Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    A trilogia Para Todos os Garotos que Já Amei foi encerrada da melhor forma?
    Por Barbara Demerov e Vitória Pratini — 13 de fev. de 2021 às 21:02
    facebook Tweet

    O terceiro e último filme de Lara Jean e Peter Kavinsky, Agora e Para Sempre, já está disponível na Netflix!

    Para Todos os Garotos que Já Amei: Agora e Para Sempre narra o último capítulo da história de amor entre Lara Jean Covey (Lana Condor) e Peter Kavinsky (Noah Centineo) e já está disponível no catálogo da Netflix. Com uma trama que fala sobre amadurecimento e liberdade, o romance aborda as dificuldades que os dois jovens têm de lidar a partir do momento em que ambos precisam escolher a faculdade que vão estudar.

    Leia a crítica de Para Todos os Garotos que Já Amei 3

    Mas, será que a trilogia foi encerrada da melhor forma, proporcionando um final feliz não só a Lara Jean e Peter, como também aos personagens secundários?

    Cuidado! Spoilers do filme abaixo.

    Filme traz conflitos por parte de Peter Kavinsky 

    Um dos temas principais de Para Todos os Garotos 3 é a vontade de Peter em fazer com que Lara Jean estude na mesma faculdade que ele. A intenção é boa e é possível compreender que o garoto é uma pessoa que quer se sentir segura ao lado da garota que ama, mas por outro lado, Lara Jean se mostra mais dedicada em agradar o parceiro do que a ela mesma.

    Mas temos um final feliz e bem "vida real"! No decorrer da narrativa, o filme nos mostra que Lara Jean compreende que satisfazer suas próprias vontades (estudar em Nova York) e manter um relacionamento saudável com Peter à distância é possível. Para isso, o casal se esforça para entender que a base de seu namoro é a confiança, e que tudo fluirá da maneira mais leve possível caso ambos estejam na mesma página — ainda que distantes fisicamente um do outro.

    Para Todos os Garotos 3: Jordan Fisher aparece no romance da Netflix?

    O pai de Lara Jean finalmente reencontra o amor

    Uma das sub-tramas mais fofas de Para Todos os Garotos 3 certamente é a que envolve a família de Lara Jean. Seu pai, Dan (John Corbett), está prestes a se casar e está mais feliz do que nunca. Nos momentos em que a protagonista se sente perdida por conta das discussões com Peter e dúvidas relacionadas ao seu futuro, é no colo de sua família que encontra um pouco de paz.

    Além de ajudar seu pai a planejar o casamento com Trina (Sarayu Rao), Lara Jean tem total apoio de suas irmãs — o que resulta em momentos divertidos e com boas doses de reflexão.

    O filme dá destaque a amizade feminina

    Netflix

    Se há um elemento que Para Todos os Garotos 3 dá destaque são as personagens femininas, com uma dose de feminismo e um ode à amizade. Durante seus momentos de conflito e tristeza no filme, Lara Jean está sempre cercada por sua amiga Chris (Madeleine Arthur), por sua irmã, Kitty (Anna Cathcart), e, eventualmente, Margo (Janel Parrish).

    Enquanto o coração de LJ a puxa em duas direções muito diferentes, ela tem duas forças da natureza ao seu lado, mantendo-a com os pés no chão, as autênticas Chris e Kitty, que se tornam suas confidentes. Ao mesmo tempo, Lara Jean também aconselha e desafia Chris, que tem um espírito livre, escolhe relacionamentos sem etiqueta e prefere viajar a ir para a faculdade.

    Já a irmã mais nova de LJ, Kitty está descobrindo sua própria identidade separada dela, mostrando bastante segurança e se interessando por garotos pela primeira vez. A maneira como Kitty apoia sua irmã é muito bonita de ver nas telas, uma irmandade como essa é um exemplo. Além de apenas estar lá, ela se comporta como uma jovem mulher obstinada, desafiadora, que não aceita besteiras, navegando em seu lugar no mundo. 

    Outro exemplo de empoderamento feminino, que serviu como estopim para o amadurecimento da personagem, é quando Lara Jean, Chris e Gwen saem com um grupo de universitárias em Nova York.

    A protagonista é capaz de entender que liberdade não significa afastamento
    Netflix

    A franquia de sucesso Para Todos os Garotos faz parte do movimento de comédias românticas modernas. As dores crescentes de se tornar um adulto são as mesmas que nos filmes clássicos que tanto amamos, mas a receita tradicional de uma "rom-com" — na qual a mulher deve passar por uma transformação dramática para se tornar adorável e ficar feliz — não precisa ser.

    Para Todos os Garotos 3: Comédias românticas para entrar no clima do filme da Netflix

    Em Agora e Para Sempre, a personagem de Lana Condor percebe — ainda que tardiamente no enredo do filme — que não precisa mudar seu comportamento e seus desejos para se adequar a nada e a ninguém (como na canção de Ivete Sangalo e Saulo Fernandes). Lara Jean é capaz de entender que ter liberdade (no relacionamento amoroso ou afetivo com a família) não significa se afastar daqueles que ama, e que a comunicação e transparência é o melhor caminho a ser seguido.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top