Minha conta
    Diego Souza Carlos
    Diego Souza Carlos
    Redator
    Biografia

    Jornalista formado pela FAPCOM (Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação), sempre fui apaixonado por cinema. Quando pequeno, depois de incessantes sessões caseiras de O Rei Leão 2 (ou seria Mulan?) em VHS, perguntei aos meus pais qual era o nome da profissão de quem trabalha com cinema. “Cineasta? Então é o que vou ser quando crescer”, disse um pequeno Diego. O sonho mudou um pouco ao longo dos anos e fazer cinema se transformou no desejo de estudar, analisar e informar sobre.

    Na faculdade entendi que queria seguir em comunicação social para trabalhar com cultura pop. Minha passagem pelo Memorial da América Latina me deu uma importante bagagem profissional: atuei com assessoria de imprensa, escrevi para o site, ajudei a divulgar eventos, fui social media, fotógrafo e até apoiei a produção de exposições como Rá-Tim-Bum: O Castelo.

    Até chegar ao AdoroCinema, ainda criei interações vinculadas à cultura pop no querido Papelpop, bem como cobri os mais variados eventos do cinema, da TV, da indústria de games e da música. Entrevistei alguns ídolos, conheci artistas singulares e, aos poucos, comecei a trilhar o sonho que tinha quando pisei pela primeira vez na universidade. Essa jornada se expande todos os dias na redação do AC.

    Expertises:

    Não há como desvincular minha imagem da paixão que tenho por filmes de super-heróis. No entanto, há ecleticidade aqui: sou entusiasta do cinema nacional, sem me prender a gêneros, mas sim a boas histórias. Fico sempre atento às tramas mirabolantes, cheias de comentários sociais, horror e aquele humor ácido de Jordan Peele. Também sou fã de comédia, ainda mais quando ela é escrachada como nas produções de Taika Waititi - além do cinema, seus trabalhos na TV são geniais. Estou atento às movimentações da TV brasileira, assim como gosto de conhecer novos cineastas. Por fim, não poderia deixar de citar meu amor por animações, em todos os seus estilos e formatos. Faço coro com Phil Lord e Chris Miller, produtores de Homem-Aranha no Aranhaverso, quando afirmam que “animação é cinema!”.

    Um filme: Guava Island

    Um filme brasileiro: Aquarius

    Uma série: What We Do In The Shadows

    Uma cena: Frances Ha correndo por Nova York ao som de “Modern Love”, faixa de David Bowie

    Uma frase: “Jogue-me no oceano com meus antepassados que pularam dos navios, porque sabiam que a morte era melhor do que a escravidão.” - Killmonger (Michael B. Jordan), em Pantera Negra

    Uma música: Endors Toi - Tame Impala

    Para rir: How I Met Your Mother

    Para chorar: Happy Together

    Para tomar susto: American Horror Story (Roanoke ou Asylum)

    Um cineasta: Jordan Peele

    Uma atriz: Sandra Oh

    Um ator: Jonathan Majors

    Um personagem: Kamala Khan, a Ms. Marvel

    Back to Top