Minha conta
    A Lenda de Tarzan teve cena com beijo gay deletada e você não sabia
    Por Caio Garritano — 9 de fev. de 2021 às 12:57

    Protagonizado por Alexander Skarsgård e Margot Robbie, o filme chegou a ter a cena gravada, mas acabou sendo excluída do corte final.

    O Tarzan é um dos personagens mais famosos das histórias infantis. Quem nunca ouviu falar na lenda do garoto órfão criado por macacos que se transforma no Rei da Selva e vive uma grande história de amor ao lado de Jane? O personagem já ganhou várias adaptações para as telonas, sendo a mais recente protagonizada por Alexander SkarsgårdMargot Robbie em 2016. David Yates, que comandou os quatro últimos filmes da franquia de Harry Potter, assumiu a responsabilidade de dirigir a produção que precisava trazer algo diferente para uma história que sempre foi bastante conhecida pelas pessoas. Em uma entrevista recente ao The Times, o diretor revelou que a produção chegou a gravar uma cena com um beijo gay, mas ela acabou sendo retirada do corte final. 

    Hércules: Alexander Skarsgård é cotado para estrelar live-action da Disney

    A história do menino que foi criado dentro da selva vem sendo contada desde 1918 nos cinemas. Tarzan já foi interpretado por vários atores como Elmo Lincoln (3 vezes), Johnny Weissmuller (12 vezes), Ron ElyBruce Bennett (2 vezes), Lex Barker (5 vezes), Casper Van Dien, entre muitos outros, para só então Alexander Skarsgård assumiu papel. Mesmo com tantas adaptações, é importante perceber que só em 2016 tentaram abordar a temática LGBTQI+ na história clássica, e mesmo assim, a cena acabou sendo excluída. 

    De acordo com David Yates, em entrevista ao The Times, a cena começa quando Tarzan estava inconsciente e o personagem de Leon Rom (Christoph Waltz) se inclina sobre ele, atraído por seu "aspecto selvagem". Ele afirmou também que a cena chegou a entrar no primeiro corte do filme, mas ao ser exibida para um público de teste - um tipo de pesquisa muito comum utilizada por estúdios para saber a opinião de um grupo variado de pessoas, antes que a produção seja lançada - as pessoas ficaram bastante intrigadas com a cena. “Nós barramos porque foi quase uma coisa exagerada. Realmente, foi um momento muito, muito estranho quando Christoph (Waltz) beijou ele. Nós amamos a cena no momento em que a filmamos, mas o público da sessão teste ficou perplexo”, contou o cineasta. 

    Viva o amor! 25 casais LGBT marcantes do cinema

    A cena foi vista por pouquíssimas pessoas e nunca foi revelada ao público em geral. Ela não está presente nem mesmo nas versões estendidas ou edições em Blu-ray do filme. Quanto ao personagem Tarzan, parece que ele vai demorar um pouco para voltar às telonas. 

     
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top