Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Oscar 2020: Dor e Glória, de Pedro Almodóvar, vai representar a Espanha na categoria de filme internacional
    Por Katiúscia Vianna — 5 de set. de 2019 às 12:43
    facebook Tweet

    Premiado em Cannes, Antonio Banderas estrela o elogiado projeto.

    Levantem a plaquinha de "Eu já sabia"!

    A Espanha elegeu Dor e Glória como seu representante para a categoria de melhor filme internacional no Oscar 2020. Tal escolha não chega a ser surpreendente, considerando não somente a popularidade do diretor Pedro Almodóvar, mas também o sucesso de tal obra com a crítica internacional — rendendo o prêmio de melhor ator para Antonio Banderas no Festival de Cannes.

    Livremente inspirado na vida do cineasta, a trama gira ao redor de Salvador Mallo (Banderas), diretor decadente que começa a relembrar sua infância e as decisões erradas que tomou na vida. Para isso, a trama vai abordar seus grandes amores, sua mãe e a questão da mortalidade. Penélope CruzCecilia Roth (Tudo Sobre Minha Mãe), Leonardo Sbaraglia (Relatos Selvagens) e Asier Etxeandía (Abraços Partidos) completam o elenco. 

    Oscar 2020: A Vida Invisível vai representar o Brasil na disputa de filme internacional

    Essa é a sétima vez que um projeto de Almodóvar é escolhido pela academia cinematográfica da Espanha para representar o país na premiação. Em tal categoria, o cineasta já concorreu duas vezes, com
    Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos (1998) e Tudo Sobre Minha Mãe — que levou a estatueta de melhor filme estrangeiro (como era chamado antigamente) em 2000. Três anos depois, o diretor em si ganhou o Oscar de roteiro original por Fale com Ela. Por sua vez, a escolha de Dor e Glória também aumenta as chances de uma possível indicação de Banderas na categoria de melhor ator, o que não seria inédito com um filme de Pedro. Afinal, Penélope Cruz disputou como melhor atriz por sua performance elogiada de Volver, em 2007.

    O Oscar 2020 acontecerá no dia 9 de fevereiro, mas a lista completa de indicados será anunciada em 13 de janeiro do ano que vem. Leia a crítica do AdoroCinema para Dor e Glória, além de relembrar nossa entrevista exclusiva com Leonardo Sbaraglia sobre o projeto.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top