Minha conta
    5 atores que foram considerados feios demais para alguns papéis
    29 de set. de 2022 às 00:00
    Giovanna Ribeiro
    Giovanna Ribeiro
    -Redação
    Aprendeu com Amélie Poulain a ir ao cinema sozinha às sextas e observar a reação do público. Mas, no fundo, queria mesmo era ser o Rocky Balboa.

    Atores hoje considerados rostinhos bonitos de Hollywood, nem sempre tiveram vida fácil.

    Em um mercado em que a estética vale tanto quanto o talento (e as vezes até mais), os padrões de beleza podem ser rígidos para além da conta. Mesmo que alguém ser ou não atraente seja uma questão subjetiva, a indústria muitas vezes pautada por padrões preconceituosos e até expectativas irreais, cria uma peneira bem minuciosa para determinar quem deve ou não ocupar aquele espaço.

    O AdoroCinema relembra alguns casos em que os próprios atores, hoje bem sucedidos no meio, declararam experiências desagradáveis no passado e quase perderam a chance de se tornarem estrelas, por de alguma forma, não corresponderem naquele momento ao padrão hollywoodiano.

    Meryl Streep

    Difícil imaginar uma realidade paralela em que Meryl Streep é rejeitada para algum papel. Mas, uma das atrizes mais celebradas do cinema já perdeu um trabalho por ser considerada feia demais. A atriz revelou ter sido rejeitada para o filme King Kong, e ao ser apresentada ao produtor, chegou a ouvir o insulto de que era uma "coisa feia". Bem, quem saiu perdendo com certeza não foi a Meryl Streep. 

    Minnie Driver

    A atriz indicada ao Oscar por sua performance em Gênio IndomávelMinnie Driver quase ficou de fora deste que viria a consagrar sua carreira. Disputando o papel para viver o par romântico de Matt Damon no longa, ela não foi considerada pelo produtor bonita o suficiente para estar no filme. Essa postura grosseira da produção quase tirou as chances da atriz de interpretar Skylar. Mas, tudo deu certo, e Driver não só participou do filme, como provou seu talento.

    Benedict Cumberbatch

    Ao ser escalado para viver SherlockBenedict Cumberbatch chegou a ser chamado de feio por um produtor executivo da série. No primeiro momento, o astro não teria impressionado a equipe, que esperava um ator mais "sexy" para viver o protagonista. Além de ter se mostrado um ator excepcional (o britânico conquistou ao todo quatro indicações ao Emmy apenas por Sherlock, vencendo um), hoje Cumberbatch também é considerado um galã por diversas revistas de comportamento, sendo mais um exemplo de como o conceito de beleza é subjetivo.

    Winona Ryder

    A estrela de Stranger Things, Winona Ryder, já declarou em diversas entrevistas as dificuldades que enfrentou no início de sua carreira nos anos 80, para se encaixar na indústria. Em entrevista, ela declarou ouvir de um diretor que não era bonita o suficiente e por isso nem deveria querer ser atriz. Algo difícil de se ouvir para qualquer pessoa, mas Winona na época era só uma adolescente, o que torna a declaração ainda mais pesada.

    Andrew Garfield

    O indicado ao Oscar e ganhador do Globo de Ouro Andrew Garfield, também chegou a ser rejeitado para um papel importante. O Homem-Aranha, em 2008, fez testes para viver o Príncipe Caspian, no segundo filme da franquia As Crônicas de Nárnia. Disputando a vaga com Ben Barnes, Andrew perdeu o papel do príncipe para o colega, e ao questionar a agente, ouviu que não o acharam bonito o suficiente. Ainda bem que o mundo dá voltas. 

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top