Minha conta
    Diretor do novo filme de Scooby-Doo descobriu cancelamento de maneira bizarra: "Incrivelmente decepcionante"
    12 de nov. de 2022 às 18:51
    Diego Souza Carlos
    Apaixonado por cultura pop, latinidades e karê, Diego ama as surpresas de Jordan Peele, Guillermo del Toro e Anna Muylaert. Entusiasta do MCU, se aventura em estudar e falar sobre cinema, TV e games.

    Longa seria lançado em dezembro na HBO Max.

    As mudanças na Warner Bros. depois da fusão com a Discovery foram brutais para muitos desenvolvedores da empresa. Depois do cancelamento de Batgirl, que chocou diretores, elenco e fãs de todo o mundo, diversos outros filmes e séries em desenvolvimento foram abandonados.

    Entre esses projetos está o próximo filme do Scooby-Doo, Scoob! Holiday Haunt. Há três meses, Michael Kurinsky viu todo o trabalho de dois anos se esvair do dia para a noite.

    “Trabalho nesta indústria há 27, 28 anos, algo assim”, contou o diretor para a Variety. “Foi para isso que trabalhei toda a minha carreira, e finalmente aconteceu. E então, oito semanas antes de terminarmos, as coisas mudaram.”

    Após Batgirl, Warner "desacelera" produção de filmes aguardados e cancela série da DC

    Com um suposto orçamento de US$ 40 milhões, o longa deveria funcionar como uma sequência ao filme de 2020. Quando foi arquivado, o filme estava em pós-produção e, em teoria, deveria chegar ao catálogo da HBO Max em 22 de dezembro deste ano.

    “Tínhamos algumas centenas de fotos que precisavam ser finalizadas, iluminadas, renderizadas e então aprovadas”, explicou Kurinsky. “Tivemos um certo tempo para terminar essas fotos, e conseguimos. Ouvi números como se estivesse cerca de 95% concluído. Isso é bem próximo.”

    Assim como a dupla Adil El Arbi e Bilall Fallah descobriu o cancelamento de Batgirl em um momento imprevisível, durante o casamento de um deles, Kurinsky também recebeu a notícia de maneira inusitada. Ele estava em uma reunião do projeto quando recebeu uma mensagem no Twitter de uma pessoas desconhecida questionando se a notícia era real. Confuso, o diretor não sabia do que estavam falando.

    “De acordo com a Warner Brothers, as notícias vazaram”, disse ele. “E eles não conseguiram nos ligar quando essa notícia vazou. Então, descobrimos de uma maneira chocante.”

    Filme do Super Choque ainda vai acontecer? Criador do personagem bate o martelo sobre projeto

    Segundo a Warner Bros., o filme foi arquivado devido a considerações financeiras do estúdio. Sem lançar a animação nos cinemas ou na HBO Max, a empresa pode reduzir impostos e recuperar parte dos custos de produção.

    “Em nossos telefonemas que tivemos com as pessoas, eles explicaram que é isso que está acontecendo”, explicou ele. “E como estamos fazendo essa baixa de impostos, não podemos monetizá-la. Foi assim que me foi explicado.”

    Ele continua: "Este foi um sonho tornado realidade", disse Kurinsky. “É muito agridoce que eu consegui realizar tantos objetivos na minha vida, e então não conseguir isso é, como você pode imaginar, incrivelmente decepcionante.”

    Mesmo após o cancelamento, a equipe ainda passou um período trabalhando no filme, já que faltavam poucos detalhes para ser concluído e, de acordo com os executivos do estúdio, a equipe foi paga para finalizar o projeto.

    O filme nunca verá a luz do dia?

    Durante a entrevista com a Variety, o diretor não se mostrou esperançoso para um possível lançamento do longa, apesar de se dizer orgulhoso do projeto que dificilmente será visto pelo público.

    “O que não mudou aqui, independentemente de termos terminado com a fotografia, é que a Warner Bros. Discovery não pode monetizar este filme agora”, explica Kurinsky. “Para obter essa baixa de impostos de US$ 40 milhões, eles não podem ganhar dinheiro com isso. Portanto, não há cenário em que eles possam vendê-lo, transmiti-lo, qualquer coisa. Eles simplesmente não podem porque qualquer movimento que eles fizessem iria monetizá-lo, e então eles perderiam sua anulação de impostos.”

    Scooby-Doo: Velma revela ser lésbica em cenas inéditas do novo filme do desenho

    “Independentemente do resultado, eu passaria por toda essa experiência novamente”, disse Kurinsky. “Ser capaz de dirigir é algo que eu queria fazer há muito tempo. Agora que passei por isso, sei que sou um cineasta melhor. Eu sou um contador de histórias melhor. E eu não trocaria essa experiência por nada.

    O cineasta finaliza: “Isso me fez pensar naquele ditado: 'Se uma árvore cai na floresta e ninguém está lá para ouvi-la, ela faz algum som?' E a resposta após essa experiência é um retumbante sim. Ela absolutamente faz um som. Só porque o público não vê, há pessoas que viram e pessoas que trabalharam nisso. E absolutamente fez um som. Este filme fez um som bonito que um dia espero que todos possam ouvir.”

    Sobre o que seria Scoob! Holiday Haunt?

    De acordo com o diretor, a trama começaria dois meses após o Halloween visto no longa anterior. O grupo recém-formado faria uma viagem de natal para conhecer o tio de Fred, Ned.

    “A trama era basicamente o primeiro Natal do Scooby-Doo”, explicou. “A turma leva Scooby para este [resort temático de férias] que o tio de Fred possui. E claro, assim como todos os outros episódios de Scooby-Doo, eles sobem para um lugar, um mistério se apresenta e a turma agora se envolve no mistério. E vamos embora!”

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top