Minha conta
    Euphoria: O que esperar da 2ª temporada?
    Por Nathalia Jesus — 23 de set. de 2020 às 18:05

    Após a vitória de Zendaya no Emmy, a HBO prometeu um episódio especial antes da segunda temporada. Mas enquanto não chega, vamos especular!

    De acordo com a HBO, a produção da segunda temporada de Euphoria está prevista para acontecer em 2021, mas antes do lançamento, os fãs vão ter a chance de matar a saudade que sentem dos personagens. A emissora anunciou um episódio especial que servirá como uma ponte que conecta a primeira e segunda parte do seriado. 

    Casey Bloys, presidente de programação da HBO, afirmou que o novo episódio solo será um especial de Covid-19, mas não se sabe ainda se a epidemia será mencionada na narrativa. Até o momento, a única informação sobre tal novidade foi dada pela Zendaya, durante a participação da atriz no programa Jimmy Kimmel Live. “Eu realmente não sei como descrever, mas um episódio que podemos fazer com uma quantidade limitada de pessoas em um ambiente mais seguro para que tenhamos algo para viver até podermos entrar na segunda temporada”, afirma a vencedora do Emmy 2020.

    Enquanto a segunda temporada não chega, há diversas declarações dos criadores e do elenco sobre a continuidade da história. Além disso, após o desfecho, o destino dos personagens ficou sob responsabilidade da imaginação do espectador. Por isso, o AdoroCinema traz algumas especulações do que podemos esperar da próxima fase de Euphoria.

    Mistério que envolve Nate e o pai

    A trajetória do complexo Nate, vivido por Jacob Elordi, ainda é uma incógnita até mesmo para quem assistiu a primeira temporada completa. Por ser um personagem pouco expressivo, assim como o restante de sua família, o público ainda tem muito o que descobrir sobre o que há por trás de tantas declarações silenciosas. A relação agressiva do adolescente com o pai, com a namorada Maddy (Alexa Demie) e os desdobramentos da história familiar de Nate são um ponto forte a ser explorado na nova temporada.

    Destino de Rue

    O final da primeira temporada de Euphoria ao som da música All For Us trouxe um enigmático encerramento para Rue (Zendaya), fazendo com que muitos fãs ficassem em dúvida sobre o destino da personagem. Especulações sobre metáforas, imaginação, overdose e até morte foram levantadas pelos espectadores, mas o showrunner Sam Levinsonnegou os rumores. Segundo o criador, Rue está viva e tem uma longa jornada pela frente. Na segunda temporada, é possível que sejam abordados os efeitos do vício em drogas na personagem, o relacionamento de Rue com a família após a suposta recaída do último episódio e o novo cotidiano da protagonista longe da amada Jules (Hunter Schafer).

    Lexi e Fezco com mais destaque na narrativa

    Lexi, interpretada por Maude Apatow, tem sido a melhor amiga de Rue desde o início da série. Assim como a protagonista acabou a deixando de lado para explorar um novo relacionamento com Jules, o roteiro também não deu tamanha relevância para a personagem, que até o momento não tem uma história e nem personalidade tão conhecida pelo público. De acordo com a afirmação de Sam Levinson, Lexi foi criada com um propósito muito específico e que Apatow seria ideal para executar. O mesmo acontece com Fezco (Angus Cloud), que possui certa presença na primeira temporada por ser o traficante que fornece drogas à protagonista, mas ainda não foi explorado com profundidade. Na nova fase, podemos acompanhar o desenvolvimento de dois personagens que, aparentemente, acrescentarão mais importância na trama.

    Jules vivendo em outra cidade

    A triste despedida de Jules e Rue foi o ponto de partida para os eventos impactantes do fim da temporada. O desejo de Jules de abandonar a cidade e a mentalidade limitada que habitava ali fez com que as duas se separassem. Caso não ocorra nenhum desvio de percurso no trem que Jules partiu, na segunda fase de Euphoria possivelmente iremos presenciar a personagem iniciando a carreira ou estudos em algum lugar distante, se comunicando brevemente com o pai, vivendo de forma mais livre, mas sem a presença de Rue em sua rotina. Em algum ponto da trama, talvez Jules reapareça quando Rue estiver no melhor ou pior momento da vida, revertendo de forma positiva ou negativa o estado da adolescente. 

    Uma Kat sem máscaras

    Kat, vivida por Barbie Ferreira, facilmente se tornou uma das integrantes mais adoradas de Euphoria. No entanto, por trás da autoconfiança fabricada pela necessidade de ser aceita e cobiçada, há estilhaços de solidão e baixa autoestima que não são tão óbvios nem para os colegas da escola e nem para o espectador. Kat tem um desenvolvimento interessante a ser explorado se o enredo permitir. O relacionamento com Ethan (Austin Abrams) pode se tornar algo mais sério e fazer com que Kat entenda que pode ser amada e desejada sem que o sexo seja o elemento principal para a consolidação desses sentimentos.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top