Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    A Escavação: Entenda a polêmica que o filme da Netflix se envolveu
    Por Paola Piola — 10 de fev. de 2021 às 09:00
    facebook Tweet

    Apesar das boas críticas da imprensa, o filme está sendo alvo de críticas na internet.

    Seria A Escavação, filme lançado recentemente na Netflix e baseado em um fato real, sexista? O longa-metragem de Simon Stone está sendo alvo de críticas quanto à escolha de sua atriz principal: alguns usuários na internet reclamaram o fato de o papel de Edith Pretty, que no filme tem 56 anos, ter sido dado a uma atriz muito mais jovem. Carey Mulligan, intérprete da protagonista, tem 35 anos e foi envelhecida com maquiagem para o filme.

    A Escavação é a adaptação do romance homônimo de John Preston, que revisita a vida de Edith, uma viúva apaixonada pela arqueologia, e a descoberta de formações misteriosas enterradas na sua propriedade em 1939. De acordo com o Daily Mail, Nicole Kidman - que tem 53 anos - é quem deveria originalmente ter interpretado Edith Pretty, antes que o papel fosse para Carey Mulligan por conflito de agendas. Uma escolha surpreendente, já que a diferença de idade entre a atriz e a personagem é de 21 anos.

    Além disso, a verdadeira Edith Pretty era cinco anos mais velha do que Basil Brown, enquanto no filme, o personagem de Ralph Fiennes é apresentado como o mais velho dos dois. O ator tem 58 anos de idade. Entretanto, a produção da Netflix manteve alguns aspectos da Edith real: ela era viúva, possuia um filho pequeno e tinha um interesse passageiro por arqueologia.

    Harry Potter, A Escavação e outros papéis marcantes de Ralph Fiennes

    Questionado sobre o assunto durante a divulgação da longa, o diretor Simon Stone explicou que este fator pouco lhe importa, pois optou desconectar o filme dos fatos reais. A resposta parece não ter convencido, especialmente porque a quantidade de papéis confiados a atrizes na casa dos cinquenta anos é cada vez menor no mundo do cinema. 

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Jonas Bittencourt, Jr.
      Se trata de uma mídia visual.
    Mostrar comentários
    Back to Top