Minha conta
    Oscar 2017: Unidos do AdoroCinema avalia os filmes concorrentes de acordo com os quesitos carnavalescos
    Por Taiani Mendes — 24 de fev. de 2017 às 21:03

    Quem merece DEZ, NOTA DEZ?

    Este ano é daqueles em que ocorre a terrível coincidência do Academy Awards ser em pleno domingo de Carnaval. Situação difícil para quem ama cinema e folia e ficará "entre a cruz e a caldeirinha", o careca dourado e a serpentina... Buscando o lado bom da vida, tentando amenizar a dor, que tal misturar os dois? Por que não? Quem disse que Oscar não dá samba?

    A proposta aqui é analisar os filmes concorrentes segundo os quesitos que orientam a competição das agremiações carnavalescas, definindo um grande destaque para cada "categoria". Com o regulamento da LIESA (Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro) debaixo do braço, vamos ao trabalho, foliões! Samba no pé e olho na tela!

    PRIMEIRO QUESITO EM JULGAMENTO: COMISSÃO DE FRENTE

    A primeira impressão é a que fica e a primeira informação que recebemos, a abertura, a cena inicial, a introdução, não pode não ser marcante. Ilusionismo e saudosismo são os segredos de duas das melhores comissões vistas na Sapucaí nos últimos anos, só que La La Land - Cantando Estações não precisa recorrer a efeitos especiais nem gatilhos emocionais para dar todos os indícios de que um memorável musical está começando. A produção apresenta suas armas com plano-sequência, "Another Day of Sun", dança, trânsito, sol de rachar, tetos de carros amassados, sincronia, coral, cores, parkour, banda e uma alegria de tirar o fôlego.

     

    SEGUNDO QUESITO EM JULGAMENTO: HARMONIA

    Diz o Manual do Julgador da LIESA que "harmonia, em desfile de escola de samba, é o entrosamento entre o ritmo e o canto". Todo mundo tem que estar entoando o samba-enredo e pulando/sambando. Vamos traduzir como melhor elenco, pois protagonista só não faz filme bom e todos devem estar no mesmo tom. A família de Ben (Viggo Mortensen) em Capitão Fantástico é forte concorrente, assim como Dra. Louise Banks (Amy Adams), Ian Donnelly (Jeremy Renner), Abbott e Costello de A Chegada, mas Moonlight: Sob a Luz do Luar leva por ter grandes atuações de rostos conhecidos e revelar impressionantes novos talentos. Compõem o timaço Mahershala Ali, Naomie Harris, Janelle Monáe, Jaden Piner, Ashton Sanders, Alex R. Hibbert, Trevante Rhodes, André Holland, Duan Sanderson, Patrick Decile e Edson Jean, entre outros.

    Getty Images

    TERCEIRO QUESITO EM JULGAMENTO: ENREDO

    "É a criação e a apresentação artística de um tema ou conceito". Ok, roteiro. E o melhor entre os indicados é o mais criativo: O Lagosta, de Yorgos Lanthimos e Efthymis Filippou. Tão louco quanto o enredo de Paulo Barros para a Viradouro em 2008 (É de Arrepiar! misturava neve, Cartola, Kama Sutra, O Exorcista e Edward Mãos de Tesoura), só que no bom sentido, The Lobster conta a história de um homem que vive em uma época em que é proibido ser solteiro. Hospedado em um hotel para formação de casais, ele deve encontrar uma parceira em 45 dias ou será transformado no animal de sua escolha - no caso lagosta.

     

    QUARTO QUESITO EM JULGAMENTO: FANTASIAS

    A fantasia mais perfeita da temporada é Natalie Portman disfarçada de Jacqueline Kennedy recém-viúva. Nota máxima para Jackie e o icônico terninho rosa Chanel com gotas de sangue.

    antes/depois da tragédia

    A mais bizarra é a criatura de Toni Erdmann.

    Getty Images
    O monstro e a atriz principal do filme alemão, Sandra Hüller, no Festival de Cannes

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top