Minha conta
    Minions 2: "Temos os melhores", exalta Leandro Hassum, a voz de Gru, sobre dublagem brasileira (Entrevista Exclusiva)
    1 de jul. de 2022 às 12:19
    Diego Souza Carlos
    Apaixonado por cultura pop, latinidades e karê, Diego ama as surpresas de Jordan Peele, Guillermo del Toro e Anna Muylaert. Entusiasta do MCU, se aventura em estudar e falar sobre cinema, TV e games.

    Animação já está disponível em cinemas de todo o Brasil.

    Minions 2: A Origem de Gru chega aos cinemas depois de uma longa espera, já que a trama anterior foi lançada em 2017. Dando sequência às tramas que apresentam a juventude de um dos vilões mais queridos do cinema, a animação chega com o frescor de uma trilha sonora feita exclusivamente para o projeto e alguns flertes mais incisivos com a fantasia.

    Leandro Hassum está de volta na dublagem de Gru, mas dessa vez encarna o personagem na faixa dos 11 anos, algo que precisou de uma técnica diferente para ser reproduzido. Em entrevista ao AdoroCinema, o ator exaltou a indústria nacional de dublagem e também destacou como o trabalho ao lado da Universal Pictures e Illumination torna o processo personalizado ao espectador brasileiro.

    Minions 2: "Eu fui um vilão mirim!", revela Leandro Hassum, que retorna para dublar Gru (Entrevista Exclusiva)

    “Um exemplo que eu sempre uso é algo muito comum nos Estados Unidos: "Oh my god!". Isso lá é muito normal, mas se você falar assim "Oh, meu Deus!", parece meio canastra, a gente não fala desse jeito. Então, eu sempre troco para um "Caramba! Nossa!" [nessas ocasiões]. Essas são as adaptações, o tipo de adaptação que a gente faz”, explica sobre a mudança de expressões no ato de dublar.

    Ele continua: “A gente vai achando essas adaptações que são muito familiares para o nosso ouvido e que faz com que [pareça] que ‘é esse cara mesmo que tá falando, não tem uma outra voz, não é dublado, é esse cara mesmo'. Neste lugar, a gente tem que aplaudir de pé a galera que faz dublagem no Brasil, que dirige dublagem no Brasil, são craques mesmo!”

    Hassum ainda agradece ao estúdio e equipe envolvida na franquia. “A Delarte é brilhante nas dublagens que faz, tanto é que a gente tem os melhores. O Manolo [Rey], que é diretor de dublagem do Minions e dos outros filmes [da franquia] Meu Malvado Favorito, é a voz do Homem-Aranha [de Tobey Maguire]. Assim como o Guilherme Briggs, que dirigiu o primeiro, faz a voz do Jim Carrey, do Cosmo de Os Padrinhos Mágicos. São vozes muito marcantes, então são caras que entendem muito.”

    Qual é a história de Minions 2: A Origem de Gru?

    Nos anos 1970, muito antes de se tornar o mestre do mal, Gru é apenas um garoto de 11 anos, morando em um subúrbio e planejando dominar o mundo de seu porão, sem muito sucesso até agora. Quando Gru cruza o caminho dos Minions, incluindo Kevin, Stuart, Bob e Otto - um novo Minion de aparelho nos dentes e uma necessidade desesperada de agradar, eles formam uma família inusitada. Juntos, constroem seu primeiro esconderijo, projetam suas primeiras armas e unem suas forças para executar suas primeiras missões.

    Quando o infame supergrupo de vilões, Sexteto Sinistro, expulsa seu líder - o lendário lutador de artes marciais Wild Knuckles – seu mais devotado fã, Gru, decide fazer uma entrevista para ocupar a vaga. O grupo não dá corda para o diminuto aspirante a vilão, mas Gru os engana (e enfurece), tornando-se, de repente, o inimigo mortal da maior gangue do mal. Com o pequeno vilão em perigo, os Minions tentam dominar a arte do kung fu para ajudar a salvá-lo, e Gru descobre que até os bandidos precisam de uma ajudinha de seus amigos.

    Minions 2 - A Origem de Gru tem cenas pós-créditos? Veja duração do filme que acaba de estrear

    Minions 2: A Origem de Gru já está em exibição nos cinemas.

    Minions 2: A Origem de Gru
    Minions 2: A Origem de Gru
    Data de lançamento 30 de junho de 2022 | 1h 28min
    Criador(es): Kyle Balda, Brad Ableson
    Usuários
    4,0
    Ver sessões
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top