhar com a Susan Sarandon, que é uma uma atriz que, desde que eu me lembro, admiro.”

    Bruna Marquezine revela primeira foto como protagonista de filme da DC

    Bruna relembra que passou por momentos em que se sentiu vulnerável e insegura, mas que, apesar da eventual solidão, foi “uma experiência muito emotiva e desafiadora, mas muito bonita. Foi muito bom poder sentir tudo isso.”

    Na entrevista, a atriz ainda celebra o fato do filme ser conduzido “para a comunidade latina e feito por latinos”, o que a fez se sentir em casa logo de cara. “Foi uma coisa surpreendente até para mim, enquanto latina, enquanto brasileira, o quanto a nossa cultura é semelhante. Os costumes, os hábitos e a mentalidade são semelhantes. Eu me senti muito em casa, porque todo mundo era muito receptivo e caloroso. Eu lembro da minha primeira conversa com meu diretor, de chegar com borboletas no estômago e sair me sentindo acolhida, porque eu sabia que estava em família e isso fez toda a diferença.”

    Por fim, ela explica que a pressão em querer mostrar o seu melhor, com a distância da família e as diferenças de estrutura e língua, fizeram o desafio ficar maior. “Nunca fiquei quase 4 meses diretos longe de casa, então isso tudo mexeu muito comigo. E também o fato de querer fazer ter um desempenho excepcional, meu melhor desempenho, então tem toda uma cobrança mental pessoal ali. Mas que deu certo”, afirma. “Eu estava muito blindada de profissionais incríveis ao meu redor, desde profissionais que já me acompanham há muito tempo nessa jornada, professores de atuação, de sotaque, de tudo, até meu diretor e toda a nossa equipe.”

    A HISTÓRIA DE BESOURO AZUL

    O filme gira em torno do jovem Jaime Reyes, um adolescente de origem mexicana que descobre o escaravelho do Besouro Azul voltando da escola. Ao investigar o objeto, o garoto acaba ativando o artefato alienígena, que lhe fornece uma armadura extraterrestre que pode ser modificada para aumentar sua velocidade e força, bem como para criar armas, asas e escudos.O personagem pode ser visto na animação Justiça Jovem, disponível na HBO Max.

    Após Batgirl, Warner "desacelera" produção de filmes aguardados e cancela série da DC

    Na direção está Angel Manuel Soto, cineasta responsável por Charm City Kings, longa produzido por Jada e Will Smith. Elogiado no Festival de Sundance, o projeto levou o prêmio de Melhor Elenco em 2020.

    O roteiro está nas mãos do escritor mexicano Gareth Dunnet-Alcocer, que trabalhou no remake de Scarface, da Universal Pictures. Já Zev Foreman atua como produtor executivo.

    Besouro Azul chega aos cinemas em cerca de um ano, a partir de 18 de agosto de 2023.

    Besouro Azul
    Besouro Azul
    Criador(es): Angel Manuel Soto
    Com Xolo Maridueña, Bruna Marquezine, Sharon Stone, Raoul Trujillo, George Lopez
    Data de lançamento 18 de agosto de 2023
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top