Minha conta
    Festival de Locarno: Brasil conquista Leopardo de Ouro por Regra 34, longa de Júlia Murat
    13 de ago. de 2022 às 14:01
    Diego Souza Carlos
    Apaixonado por cultura pop, latinidades e karê, Diego ama as surpresas de Jordan Peele, Guillermo del Toro e Anna Muylaert. Entusiasta do MCU, se aventura em estudar e falar sobre cinema, TV e games.

    Terra em Transe, de Glauber Rocha, foi o último longa nacional a conquistar a honraria.

    É do Brasil! Neste sábado (13), a cineasta brasileira Júlia Murat conquistou o prêmio Leopardo de Ouro na competição internacional do 75º Festival de Cinema de Locarno com o filme Regra 34.

    Fazia mais de 50 anos que um longa-metragem nacional não garantia uma vitória na festividade cinematográfica. Terra em Transe, do eterno Glauber Rocha, venceu o prêmio máximo da honraria em 1967. Décadas depois, na categoria de curta-metragem, o Brasil foi vitorioso com os filmes Dez Elefantes (2008), de Eva Randolph, e Fantasma Neon (2021), de Leonardo Martinelli.

    13 filmes nacionais além da comédia para conhecer melhor o País

    O filme acompanha Simone, uma jovem defensora pública que defende mulheres em casos de abuso. No entanto, seus próprios interesses sexuais a levam a um mundo de violência e erotismo. Produzido em 2020, o projeto é estrelado por Sol Miranda, Lucas AndradeLorena Comparato e Isabela Mariotto.



    Regra 34 é o terceiro longa-metragem de Júlia. Ele sucede Pendular, que está disponível no streaming do Telecine e recebeu o Prêmio FIPRESCI no Festival de Berlin de 2017. Seu primeiro filme, intitulado Histórias que Só Existem Quando Lembradas, fez seu debute no Festival de Veneza e pode ser assistido na plataforma Looke. A cineasta ainda tem créditos em curtas e documentários, além de atuar como editora e produtora de outros projetos.

    Deus e o Diabo na Terra do Sol em 4K: "A obra de Glauber Rocha é fundamental para o Brasil", avalia produtor

    Realizado na Suíça desde 1946, o Festival de Locarno retomou as atividades presenciais na presente edição, após o início da pandemia.

    Ver essa foto no Instagram

    Uma publicação compartilhada por Sol Miranda 🏳️‍🌈 (@soldefato)



    O longa vencedor do Leopardo de Ouro ainda não tem previsão de estreia no circuito comercial brasileiro.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top