Minha conta
    Oscar 2017: A um dia da premiação, Academia cancela indicação na categoria de mixagem de som
    Por Francisco Russo — 26 de fev. de 2017 às 11:19

    Punição por lobby realizado ainda antes das indicações terem sido anunciadas.

    Em reunião realizada na última quinta-feira, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas resolveu cancelar a indicação de Greg P. Russell, por 13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi, na categoria de mixagem de som. O motivo? Lobby via telefone realizado ainda antes do anúncio das indicações.

    Segundo a Academia, Russell teria telefonado a colegas que pertenciam à comissão, no intuito de divulgar seu trabalho no longa-metragem. Tal iniciativa vai de encontro ao rígido código de conduta da premiação.

    Apesar da desclassificação, a indicação de 13 Horas na categoria foi mantida, assim como a dos técnicos de som Gary SummersJeffrey J. Haboush e Mac Ruth. Esta foi a única indicação obtida pelo filme dirigido por Michael Bay, que concorre com A Chegada, Até o Último HomemLa La LandRogue One pela cobiçada estatueta dourada.

    Esta não é a primeira vez que a Academia toma uma decisão do tipo. Em 2014, a canção "Alone Yet Not Alone", do filme homônimo, foi indicada e posteriormente desclassificada, também por lobby ilegal.

    A cerimônia do Oscar 2017 acontecerá hoje à noite, a partir das 22h30, com cobertura do AdoroCinema através do Facebook. Além disto, nosso editor Renato Hermsdorff participará de uma live sobre o Oscar na página do Telecine, a partir das 22h. Confira!

     

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top