Minha conta
    Por que Disney+ cancelou série do universo de A Bela e a Fera? Decisão inesperada veio depois de atrasos e questões criativas
    Por Lucas Leone — 14 de fev. de 2022 às 19:00

    Produção derivada do live-action de 2017 traria de volta Luke Evans e Josh Gad como Gaston e LeFou.

    Anunciada em março de 2020 pelo Disney+, a série derivada do live-action A Bela e a Fera não vai mais acontecer – embora fosse um dos projetos mais aguardados do serviço de streaming. A notícia surpreende os fãs da Casa do Mickey, já que a produção começaria neste verão e, inclusive, teve parte de sua equipe confirmada recentemente. Mais especificamente, a adição ao elenco da cantora e compositora britânica Rita Ora.

    Focada em Gaston e LeFou – e novamente com Luke EvansJosh Gad na pele dos personagens –, a trama havia sido descrita como um musical ambientado "bem antes" dos eventos retratados no filme de 2017, estrelado por Emma Watson e Dan Stevens. A prequela mostraria a dupla em uma jornada inesperada, cheia de romance, comédia e aventura.

    Carros, Zootopia e A Princesa e o Sapo retornam em novas séries animadas do Disney+

    Gaston e LeFou não estariam sozinhos, mas acompanhados por uma nova personagem com muita magia: a irmã de LeFou, Tilly, vivida por Briana Middleton. O trio de protagonistas ainda encontraria outras figuras que não aparecem na história original – o papel de Ora, por exemplo, seria uma fugitiva com habilidades especiais e portadora de um segredo capaz de afetar todo o reino.

    À frente do seriado estavam dois grandes especialistas em contos de fadas: Adam Horowitz e Eddy Kitsis, roteiristas de Lost no passado e mais conhecidos por serem os criadores do sucesso Once Upon a Time. Horowitz e Kitsis se juntariam ao próprio Gad nessa missão, com Evans entrando como produtor executivo.

    Assim, tudo parecia estar pronto para uma possível estreia em 2023 ou 202, no catálogo do Disney+. Mas, de repente, o projeto foi não só paralisado, como também cancelado. O que pode ter ocorrido?

    POR QUE O DISNEY+ CANCELOU PREQUELA DE A BELA E A FERA?
    Josh Gad e Luke Evans em A Bela e a Fera (2017).

    Ainda é curioso, pois o projeto recebeu luz verde há pouco tempo – precisamente no meio de 2021, mais de um ano depois de ter começado a ganhar forma. “Por três décadas, essa história tão antiga quanto a noite tem sido fonte de inspiração para gerações de fãs ao redor do mundo”, disse Michael Paull, presidente da Disney+ e ESPN+. “Mal podemos esperar para mais uma vez receber nossos convidados no mundo mágico e musical de A Bela e a Fera, em um capítulo totalmente novo com LeFou, Gaston e um elenco maravilhoso de novos personagens”.

    Qual é o melhor live-action da Disney?

    Até o momento, sabe-se que motivos criativos, bem como atrasos nos roteiros e na trilha sonora original, levaram à decisão. Luke Evans e Josh Gad confirmaram a notícia por meio de suas contas no Twitter.

    "Infelizmente, é verdade. Tentamos fazer com que tudo desse certo, mas sob pressão não era para ser... Por enquanto. Esses personagens e essa história vivem, mas às vezes as melhores intenções e a realidade colidem, e nada pode ser feito”, escreveu o intérprete de Gaston.

    Josh Gad, por sua vez, respondeu ao parceiro afirmando seu desejo de retomar o projeto no futuro: "Nós realmente esperamos poder fazê-lo quando os cronogramas permitirem."

    A Bela e a Fera
    A Bela e a Fera
    Data de lançamento 16 de março de 2017 | 2h 09min
    Criador(es): Bill Condon
    Com Emma Watson, Dan Stevens, Luke Evans, Kevin Kline, Josh Gad
    Imprensa
    3,3
    Usuários
    4,3
    Adorocinema
    4,0
    Assista agora em Disney +
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top