Minha conta
    O Peso do Talento: 6 referências que somente os fãs mais devotos de Nicolas Cage conseguiram pegar
    8 de mai. de 2022 às 23:00
    Rafael Felizardo
    Rafael Felizardo
    -Redator | Crítico
    Sonhador desde pequeno e apaixonado por cinema de A a Z, encontrou em David Lynch um modo de sonhar acordado.

    Ao lado de Pedro Pascal, Cage marca presença em uma comédia despretensiosa que faz homenagem à sua bela carreira.

    Para a felicidade de grande parte dos apaixonados por cinema, uma das maiores estrelas de Hollywood de todos os tempos — e rei dos memes na internet — está de volta às grandes telas. Com O Peso do Talento, Nicolas Cage retorna aos holofotes em grande estilo, entregando uma divertida comédia que não se leva a sério e brindando um legado que move uma legião de fãs por onde passa.

    O Peso do Talento
    O Peso do Talento
    Data de lançamento 12 de maio de 2022 | 1h 48min
    Criador(es): Tom Gormican
    Com Nicolas Cage, Pedro Pascal, Alessandra Mastronardi, Jacob Scipio, Lily Mo Sheen
    Usuários
    3,2
    Adorocinema
    3,5

    Na trama, sofrendo por não conseguir mais papéis como antes, não ter mais a mesma fama, estar insatisfeito com a vida e prestes a pedir falência, Nicolas Cage chega no fundo do poço. Após ter sua presença negada em mais um filme, o ator acaba aceitando US$ 1 milhão como sua última fonte de renda. O dinheiro vem de Javi (Pedro Pascal), um superfã fanático pelo astro mas extremamente perigoso. As coisas tomam um rumo inesperado quando Cage é recrutado por uma agente da CIA (Tiffany Haddish) e forçado a viver de acordo com sua própria lenda.

    Levando em consideração que o longa-metragem está lotado de referências aos vastos anos da carreira de Cage, confira abaixo alguns dos principais easter eggs espalhados pelo filme:

    Nicolas Cage revela lista de diretores com quem gostaria de trabalhar (e você provavelmente não imaginava os nomes)
    NICKY É UM PERSONAGEM DE UMA ENTREVISTA DE CAGE

    Em 1990, Nicolas Cage participou de um talk show britânico apresentado por Terry Wogan, promovendo o filme Coração Selvagem (David Lynch) com chutes, golpes de caratê e jogando dinheiro para o público. O ator voltou a viver a persona do programa em O Peso do Talento, encorajando a si próprio, no filme, a ceder aos seus impulsos mais autodestrutivos.

    CLÁSSICA CENA DA PISCINA DE DESPEDIDA EM LAS VEGAS

    Obviamente, não ficaria de fora da produção a referência a uma das maiores performances da carreira de Cage: Despedida em Las Vegas. Dirigido por Mike Figgis (Família Soprano), o filme gira em torno de um roteirista com problemas de alcoolismo que decide beber até a morte na Cidade do Pecado.

    Em O Peso do Talento, uma cena parecida é reproduzida, mostrando Nicolas no fundo da piscina bebendo uma garrafa de cerveja — só que, desta vez, quem vai buscá-lo é Javi.

    NICOLAS CAGE NÃO PRECISA DE DUBLÊS

    Em certo momento, sob efeito de LSD, Javi e Nic discutem a respeito de qual deles deve dirigir durante uma perseguição em alta velocidade. Ali, o personagem de Pascal diz que Cage é o mais apto para a façanha, citando a participação do ator em A Lenda do Tesouro Perdido e 60 Segundos. Tal comentário vai de encontro ao fato do ator realizar, nesses filmes, muitas das suas próprias acrobacias sem usar dublês.

    A COLEÇÃO DE JAVI
    A Outra Face (1997).

    No meio do filme, Javi leva Cage para uma sala secreta atrás de uma porta espelhada, cheia de lembranças e adereços que deixariam qualquer fã com inveja. No local, é possível ser encontrado um conjunto de pérolas verdes do filme A Rocha; o coelhinho de pelúcia de Con Air - A Rota da Fuga; pôsteres de A Lenda do Tesouro Perdido; e as lendárias pistolas douradas de A Outra Face.

    REFERÊNCIA AO FILME A OUTRA FACE

    O final de O Peso do Talento parece ter saído diretamente dos filmes clássicos de ação dos anos 1990 — e foi exatamente isso o que aconteceu. Fãs mais assíduos de Cage notarão que o take é uma adaptação da última parte de A Outra Face, onde o personagem do ator está segurando o de John Travolta com uma arma apontada para a sua cabeça. A referência também inclui o momento com a facada na perna.

    NICOLAS CAGE E AS ABELHAS

    Nos momentos finais do filme, Nicolas está são e salvo com sua família em casa, e a conversa se volta para a enorme fivela de cinto de tarântula que ele está usando. O ator explica que seu estilista queria que ele usasse um cinto com uma grande abelha na estreia de seu último filme, ao que ele respondeu: "As abelhas não! As abelhas não!".

    Esta é uma citação saída diretamente do filme O Sacrifício, em que o personagem do astro tem um encontro desagradável com um enxame de abelhas.

    Nicolas Cage provoca sequência de um dos melhores filmes de ação de todos os tempos
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top