Minha conta
    Doutor Estranho 2: O que é o Darkhold? Conheça o livro mais perigoso da Marvel
    Por Bruno Botelho dos Santos — 4 de mai. de 2022 às 23:48

    Último episódio de WandaVision apresentou oficialmente o Darkhold, que pode ter trazido muitos problemas para o Universo Cinematográfico Marvel.

    Quando Agatha Harkness (Kathryn Hahn) foi revelada como a verdadeira vilã de WandaVision, um livro mágico misterioso presente no porão da bruxa chamou bastante atenção, afinal, o que ele poderia representar? O episódio final de WandaVision confirmou o que o AdoroCinema havia especulado anteriormente: o livro em questão é o Darkhold, muito conhecido e temido pelos fãs da Marvel.

    O episódio 9 de WandaVision termina com a Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen) em posse de um livro místico chamado Darkhold, inclusive utilizando ele em uma das cenas pós-créditos que faz conexão com Doutor Estranho no Multiverso da Loucura. Descrito pela própria Agatha como o "Livro dos Amaldiçoados", ele é um dos artefatos mais poderosos e perigosos da Marvel nos quadrinhos. Por isso, vamos entender o que é o Darkhold e o que ele reserva para o futuro do Universo Cinematográfico Marvel.

    Darkhold é o livro mágico mais perigoso da Marvel

    Darkhold apareceu pela primeira vez em 1972 nos quadrinhos da Marvel, apresentado como um livro amaldiçoado utilizado como uma das ferramentas mais poderosas do mundo sobrenatural, o que faz Stephen Strange (o Doutor Estranho) o manter trancado a sete chaves por algum tempo. 

    Ele foi originalmente criado pelo lorde das trevas Chthon bilhões de anos no passado, que faz parte de uma antiga raça de seres poderosos conhecidos como Deuses Anciões e se tornou o primeiro a dominar a Magia do Caos – poder que a Feiticeira Escarlate detém e foi confirmado em WandaVision –, se autodenominando o “Deus do Caos”. Ele utilizou isso para governar a Terra por um tempo, com habilidades para moldar a realidade da maneira que quisesse. Depois, acabou exilado em uma dimensão alternativa.

    WandaVision: Como Feiticeira Escarlate ganhou seus poderes?

    Só que ele deixou para trás um presente sombrio para a humanidade, uma coleção de pergaminhos que servia como manual para seu poder, e um dia permitiria que ele voltasse para a Terra. Eles mais tarde seriam encadernados em um livro de magia obscura, mantido por cultistas de Chthon, chamados Darkholders, daí surgiu o nome Darkhold.

    Nos quadrinhos, o livro é fonte de alguns dos mais horríveis males sobrenaturais, pois suas páginas libertaram vampiros e lobisomens no mundo. É semelhante ao Necronomicon da franquia Evil Dead (A Morte do Demônio), que desperta os mortos – inclusive, Bruce Campbell, protagonista da série de filmes de terror pode aparecer em Doutor Estranho 2. Outros feiticeiros examinaram suas páginas, com o Livro de Cagliostro contendo cópias das páginas do Darkhold. Ele até mesmo ganhou outros nomes, como Livro dos Pecados e Livro dos Amaldiçoados.

    O que significa a Feiticeira Escarlate com o Darkhold?

    Agatha Harkness revelou que o livro contém um capítulo inteiro dedicado à Feiticeira Escarlate. Nos quadrinhos, Wanda Maximoff foi escolhida por Chthon para exercer o poder da Magia do Caos, e cada vez que ela usava esse poder, a realidade era afetada e deixava mais fácil o retorno dele para esta dimensão. Os acontecimentos finais de WandaVision, com a personagem explorando cada vez mais seu poder, parece comprovar que o mesmo pode acontecer no UCM.

    O Darkhold está agora na posse da Feitceira Escarlate, que como a cena pós-crédito deixa claro, está usando-o para aprender feitiçaria, o que vai causar diversos problemas. O Darkhold não é um mero livro, mas um artefato perigoso que pode corromper a alma de quem usa. Em Doutor Estranho, Stephen Strange (Benedict Cumberbatch) aprendeu sobre o Livro de Cagliostro, os feitiços e que seus experimentos com a Joia do Tempo poderiam destruir a estrutura do espaço-tempo. As experiências com o Darkhold, portanto, devem levar à apresentação total do Multiverso na Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel.

    Como Feiticeira Escarlate de Elizabeth Olsen foi confirmada como uma personagem importante em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, podemos supor que ela vai quebrar a realidade, e precisará ajudar o Doutor Estranho a lidar com o estrago, como a provável aparição de Chthon, que deve ser o grande vilão do filme.

    WandaVision: Doutor Estranho 2 vai contar mais histórias de Feiticeira Escarlate, revela diretor

    Darkhold pode trazer vampiros e Blade para o Universo Cinematográfico Marvel

    Blade vai ganhar um novo filmes estrelado por Mahershala Ali como o caçador de vampiros do Universo Cinematográfico Marvel. Então, o uso do Darkhold é a forma ideal para trazer os seres sobrenaturais, como os vampiros para as próximas produções, afinal, os vampiros foram criados pelo livro nos quadrinhos. Para combatê-los, nada melhor que um caçador de vampiros icônico como Blade. 

    Kevin Feige, presidente da Marvel Studios, afirmou em entrevista ao Rotten Tomatoes que haveria uma ligação direta entre Doutor Estranho no Multiverso da Loucura e Blade: "Há anos, queremos encontrar uma nova maneira de entrar em Blade. Amamos esse personagem, amamos esse mundo. Agora, com Doutor Estranho e os elementos sobrenaturais chegando ao UCM, parecia que poderíamos definitivamente começar a explorar isso". 

    Blade: "Não é o fim", diz Wesley Snipes sobre nova versão com Mahershala Ali
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top