Minha conta
    Stranger Things: Elenco consegue grandes aumentos de salário em negociações para a terceira temporada
    Por Katiúscia Vianna — 20 de mar. de 2018 às 11:57

    Tem um pessoal ganhando até US$350 mil por episódio!

    Se o pessoal de Hawkins vive sendo atormentado pelo Mundo Invertido, seus intérpretes estão bem de vida. Fontes da imprensa norte-americana apontam que as negociações de contratos para a produção da terceira temporada de Stranger Things rendeu aumentos nos salários do elenco de protagonistas.

    Para isso, eles são divididos em grupos. Atores com carreiras estáveis antes do fenômeno da Netflix, Winona Ryder (Joyce) e David Harbour (Jim Hopper) vão ganhar cerca de US$ 350 mil por episódio. Nas primeiras temporadas, eles recebiam US$ 100 mil e US$ 80 mil, respectivamente.

    Quem também se beneficiou nos novos acordos foram os jovens protagonistas Finn Wolfhard (Mike), Gaten Matarazzo (Dustin), Caleb McLaughlin (Lucas) e Noah Schnapp (Will). Anteriormente com salários de US$ 20 mil e 30 mil, cada um deles ganhará algo em torno de US$ 200 mil e US$ 250 mil por capítulo.

    Stranger Things: Saiba quantos episódios terá a terceira temporada

    O grande mistério fica pelo salário de Millie Bobby Brown, considerada como a grande revelação de Stranger Things. Algumas fontes afirmam que ela deve ficar com um valor entre os dois grupos citados anteriormente, em torno de US$ 300 mil. Por fim, os coadjuvantes regulares Natalia Dyer (Nancy), Charlie Heaton (Jonathan) e Joe Keery (Steve) vão ganhar valores entre US$ 100 mil e US$ 150 mil por episódio.

    Estão podendo hein? Escalando Maya Thurman-Hawke como novidade no elenco, a terceira temporada de Stranger Things está prevista para 2019.

     

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top