Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Homem-Aranha - Longe de Casa: Os principais easter-eggs do filme
    Por Laysa Zanetti — 6 de jul. de 2019 às 08:47

    Contém spoiler, viu?

    Atenção! Contém SPOILERS de Homem-Aranha: Longe de Casa. 

    Após o emocionalmente desgastante Vingadores: Ultimato, a Marvel retorna às telonas para finalizar sua Fase 3 — e, com ela, a Saga do Infinito — com um filme de espírito mais leve e com ares claros de comédia romântica com pitadas de aventura. Homem-Aranha: Longe de Casa traz Tom Holland de volta ao traje de Peter Parker, acompanhado de Zendaya como MJ, Jacob Batalon como Ned e, não menos importante, Samuel L. Jackson e seu Nick Fury, unidos para enfrentarem o Mysterio de Jake Gyllenhaal.

    Como qualquer adaptação de quadrinhos, Longe de Casa conta com a sua boa parcela de referências às HQs, algumas das quais o AdoroCinema resolveu reunir nesta lista — as mais significativas ou impactantes. Além de algumas referências a edições específicas de quadrinhos feitas através de placas de veículos, o filme também relembra as revistas sobretudo em sequências entre Peter Parker e Quentin Beck. Será que você pegou as principais?

    De onde vem o vilão

    A origem de Mysterio no filme é um pouco diferente de sua concepção nos quadrinhos, mas em ambos os casos, Quentin Beck é um homem excêntrico que foi demitido de seu trabalho, e decidiu usar os seus conhecimentos para se transformar em um vilão. Enquanto nas HQs (sua primeira aparição é em “Amazing Spider-Man No. 13”) ele era um dublê de efeitos especiais em Hollywood, em Longe de Casa ele reage à humilhação que sofreu pelo ex-chefe, Tony Stark, depois de ter criado uma tecnologia holográfica avançada, posteriormente rebatizada como B.A.R.F. (no original, ou B.A.F.O. em português). 

    Em sua história, ele já fez quase tudo para ludibriar Peter, desde tentar convencê-lo de que ele ficou louco até fingir que ele encolheu, que tia May está morta e que ele está cometendo crimes. De certa forma, isso também é algo que acontece em Longe de Casa, e é relacionado sobretudo nas sequências das alucinações. 

    As alucinações de Mysterio

    No filme, Mysterio praticamente sequestra um carnaval de rua em Praga para acomodar uma das alucinações dos Elementais. Posteriormente, isso é o que faz Peter entregar E.D.I.T.H. a Quentin Beck e, com isso, a herança que ganhou de Tony. 

    Nos quadrinhos, Mysterio conduz um de seus planos mais ousados na edição número 67 de “Amazing Spider-Man”. Ele convence o Homem-Aranha que ele foi encolhido e está preso em um carnaval gigante, à mercê de Beck. É bem possível que esta edição seja de onde o longa tirou inspiração, mas todos os efeitos têm uma fonte semelhante. O conceito de Mysterio controlando vários robôs, drones e hologramas vem de “Amazing Spider-Man”, das edições 618-620. Após uma longa ausência, Mysterio usa drones para provocar uma guerra entre gangues e policiais, e chega a convencer Peter de que ele foi o responsável pelas mortes de vários civis. 

    Homem  de Ferro zumbi

    Em um dos hologramas criados por Quentin Beck, Peter (e o público) dá de cara com uma versão zumbificada do Homem de Ferro. 

    De fato, isso também tem uma explicação que vem das HQs. Em “Ultimate Fantastic Four No. 23”, Reed Richards descobre uma dimensão alternativa em que um vírus zumbi tomou o mundo, transformando heróis, vilões e qualquer pessoa no meio do caminho em um zumbi. O Homem de Ferro, é claro, é um deles, e naturalmente um personagem recorrente da série de quadrinhos intitulada Marvel Zombie. Já pensou? Estamos de olho em você, Robert Kirkman

    Novo ano, novo filme, novo uniforme

    Um novo filme do Homem-Aranha não poderia deixar de apresentar um novo traje para o carismático Amigão da Vizinhança. O uniforme preto e vermelho traz de volta uma discussão acalorada entre os fãs das HQs, quando “Amazing Spider-Man No. 15” trouxe um uniforme que tinha as cores preta e vermelha, com pontos azuis de iluminação. Isso fez os leitores debaterem por anos sobre quais eram as reais cores da vestimenta de Peter Parker.

    Vale lembrar que o uniforme final de Miles Morales em Homem-Aranha no Aranhaverso também utiliza o preto e o vermelho e tem algumas semelhanças ao mais recente do Peter Parker de Tom Holland. O The Hollywood Reporter aponta que a inspiração para o modelo vem tanto do visual de “Sensational Spider-Man No. 0” e de “Superior Spider-Man No. 1”.

    Capitã Marvel e as células dormentes dos Kree

    Antes de descobrirmos que Nick Fury e Maria Hill são, na verdade, Talos (Ben Mendelsohn) e sua esposa, Soren (Sharon Blynn) — apresentados em Capitã Marvel (2019) —, a dupla comenta que as células dormentes dos Kree deveriam ser, supostamente, um segredo.

    Esta possa ser uma referência aos Inumanos — nos quadrinhos, eles surgem quando os Kree resolvem fazer experiências genéticas com os humanos a fim de criarem uma raça superior —, mas o filme centrado nestas figuras foi descartado pela Marvel há alguns anos, o que possibilitou a existência de uma série de TV, que também  não deu certo e foi cancelada depois de uma temporada. O THR aposta que a referência é à Invasão Secreta, arquitetada originalmente pelos Skrulls nas HQs, já que lá eles são vilões.

    Poderia o Universo Cinematográfico Marvel estar planejando algo semelhante para a sua "fase quatro"?

    As Férias de Fury

    A última cena pós-créditos de Homem-Aranha: Longe de Casa mostra o verdadeiro Nick Fury na maior tranquilidade tirando féias na praia enquanto Talos e Soren trabalham por ele. Ou será que não?

    Na verdade, Fury está à bordo de uma nave Skrull, aparentemente no controle de alguma operação. Mas a referência à praia parece ser uma menção singela ao projeto T.A.H.I.T.I., programa usado para trazer o Agente Coulson (Clark Gregg) de volta para Agents of S.H.I.E.L.D. após os eventos de Os Vingadores - The Avengers (2012).

    O plano foi sequestrar o corpo de um alienígena Kree e usá-lo para avanço medicinal e inovações. Os efeitos colaterais incluem até mesmo manipulação de memória, de modo que Coulson se lembra da época no programa como uma versão fantasiosa da verdadeira Taiti — justamente o que aparece em Longe de Casa

     Homem-Aranha: Longe de Casa já está em cartaz no Brasil. Leia a crítica. 

     
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top