Minha conta
    Tela Quente exibe Vingadores - Guerra Infinita (31/05): Saiba como Robert Downey Jr. guiou Tom Holland em cena emocionante do filme da Marvel
    Por Fernanda Pineda/Bruno Botelho dos Santos — 31 de mai. de 2021 às 08:00

    Estrelado por Chris Evans e Scarlett Johansson, Vingadores: Guerra Infinita faz parte da programação da Rede Globo nesta segunda-feira (31).

    Nesta segunda-feira (31), a Tela Quente da Rede Globo vai exibir o filme Vingadores: Guerra Infinita (2018), um dos filmes mais importantes do Universo Cinematográfico Marvel, quebrando recordes, divertindo e chocando o público.

    No enredo do longa-metragem, o vilão Thanos (Josh Brolin) enfim chega à Terra, disposto a reunir as Joias do Infinito. Para enfrentá-lo, os Vingadores precisam unir forças com os Guardiões da Galáxia, ao mesmo tempo em que lidam com desavenças entre alguns de seus integrantes. A produção é dirigida por Joe Russo e Anthony Russo, contando com um elenco repleto de estrelas como Chris Evans, Chris HemsworthScarlett Johansson e Robert Downey Jr. Veja algumas curiosidades sobre Vingadores: Guerra Infinita!

    Vingadores - Guerra Infinita: Momentos mais marcantes do filme da Marvel
    Cena de Tom Holland foi improvisada com ajuda de Robert Downey Jr.

    O diretor Joe Russo revelou em sessão de perguntas e respostas na época do lançamento de Vingadores: Guerra Infinita, os bastidores de uma das cenas mais emocionantes do filme da Marvel. Esse é um momento entre Homem-Aranha (Tom Holland) e Tony Stark (Robert Downey Jr.), que foi improvisado por Holland.

    Depois que o vilão estala os dedos para eliminar metade da vida na Terra, houve um diálogo entre os dois heróis que surgiu de um improviso. As falas de Peter Parker quando está se desintegrando, "Sr. Stark, eu não me sinto muito bem" e o adeus "Eu não quero ir embora", não existiam desta forma no roteiro.

    Russo disse que apenas disse para Tom Holland a agir "como se não quisesse ir embora", a decisão de adicionar as falas emocionantes partiu do ator, conversando com Robert Downey Jr. antes das filmagens. Segundo Anthony Russo, o ator experiente provocou o jovem até que ele chegasse nesse nível de interpretação: "Ele continuou pedindo mais e mais emoção até o final do dia. Ele foi até o Tom e disse: 'Você não quer ir porque você é uma criança e está usando todos os seus poderes de Homem-Aranha para tentar sobreviver'". Incrível, não é mesmo?

    Dave Bautista improvisou em cena de Drax

    Dave Bautista era um lutador e acabou virando uma das grandes revelações do Universo Cinematográfico Marvel em Guardiões da Galáxia (2014). Vingadores: Guerra Infinita foi seu terceiro filme como Drax, onde ele foi responsável por criar alguns dos diálogos mais engraçados.

    "No roteiro só constava 'Onde está Gamora?', e então 'Eu farei ainda melhor: 'Quem é Gamora?'", conta o roteirista Christopher Markus, dizendo que foi ideia de Dave Bautista que Drax se intrometesse na discussão entre o Senhor das Estrelas (Chris Pratt) e o Homem de Ferro (Robert Downey Jr.), lançando uma pérola: "Eu farei ainda melhor: O que é Gamora?". "Ok, você faz o seu trabalho muito bem", disse Markus, aprovando o improviso de Dave.

    Vingadores - Guerra Infinita: Entenda como Thanos foi criado para a aventura da Marvel (Entrevista exclusiva)
    Guerra Infinita teria encontro de Tony Stark e Steve Rogers

    A primeira versão do roteiro de Vingadores: Guerra Infinita reunia Steve Rogers (Chris Evans) e Tony Stark (Robert Downey Jr.) depois da briga que eles tiveram em Capitão América: Guerra Civil. Em entrevista ao Yahoo!, os roteiristas contaram que perceberam que seriam um problema resolver pendências de outros filmes nesse outro, e decidiram focar apenas em Thanos.

    "Nosso primeiro rascunho do tipo meio ruim tinha a ideia de que eles deviam voltar a se reunir na mesma sala e lidar com isso. Mas isso significaria atrapalhar [a busca de] Thanos pelas Joias do Infinito para lidar com outras ameaças de outros filmes. E, por mais que nós quiséssemos fazer isso, e quantas vezes escrevêssemos essas cenas, ficou claro que esse filme precisava ser propulsivo, ser sobre Thanos, e o que ele representava para os Vingadores", conta Stephen McFeely. 

    Essa ideia do reencontro entre os líderes dos Vingadores acabou ficando para o final épico da Saga do Infinito em Vingadores: Ultimato (2019).

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top