Minha conta
    Depois de A Menina que Matou os Pais, filme brasileiro contará história de outra família assassinada em São Paulo
    Por Caio Garritano — 8 de out. de 2021 às 15:00

    Os dois filmes sobre o caso Von Richthofen são protagonizados por Carla Diaz e Leonardo Bittencourt e estão fazendo o maior sucesso desde que estrearam no Amazon Prime Video.

    A Menina Que Matou os Pais, lançado com o paralelo O Menino Que Matou Meus Pais, movimentou a internet nas últimas semanas. Lançado no catálogo do Amazon Prime Video em 24 de setembro, o filme é baseado nos autos do julgamento de Suzane Von Richthofen, Cristian e Daniel Cravinhos, responsáveis pelo assassinato brutal que chocou o Brasil em 2002. Apesar desse gênero estar chegando só agora no cinema nacional, são muitos os longas que foram inspirados em crimes reais que fazem sucesso nos Estados Unidos e no mundo todo. E como inspiração é o que não falta no país, parece que já temos um novo projeto nesse mesmo estilo em desenvolvimento. 

    A Menina que Matou os Pais: Carla Diaz revela qual foi a cena mais tensa de filmar (Entrevista Exclusiva)

    Responsável pelo sucesso dos filmes protagonizados por Carla Diaz e Leonardo Bittencourt, a Galeria Distribuidora anunciou que seu próximo filme original será sobre o caso do Castelinho da Rua Apa, local que desde os anos 30 carrega a fama de ser mal assombrado. Apesar de não terem divulgado muitas informações, sabemos apenas que o longa imaginará o que pode ter acontecido com os três membros da família Reis, mãe e dois filhos adultos, encontrados mortos dentro da sua residência em 1937.

    Muito influente na elite da cidade de São Paulo da época, a família Reis era dona do Broadway, um cinema na Avenida São João e vivia em um peculiar castelo na mesma avenida. Esse é um dos crimes mais intrigantes de todos os tempos porque até hoje é cercado de mistério, inconsistências e dúvidas sobre os fatos. Não foram divulgados também os nomes que devem integrar o elenco e até mesmo comandar a produção, que está prevista para acontecer no primeiro semestre de 2022.  

    Pai de Suzane Richthofen era abusivo? Entenda a versão contada em A Menina Que Matou os Pais

    “Estamos agora celebrando o sucesso dos lançamentos dos nossos filmes A Menina Que Matou Os Pais e O Menino Que Matou Meus Pais, mas não entraríamos em outro projeto do gênero True Crime se realmente não acreditássemos no potencial da história. Não queremos apenas replicar histórias, gêneros ou formatos, mas sim desenvolver cases e conceitos únicos para cada obra que desenvolvemos, e não será diferente nesse caso!”, afirmou Gabriel Gurman, CEO da Galeria Distribuidora. 

    A Menina que Matou os Pais
    A Menina que Matou os Pais
    Data de lançamento 24 de setembro de 2021 | 1h 20min
    Criador(es): Mauricio Eça
    Com Carla Diaz, Leonardo Bittencourt, Allan Souza Lima, Leonardo Medeiros, Vera Zimmermann
    Usuários
    2,9
    Assista agora

    Enquanto espera esse novo filme, A Menina que Matou os Pais acompanha a versão de Daniel Cravinhos sobre os acontecimentos que resultaram na morte de Manfred e Marísia Von Richthofen. Já O Menino que Matou Meus Pais retrata a visão de Suzane de acordo com seus relatos no tribunal, nos quais afirmava que o namorado era abusivo, manipulador e a convenceu a assassinar seus pais. Ambos os filmes são dirigidos por Maurício Eça, que também comandou as câmeras em Carrossel, A Garota Invisível e até mesmo o famoso clipe de Barbie Girl, da cantora Kelly Key.

    Confira quais filmes estão em cartaz nos cinemas brasileiros (Atualizado)
     
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top