Meu AdoroCinema
    Robert Pattinson faz 35 anos: Conheça os 6 melhores filmes para perdoá-lo por seu papel em Crepúsculo
    Por Nathalia Jesus — 13 de mai. de 2021 às 13:05

    Desde sua primeira vez como Edward Cullen, Robert Pattinson fez cerca de 25 filmes. Vamos superar o passado?

    Nesta quinta-feira (13), Robert Pattinson está completando 35 anos de idade e, apesar da evolução de seus papéis no cinema, o público ainda não o perdoou por brilhar no sol aos 22. Em 2008, quando interpretou Edward Cullen em Crepúsculo, seu nome ganhou notoriedade na indústria de forma negativa, tornando-se motivo de chacota até mesmo entre o próprio elenco do filme.

    Mas isso deveria ser assunto do passado, afinal, nós já estamos em 2021! Desde o seu primeiro momento em Crepúsculo, o ator já fez cerca de 25 novos filmes e, agora, está na hora do público seguir em frente e descobrir outras nuances da atuação de Robert Pattinson. Ele é mais do que o vampiro que brilha no sol e todos já deveriam ter superado este fato. Por isso, caso você, caro leitor, ainda esteja preso no estigma de Edward Cullen, o AdoroCinema trouxe mais opções para prestigiar o trabalho de Pattinson, nosso atual Batman dos cinemas.

    Bom Comportamento


    Em Bom Comportamento, Robert Pattinson interpreta Connie Nikas, um ladrão de banco que se vê encurralado em um assalto mal sucedido ao lado de seu irmão mais novo, que é levado sob custódia. Sem opções, ele embarca em um espiral de situações que coloca todos em risco para livrar o rapaz da cadeia. Baseando-se em histórias de crimes ocorridos na Nova York dos anos 70, o ator mostra todo seu potencial em cenas intensas que facilmente o colocariam em um status mais respeitado como astro de filmes de ação (se não fosse o estigma de Edward Cullen).

    High Life


    Ao lado de Juliette Binoche, Robert Pattinson brilhou como o protagonista Monte em High Life. Na cativante ficção científica, o ator interpreta um ex-criminoso que vive sozinho em uma nave espacial abandonada com sua filha bebê e, enquanto tenta dar a ela a melhor vida possível em um ambiente limitado, busca um caminho de volta para a humanidade.

    The Rover - A Caçada


    Robert Pattinson foi desafiado a atuar junto com Guy Pearce em The Rover - A Caçada, no ano de 2014, momento em que muitas pessoas não estavam dispostas a levá-lo a sério como ator. A satisfatória dinâmica felizmente deu certo e entregou um dos personagens mais impressionantes de Pattinson, fazendo com que, pela primeira vez desde Crepúsculo, seu potencial fosse observado com mais atenção e, consequentemente, menos zombaria.

    A história do longa-metragem se passa 10 anos depois de um colapso econômico global, quando um solitário rapaz persegue os homens que roubaram seu único bem: um carro. Em meio à caçada, ele captura um dos irmãos dos ladrões e cria um complicado vínculo que se estende por toda a perigosa estrada que enfrentam juntos.

    Cosmópolis


    Baseado no romance homônimo de Don DeLilloCosmópolis faz parte de um dos diversos filmes com pegada mais independente que Robert Pattinson se propôs a participar. Disposto a se afastar de blockbusters antes de lançar seu último ato em A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 2, o ator interpretou o impassível Eric Parker, um bilionário de 28 anos que vagueia por Manhattan com sua limousine, sem direção ou propósito, enquanto questiona o significado da vida alheia.

    O Farol


    Uma das coisas que ajudaram Robert Pattinson a virar sua carreira em uma direção tão fascinante é sua habilidade de encontrar grandes cineastas com quem trabalhar. Ele se juntou a Robert Eggers em O Farol e o impressionante resultado pôde ser visto nas telonas. Ao lado de Willem Dafoe, o ator interpretou um operador de farol que passa a ser assombrado por forças sobrenaturais enquanto, aos poucos, enlouquecem.

    O Diabo de Cada Dia


    Disponível na Netflix, O Diabo de Cada Dia é um dos trabalhos mais recentes de Robert Pattinson. Sombrio e brutal, o filme se passa na zona rural da Virgínia e acompanha Arvin (Tom Holland), um jovem que tenta proteger a família enquanto o grotesco pastor Preston, personagem do protagonista de Crepúsculo, pratica atos abusivos que o destinam à tragédia.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top