Minha conta
    Hoje é dia de Super Bowl, bebê! Conheça 30 filmes sobre o futebol americano
    Por Rodrigo Torres — 1 de fev. de 2015 às 12:12

    A galinha dos ovos de ouro da NFL é também o evento esportivo mais lucrativo da TV mundial.

    "Tooouchdooown!"

    Ao longo de 108 anos de uma linda história de lendas, evoluções e sucessos, o futebol americano alcançou o status de esporte mais rentável do mundo através da liga profissional de futebol americano. Organização de 95 anos de existência, a NFL arrecada cerca de 21 bilhões de reais por temporada (que dura apenas 5 meses). Em grande parte, isso se deve ao espetáculo promovido pela liga, a cada jogo, tendo sido o principal evento do esporte criado no ano de 1967: o Super Bowl. Surgido da junção das principais ligas do desporto nos Estados Unidos, AFC e NFC, o Super Bowl nada mais é do que a final do campeonato, quando os dois vencedores de cada conferência de NFL se enfrentam em jogo único. Aos poucos, o evento foi se tornando mais e mais popular, tendo os sempre muito competentes responsáveis pelo marketing do esporte adotado maneiras de potencializar o lucro e a visibilidade do evento, simultânea e gradativamente.

    No início dos anos 90, a NFL estipulou um dos principais atrativos do Super Bowl, transformando o halftime show em shows memoráveis estrelados por grandes artistas. Grandes mesmo! Por lá já passaram astros como Michael Jackson, Madonna, Paul McCartney... Só gente do primeiro time mundial. E todos eles com ótimo retorno! Para se ter uma ideia, as vendas das músicas dos Beatles cresceram 60% após a apresentação de Paul. O álbum do U2 subiu da 108ª para a 8ª posição nos EUA depois que Bono Vox exibiu o forro estadunidense de sua jaqueta no evento. Tudo porque os espectadores simplesmente não trocam de canal em dia de Super Bowl – no caso da Rainha do Pop, a audiência até subiu (e em 3 milhões!) durante o show de 2012. Marca histórica! Por tudo isso, o evento é o mais lucrativo do mundo. Anunciantes pagam milhões para vender seus produtos – filmes e séries entre os principais – durante os intervalos do Super Bowl. Simplesmente porque tudo que cerca o evento é grandioso. Tudo mesmo. Inclusive o jogo. Sim, o jogo. Sobre o qual não falei em todo o texto. Quase fica em segundo plano. Quase!

    "Teeemos um jo-go!"

    No jogo de daqui a pouco, por exemplo, se enfrentam dois grandes times. O Seattle Seahawks é o atual campeão da liga, anotando um feito que não acontecia desde 2004, quando um time sem muita expressão até então, liderado por um técnico que se tornaria lenda e um craque notavo, alcançou o dificílimo feito de vencer a NFL (também a liga esportiva mais competitiva do mundo) duas vezes consecutivas: o New England Patriots, do técnico Bill Belichick e do quarterback Tom Brady, e grande adversário dos Seahawks na tarde de hoje.

    Belichick é o técnico mais vencedor da pós-temporada, com 21 triunfos. Recorde! Brady, por sua vez, é bem mais que "mero" Mr. Gisele Bundchen: dono de uma técnica e números impressionantes e apontado como um dos maiores da história, ele alcançou o incrível feito de ter vencido o Troféu Vince Lombardi três vezes em seus quatro primeiros anos na liga. Num futuro próximo, bem próximo, o único que pode alcançar esta façanha atende pelo nome de Russell Wilson, organizador de jogadas adversário que terá de bater hoje para manter o seu incrível feito intacto. O detalhe é que Wilson, de apenas 26 anos, é conhecido por sua frieza (especialmente em decisões) e por nunca, em 10 jogos, ter perdido jogos contra um quarterback campeão. E tem mais: Seahawks e Patriots são, de fato, as duas melhores e mais sólidas equipes da liga na atualidade.

    Ufa! Acho que nada mais precisa ser dito: o jogo de hoje entre Seattle Seahawks e New England Patriots, às 21 horas, tem tudo pra ser histórico. E o intervalo também vai pegar fogo, com o talentoso Lenny Kravitz sendo recebido pela american woman Katy Perry e seus fireworks. Vai perder?! Nem o Super Bowl, nem a galeria acima, né?! Afinal, você está aqui pra conhecer 30 filmes sobre o esporte da bola oval. Lembra???

    Superbowl XLIX

    New England Patriots x Seattle Seahawks: hoje é dia de Super Bowl, bebezão!

    The Blind Side (2009)

    Um Sonho Possível

    Um dos filmes mais conhecidos e aquele que deu o Oscar de melhor atriz para Sandra Bullock em 2010. O mais curioso na história real é que Michael Oher ganhou biografia ainda em atividade, como permanece. Ele é o offensive tackle que protege o "lado cego" dos quarterbacks do Tennessee Titans.

    Rudy (1993)

    Rudy Sean Astin é conhecido por filmes como Os Goonies e O Senhor dos Anéis, mas também estrelou esse bom feel good movie sobre um jovem que supera todos os obstáculos para realizar o sonho de jogar futebol americano pela Universidade de Notre Dame, uma das mais tradicionais do esporte nos EUA.

    Radio (2003)

    Meu Nome é Radio O típico filme inofensivo, feito para agradar às audiências e fazer chorar, e que não agradou muito à crítica. Porém, a história real de um deficiente mental vivido por Cuba Gooding Jr. tem seu público fiel no Brasil e nos Estados Unidos. Não podia ficar de fora.

    Brian's Song (1971)

    Brian's Song

    Esse faz chorar de verdade! James Caan interpreta o doente terminal Brian Piccolo, jogador do Chicago Bears cuja amizade com o colega de time Gale Sayers (Billy Dee Williams) resiste até seus últimos dias.

    Knute Rockne All American (1940)

    Criador de Campeões Filme que traz o ex-Presidente dos Estados Unidos Ronald Reagan em uma de suas melhores atuações, como um jogador que porta uma doença fatal utilizada pelo treinador de seu time, o lendário Rockne (Pat O'Brien) da Universade de Notre Dame, a motivar todos os outros membros do elenco.

    Remember The Titans (2000)

    Duelo de Titãs Denzel Washington, em grande atuação, interpreta o primeiro técnico negro de um colégio secundário na conservadora Virginia, de modo a mostrar não apenas seu valor como treinador, como, principalmente, dar uma lição ao seu time e a toda comunidade sobre a tolice da discriminação racial.

    Undefeated (2011)

    Undefeated O futebol americano costuma ser tema de filme quando os produtores são apresentados a uma boa história real envolvendo o esporte. Esse documentário vencedor do Oscar mostra que, às vezes, é melhor mostrar a história acontecendo, como ela é. Simplesmente imperdível!

    The Longest Yard (1974)

    Golpe Baixo Lembra do filme homônimo estrelado por Adam Sandler em 2005? Pois Burt Reynolds, indicado a um Framboesa de Ouro nessa refilmagem, é o astro do filme original, clássica comédia sobre o confronto entre prisioneiros e guardas numa épica partida de futebol americano.

    Friday Night Lights (2004)

    Tudo Pela Vitória Esse filme já é bem mais recente, mas também ganhou uma adaptação homônima – no caso, para a TV. O drama esportivo acompanha Gary Gaines (Billy Bob Thornton), um técnico que transmite táticas mas também lições sobre a vida a um time formado por adolescentes.

    North Dallas Forty (1979)

    North Dallas Forty Drama esportivo sobre um típico time profissional de futebol americano nos anos 70 se mistura com sátira a a mais popular e valiosa franquia do esporte nos EUA, o Dallas Cowboys.

    Paper Lion (1968)

    Paper Lion Em sua estreia no Cinema, Alan Alda interpreta o jornalista George Plimpton, que viveu uma vida de calouro no futebol americano para escrever um artigo para a revista Sports Illustrated. Bem interessante. Fica a dica!

    The Freshman (1925)

    O Calouro Um clássico do cinema mudo que permanece divertido – e ainda mais interessante de se assistir – nada menos que 90 anos (!) após o seu lançamento. No filme, a lenda da comédia Harold Lloyd vive um nerd que entra para o time do colégio para se tornar popular e impressionar uma garota. Um pioneiro!

    Everybody's All American (1988)

    Everybody's All American O que acontece após o touch down da vitória? Dennis Quaid descobre da pior maneira, nesse drama cortante e honesto sobre o declínio de um astro do futebol americano. Destaque para o bom elenco formado por Jessica Lange, Timothy Hutton e John Goodman.

    Horse Feathers (1932)

    Gênios da Pelota Groucho, Chico, Harpo e Zeppo, os lendários Irmãos Marx, em comédia aparentemente inocente que permanece atual em sua sátira ao futebol americano colegial, por seu caráter amador e por como os interesses esportivos se sobrepõem às exigências acadêmicas.

    We Are Marshall (2006)

    Somos Marshall Outra boa história real contada de modo ordinário, mas eficiente pelo esforço dos envolvidos – nesse caso, destaque para o hoje oscarizado Matthew McConaughey, como o treinador escolhido para montar do zero um time que deixou de existir quando um acidente de avião vitimou todos os seus jogadores.

    Invincible (2006)

    O Invencível Vince Papale (Mark Wahlberg) surpreendeu o competitivo mundo do futebol americano ao se tornar um wide receiver profissional sem ter passado pela universidade. Aos 30 anos, ele trabalhava como bartender quando foi contratado pelo Philadelphia Eagles. Ele é, até hoje, o calouro mais velho da história da NFL.

    The Express (2008)

    No Limite, a História de Ernie Davis Troféu Heisman é o prêmio dado ao melhor jogador de futebol americano universitário. Ernie Davis (Rob Brown) é o nome do primeiro jovem negro a conquistar o troféu. Típica cinebiografia, mas boa.

    Any Given Sunday (1999)

    Um Domingo Qualquer Oliver Stone dirigiu um dos filmes mais ambiciosos e bem produzidos sobre a NFL. Um tanto longo demais, mas, por ser estrelado por Al Pacino e por um Jamie Foxx que mostra suas reais habilidades como quarterback, é simplesmente obrigatório.

    All The Right Moves (1983)

    A Chance O ano que revelou Tom Cruise em Hollywood foi 1983, quando estrelou Negócio Arriscado, Vidas Sem Rumo e esse bom filme (especialmente por seu bom elenco jovem) sobre um jovem que brigará muito por uma bolsa de estudos na decadente Pensilvânia.

    Leatherheads (2008)

    O Amor Não Tem Regras George Clooney é o ator e diretor dessa comédia romântica de péssimo título nacional, que esconde o que há de melhor no filme: a ótima reconstituição de época (aspecto sempre muito agradável, envolvente) dos "cabeças de couro" do futebol americano dos anos 20.

    The Program (1993)

    The Program Um drama pouco visto, subestimado, em que James Caan vive um treinador que precisa lidar com os problemas pessoais (inclusive vício em drogas) dos jogadores de seu time. Um fato curioso é que uma cena, em que vários jovens se deitam numa estrada, foi posteriormente cortada devido a ocorrências fatais envolvendo fãs do filme.

    Heaven Can Wait (1978)

    O Céu Pode Esperar Warren Beatty dirige e estrela essa comédia fantástica sobre um quarterback dos Rams (franquia então estabelecida em Los Angeles) que morre tragicamente e é reencarnado. Não uma, mas duas vezes!

    The Replacements (2000)

    Virando o Jogo Gene Hackman e Keanu Reeves estelam essa previsível, porém simpática comédia sobre um típico time montado na unha, formado por medalhões e novatos.

    Varsity Blues (1999)

    Marcação Cerrada No auge de sua fama por Dawson's CreekJames Van Der Beek um quarterback de talento e enfrentou um dos piores treinadores já retratados num longa-metragem, o abusivo Kilmer (Jon Voight).

    Draft Day (2014)

    A Grande Escolha Lembra de Moneyball? Eis sua (inferior) versão NFL, sobre as estratégias que envolvem a escolha de jogadores calouros no draft. Kevin Costner está bem como o ficcional general manager (gerente geral responsável, entre outras coisas, pelas contratações) do Cleveland Browns.

    Semi-Tough (1977)

    A Disputa dos Sexos Jogador de futebol americano universitário, Burt Reynolds adorava estrelar filmes sobre o esporte. Essa comédia aqui, porém, focava mais no curioso triângulo amoroso envolvendo a filha do dono do time e dois jogadores e grandes amigos.

    Gridiron Gang (2006)

    A Gangue Está em Campo Dwayne Johnson relembrou seus tempos de linebacker na universidade como treinador do Kilpatrick Mustangs, time formado dentro de um campo de detenção juvenil.

    The Waterboy (1998)

    O Rei da Água Além de Golpe Baixo, Adam Sandler estrelou esse filme bobo e de momentos muito engraçados do comediante como um garoto de sotaque e modos estranhos que, uma vez irritado, se torna imparável dentro do campo. Kathy Bates rouba a cena interpretando a sua mãe.

    Little Giants (1994)

    O Pequeno Grande Time Num dos últimos filmes de sua aposentadoria, Rick Moranis monta um time de pequenos renegados liderados por uma menina que terá de enfrentar os bem equipados garotos treinados por seu irmão mais velho (Ed O'Neill). Simplesmente, um dos filmes prediletos da infância de quem vos escreve.

    Jerry Maguire (1996)

    Jerry Maguire - A Grande Virada O filme mais bem-sucedido em mostrar os negócios do esporte. O diretor Cameron Crowe realizava seu primeiro grande filme, Tom Cruise construía sua carreira como um grande astro, mas foi Cuba Gooding Jr., como o típico jogador de americano talentoso e um tanto mascarado, que roubou a cena e levou um Oscar pela atuação.

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top