Minha conta
    Spiderhead é baseado em uma história real? Diretor de Top Gun compara distopia com a realidade
    18 de jun. de 2022 às 15:54
    Bruno Botelho dos Santos
    Bruno Botelho dos Santos
    -Redator | crítico
    Bruno é redator e crítico do AdoroCinema, que divide seu tempo na cultura pop entre tomar susto com os mais diversos filmes de terror, assistir os clássicos do cinema ou os grandes blockbusters e enaltecer o trabalho de David Lynch e Stanley Kubrick.

    Spiderhead é uma nova distopia da Netflix, estrelada por Chris Hemsworth e comandada por Joseph Kosinski de Top Gun: Maverick.

    Spiderhead está disponível no catálogo da Netflix, estrelado por Chris HemsworthMiles TellerJurnee Smollett, comandado por Joseph Kosinski, mesmo diretor responsável por Top Gun: Maverick. Com uma história distópica sobre experimentação de drogas, Spiderhead é baseado em uma história real? 

    Spiderhead: Entenda o final do filme da Netflix estrelado por Chris Hemsworth

    O filme se passa em um futuro próximo, em uma penitenciária de última geração, administrada pelo cientista Steve Abnesti (Hemsworth), onde os condenados têm a chance de se voluntariarem como cobaias em experimentos médicos com dispositivos que administram dosagens de drogas experimentais, em troca de sentenças reduzidas. Quando um dos condenados se submete para o teste de uma nova droga capaz de gerar sentimentos, ele começa a questionar a realidade de suas emoções.

    Spiderhead é inspirado em uma história real?

    Em entrevista ao Collider, o diretor Joseph Kosinski insistiu que os acontecimentos de Spiderhead estão mais próximos da realidade do que você imagina, mesmo se tratando de uma história fictícia e inspirada no conto de George Saunders para The New Yorker, chamado "Escape from Spiderhead".

    Não acho que seja ficção científica. Acho que tudo neste filme poderia estar acontecendo hoje

    "E provavelmente acontecerá em algum momento em breve”, acrescentou o produtor Eric Newman, estabelecendo uma conexão entre Spiderhead e a manipulação de drogas do mundo real cometida pela família Sackler, acusada de fazer parte da crise de opióides dos Estados Unidos. Para quem não sabe, a família é dona da farmacêutica fabricante do OxyContin, analgésico opióide que viciou e causou a morte de milhares de pessoas. “Acho que não há nada neste filme que não esteja em um futuro não tão distante para nós. Falando por mim, estou fazendo uma série sobre os Sacklers agora e o OxyContin e o processo pelo qual eles chegaram ao OxyContin, e nada neste momento me chocaria”, completa o produtor.

    Em entrevista ao New Yorker, o autor do conto original George Saunders explicou que Spiderhead, como a maior parte de seu trabalho, explora o que poderia ser o objetivo final do capitalismo e onde os humanos se encaixam nele: “Eu defendo a noção de que o capitalismo pode ser um máquina agressiva e brutal, rolando tudo em seu caminho... ainda acredito que o capitalismo é muito duro e acredito que, mesmo dentro disso, há muita satisfação e beleza se você for um dos sortudos, embora isso não erradique a realidade do sofrimento. É tudo verdade ao mesmo tempo, meio sussurrante e sublime”, conta Saunders. 

    No final nas contas, Spiderhead é uma distopia e, como muitas delas, pode estar mais próxima da realidade do que imaginamos. Por isso, essa história tem fortes paralelos com os problemas de nossa sociedade capitalista e se relaciona com diversos escândalos reais, especialmente de experimentação de drogas.

    Spiderhead está disponível no catálogo da Netflix.

    Spiderhead
    Spiderhead
    Data de lançamento 17 de junho de 2022 | 1h 46min
    Criador(es): Joseph Kosinski
    Com Chris Hemsworth, Miles Teller, Charles Parnell, Jurnee Smollett, Nathan Jones
    Usuários
    2,5
    Assistir em streaming
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top