Minha conta
    X-Men e Quarteto Fantástico mudaram os planos do multiverso na Marvel? Kevin Feige tem a resposta
    8 de dez. de 2021 às 11:33
    Bruno Botelho dos Santos
    Bruno Botelho dos Santos
    -Redator | crítico
    Bruno é redator e crítico do AdoroCinema, que divide seu tempo na cultura pop entre tomar susto com os mais diversos filmes de terror, assistir os clássicos do cinema ou os grandes blockbusters e enaltecer o trabalho de David Lynch e Stanley Kubrick.

    X-Men e Quarteto Fantástico podem fazer parte do Universo Cinematográfico Marvel depois da compra da Fox pela Disney.

    Desde que a Fox – empresa que tinha os direitos dos X-Men, Quarteto Fantástico e Deadpool, por exemplo – foi comprada pela Disney, os fãs esperam pela aparição desses personagens no Universo Cinematográfico Marvel ao lado dos Vingadores. Com a nova fase do MCU explorando o multiverso, muitos atribuíram isso com à introdução deles futuramente, mas Kevin Feige, presidente da Marvel Studios, revelou recentemente que isso não mudou os planos para o multiverso – que existiam antes mesmo disso.

    Viúva Negra apresentou o primeiro mutante X-Men no Universo Cinematográfico Marvel

    Em entrevista para a Collider na divulgação de Homem-Aranha: Sem Volta para Casa, Feige comentou que os personagens e as novas oportunidades que surgiram pela fusão da Disney com a Fox não alteraram os planos do multiverso. "Nós mencionamos isso pela primeira vez, ou é a Anciã que menciona isso em Doutor Estranho, quando ela está levando Stephen Strange através da jornada e explodir sua mente. [O multiverso] Sempre foi uma das ferramentas de narrativa mais poderosas dos quadrinhos”, disse. 

    Falando deste recurso, ele continuou: “Uma ferramenta que você tem que manejar com cuidado porque ela pode ser opressora, mas agora, com mais de 20 anos de histórias dos filmes, existem personagens suficientes para começarmos a brincar dessa maneira. Mencionamos isso, obviamente, como parte da mentira do Mysterio em [Homem-Aranha] Longe de Casa. Acho que os brinquedos que foram adicionados nessa caixa de brinquedos aumentaram com a aquisição da Fox, mas isso não mudou o cronograma ou nossos planos de quando estávamos introduzindo a ideia do multiverso”, explicou Kevin Feige.

    Quando X-Men e Quarteto Fantástico vão fazer parte do MCU?

    Feige disse anteriormente que o multiverso sempre fez parte do planejamento no Universo Cinematográfico Marvel. Mesmo sendo mentira, Mysterio (Jake Gyllenhaal) menciona isso em Longe de Casa ao usar o termo Terra-616 – universo principal nas HQs da Marvel. Além disso, esse nome foi escrito em uma lousa por Erik Selvig (Stellan Skarsgård) em Thor: O Mundo Sombrio, o que indica que essa ideia foi preparada por um bom tempo entre os roteiristas e produtores da Marvel Studios. O multiverso foi provocado em WandaVision, abordado em Loki e explorado em What If...?, sendo que Homem-Aranha: Sem Volta para Casa e Doutor Estranho no Multiverso da Loucura vão usar isso em suas tramas no cinema.

    Em entrevistas passadas, Kevin Feige ambém comentou que tinha um planejamento de cinco anos traçado depois dos eventos de Vingadores: Ultimato, de 2019, mas que os fãs não verão uma entrada imediata de X-Men ou do Quarteto Fantástico no universo do MCU, mas aos poucos: "Essencialmente, este é o Dia Um. Mas durante esse tempo [o período de aquisição], nós construímos e estruturamos um plano de cinco anos na direção que estamos seguindo, e anunciaremos os planos para os próximos anos, como disse antes, em breve, depois destes dois filmes", comentou Feige em entrevista para o IGN. Ainda assim, o reboot de Quarteto Fantástico foi anunciado e terá direção de Jon Watts, da nova trilogia Homem-Aranha. 

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top