Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    6 sustos mais traumatizantes nos filmes de terror que fizeram o público suar frio
    Por Bruno Botelho dos Santos — 16 de abr. de 2021 às 22:00

    De O Chamado a Tubarão, muitos filmes de terror trazem jump scares assustadores que tiraram o sono de muitas pessoas.

    Os melhores filmes de terror costumam criar um clima de tensão crescente preparando o terreno para grandes momentos horripilantes que fazem os fãs perderem o sono. Um dos recursos mais utilizados prar criar sustos e assustar o público são os jump scares – momentos momentos de mudança repentina nas obras com cenas ou acontecimentos, que geralmente são acompanhadas de som alto e assustadores.

    Apesar de alguns filmes utilizarem isso excessivamente – o que muitas vezes acaba fazendo perder a eficácia do recurso –, quando bem utilizados, os jump scares podem ser extremamente eficazes e inesquecíveis. Quando acompanhados então de crianças bizarras e assustadoraslendas urbanas sinistras ou serial killers sangrentos, são uma combinação traumatizante.

    Pensando nisso, o AdoroCinema separou alguns do jump scares mais assustadores dos filmes de terror.

    10 Filmes de terror clássicos para curtir no fim de semana

    Aparição demoníaca - Sobrenatural (2010)

    James Wan é um dos diretores mais aclamados do cinema de terror atual e Sobrenatural, de 2010, é um dos melhores exemplares de sua filmografia, muito elogiado pela eficácia da produção em apresentar ótimos sustos. O filme segue uma família enquanto eles lidam com a possessão demoníaca de seu filho. 

    Na cena mais assustadora em questão, a mãe do protagonista Josh Lambert (Patrick Wilson) relata um sonho envolvendo esse demônio. De repente, ele aparece atrás de Josh, assustando-a. A música sinistra, bem como o rosto vermelho brilhante do demônio contra o fundo neutro, dão um susto muito eficaz e traumatizante.

    Rosto da filha morta - O Chamado (2002)

    O Chamado, de 2002, é um dos filmes de terror com maldições assustadoras. Porém, o grande jump scare na produção ocorre durante um dos momentos menos esperados: durante um funeral. Na cena, Rachel Keller (Naomi Watts) está ouvindo sua irmã lamentar a recente morte de sua filha, enquanto lava a louça durante o velório.

    É uma cena aparentemente tranquila, sem música, com a mãe contando o que é necessário enquanto implora para que sua irmã investigue. No momento em que ela diz: “Rachel, por favor... Eu vi o rosto dela”, o silêncio acaba com um corte brusco e um barulho estridente que revela o rosto horrível de sua filha morta, encontrado no armário. Sem dúvidas é uma cena arrepiante e inesperada.

    Rosto no barco afundado - Tubarão (1975)

    Tubarão, de 1975, foi dirigido por Steven Spielberg e é considerado um dos melhores filmes de suspense de todos os tempos – e também tem um dos melhores jump scares da história do cinema.

    Quando Hooper (Richard Dreyfuss) e Martin Brody (Roy Scheider) saem em busca do monstro gigante de um tubarão, eles encontram o barco afundado de Ben Gardner (Craig Kingsbury). Hooper mergulha para examinar o casco, e sobe uma música tensa, sinalizando que algo de assustador está para acontecer. Até esse momento, o público estava preparado para o risco do tubarão sempre que alguém entrar na água, mas um jump scare inesperado e assustador acontece quando surge a cabeça de Ben Gardner morto.

    Alienígena no Brasil (Isso mesmo!) - Sinais (2001)

    Sinais, de 2001, mostra Graham Hess (Mel Gibson), um viúvo que mora em uma fazenda com seus dois filhos, Morgan (Rory Culkin) e Bo (Abigail Breslin), e seu irmão Merrill (Joaquin Phoenix). Repentinamente os Hess ficam bastante intrigados com o surgimento de misteriosos e gigantescos círculos, que surgem inesperadamente em sua plantação sem que haja o menor vestígio de quem os fez ou por qual motivo teriam sido feitos.

    O filme de M. Night Shyamalan apresenta um dos jump scares mais assutadores do cinema de terror, que é quando Merrill assiste o noticiário com uma matéria com uma filmagem de uma festa de aniversário no Brasil (Olha só!) que mostra uma aparição alienígena. Quando ele vai assistir a reportagem, de repente, aparece o alienígena andando com uma reação desesperadora e chocada de Joaquim Phoenix.

    Jason retorna - Sexta-Feira 13 (1980) 

    Sexta-Feira 13 é uma das mais conhecidas franquias do cinema de terror, que apresentou ao mundo Jason Voorhees. No primeiro filme, Sexta-Feira 13 de 1980, temos um inesperado e icônico jump scare. 

    Todos pensavam que Jason havia se afogado no lago por causa de negligência dos monitores. No final do filme, o lago estava tranquilo com Alice (Adrienne King) em um barco depois de sobreviver ao massacre. Porém, um deformado Jason Voorhees (Ari Lehman), surge da água para arrastá-la para baixo. 

    Corpos em filmagens caseiras - A Entidade (2012)

    A Entidade, de 2012, é considerado um dos melhores filmes de terror da última década e rendeu um dos melhores jum scares também. 

    Ellison (Ethan Hawke) encontra um filme caseiro no sótão, que é responsável pelo momento mais assustadore do filme. Nela, contém imagens sinistras de um cortador de grama em 1986. Por um longo momento na filmagem não vemos nada além de um cortador de grama cortando a grama à noite, mas de repente aparece o corpo de uma pessoa aparece na tela, combinado com a reação desesperadora de Ethan Hawke.

     

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top