Minha conta
    Netflix quis imitar o sucesso de Game of Thrones com esta série e acabou sendo um fracasso monumental
    1 de dez. de 2022 às 18:10
    Nathalia Jesus
    Nathalia Jesus
    -Redatora e crítica
    Apaixonada por filmes e séries (principalmente sul-coreanos), a redatora é uma contadora de histórias no mundo do entretenimento. No AdoroCinema, ela acompanha os principais lançamentos, premiações, festivais e solta o verbo em discussões relacionadas à diversidade e inclusão na sétima arte.

    Quando a plataforma de streaming assumiu seu compromisso com a fantasia, a série da HBO estava atingindo seus níveis mais altos como fenômeno de massa.

    Quando a Netflix deu sinal verde para Cursed - A Lenda do Lago, uma adaptação da então inédita graphic novel de Frank Miller e Tom Wheeler, o projeto promissor rapidamente entrou no radar do público.

    Na época, era 2018 e Game of Thrones estava em pleno andamento com o que estavam sendo suas melhores temporadas até o momento, então os paralelos rapidamente começaram a ser traçados, com muitas manchetes anunciando o projeto como "Game of Thrones da Netflix".

    Cursed - A Lenda do Lago
    Cursed - A Lenda do Lago
    Data de lançamento 17 de julho de 2020 | min
    Séries : Cursed - A Lenda do Lago
    Com Katherine Langford, Devon Terrell, Gustaf Skarsgård
    Usuários
    3,2
    Assistir em streaming

    Sem dúvidas, a Netflix encomendou seu projeto de fantasia no momento mais adequado para atrair a atenção do público e tinha vários ingredientes para ser considerado como um dos projetos mais promissores da plataforma. Por um lado, era "uma reimaginação da lenda do Rei Arthur", como prometia a primeira descrição oficial, mas também era estrelado por Katherine Langford, que acabara de triunfar com seu papel como Hannah Baker no sucesso 13 Reasons Why.

    Nessa época, a Netflix já estava a todo vapor, mas ainda não havia lançado The Witcher como sua expressão máxima no gênero e o primeiro vislumbre de Katherine Langford, espada na mão em um cenário espetacular, fez com que a atração se tornasse muito aguardada.

    A série foi facilmente esquecida

    A história, conforme prometido pela Netflix, seria contada “através dos olhos de Nimue, uma heroína adolescente com um dom misterioso que está destinada a se tornar a poderosa (e trágica) Dama do Lago. Na companhia de Arthur, ela embarca em uma aventura à procura do mago Merlim e da espada sagrada."

    Porém, quando Cursed - A Lenda do Lago foi lançado dois anos depois, em plena pandemia em julho de 2020, o fez em um cenário bem diferente daquele em que havia sido encomendado. Com o final de Game of Thrones, o que muitos classificaram como decepcionante, o recurso midiático de chamar a série de "Game of Thrones da Netflix" não tinha mais a mesma atração.

    Cursed - A Lenda do Lago: Netflix revela vídeo explicando a história real por trás da lenda do rei Arthur

    Cursed - A Lenda do Lago não foi alvo de críticas devastadoras, mas teve um lançamento morno, muito longe do blockbuster de fantasia que muitos acreditavam que a Netflix tinha em mãos. Curiosamente, foi mais bem recebido pela crítica do que pelo público, com 65% de avaliações positivas contra 52% no Rotten Tomatoes.

    Entre as principais reclamações estava o desinteresse da história e sua construção lenta, além de um final não satisfatório para a viagem. A personagem de Langford também não foi especialmente bem recebida.

    Teve gente que gostou, mas a realidade é que a Netflix decidiu engavetá-la depois de um ano inteiro de silêncio. O cancelamento era um segredo aberto, mas quando pensávamos que eles haviam esquecido, um ano após sua estreia, a empresa anunciou o cancelamento com firmeza.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top