Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Conheça o mundo de Asterix!
    Por Francisco Russo — 5 de abr. de 2016 às 05:09
    facebook Tweet

    Por Tutatis! Os gauleses estão de volta em Asterix e o Domínio dos Deuses!

    Asterix no cinema de animação

    Você sabia que a presença de Asterix nas telonas está prestes a completar 40 anos? O primeiro longa-metragem a ser lançado foi Asterix, o Gaulês, em 1967, baseado no primeiro álbum com o personagem. Só que Uderzo e Goscinny, criadores do personagem, não participaram desta produção e inclusive tentaram impedi-la, o que apenas não aconteceu porque o projeto já estava bastante avançado quando chegou ao conhecimento da dupla.

    Asterix e o Domínio dos Deuses
    Inicialmente, a intenção dos produtores era que o longa fosse exibido diretamente na TV. Depois, percebendo seu potencial, a animação foi lançada nos cinemas. O tremendo sucesso fez com que, já em 1968, chegasse aos cinemas Asterix e Cleópatra. Este, já com a aprovação de Uderzo e Goscinny.

    Ao longo dos anos, as animações de Asterix fizeram história no cinema francês. Foram lançados outros sete: Os 12 Trabalhos de Asterix (1976), Asterix e a Surpresa de César (1985), Asterix Entre os Bretões (1986), Asterix e a Grande Luta (1989), Asterix Conquista a América (1994), Asterix e os Vikings (2006) e Asterix e o Domínio dos Deuses (2014), que chega aos cinemas brasileiros em 7 de abril de 2016 (confira nossa crítica!).

    Detalhe: os dois últimos longas foram feitos através de animação computadorizada, enquanto que os anteriores seguiram o método tradicional.


    Asterix no cinema live action

    Tamanho sucesso nos álbuns e nas animações fez com que Asterix e sua turma chegassem ao cinema também com atores - e em alto estilo, com um orçamento de US$ 40 milhões, tornando-se um dos filmes mais caros produzidos na França até então.

    Asterix e Obelix Contra César
    Após muitos rumores sobre quem interpretaria os protagonistas em Asterix e Obelix Contra César (1999), os eleitos foram o comediante Christian Clavier e o astro indicado ao Oscar Gérard Depardieu. Por mais que tenha feito sucesso comercial, várias foram as críticas de que o filme teria infantilizado demais o texto de Uderzo e Goscinny. A curiosidade é que Roberto Benigni interpreta um dos centuriões romanos.

    Asterix e Obelix: Missão Cleópatra (2002), refilmagem da animação Asterix e Cleópatra, já foi bem mais fiel ao tom político dos álbuns. E ainda contou com o famoso comediante francês Jamel Debbouze e com Monica Bellucci como a rainha egípcia.

    Em Asterix nos Jogos Olímpicos (2008) houve uma troca no personagem-título: sai Clavier, entra Clovis Cornillac. Além disto, o tom infantil voltou a reinar. A última aparição (por enquanto) foi em Asterix e Obelix em A Serviço de Sua Majestade (2012), onde Edouard Baer assumiu o posto de Asterix. O longa jamais foi lançado nos cinemas brasileiros.

     

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top