Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    It - A Coisa: Versão do diretor terá 15 minutos a mais
    Por Renato Furtado — 15 de set. de 2017 às 10:57

    Agora você terá duas horas e meia para aproveitar o filme, do ladinho de um palhaço macabro.

    Se você curtiu as 2h15 de It - A Coisa, saiu do cinema querendo mais e não vai conseguir esperar o lançamento de It - Parte 2, não se preocupe: os irmãos Muschietti — o cineasta Andrés e a produtora Barbara — anunciaram que um dos maiores fenômenos de 2017 terá uma versão do diretor com 15 minutos a mais.

    Segundo a dupla argentina (via Yahoo! Movies), o corte especial do longa vai expandir a cena da pedreira, onde os jovens membros do Clube dos Perdedores tentam reunir coragem para mergulhar no lago, metros e metros abaixo de seus pés. Além disso, Stanley (Wyatt Oleff), um dos personagens que acabam ganhando menos tempo de tela em It - A Coisa, também terá uma sequência para chamar de sua na versão do diretor. Dentro dos novos 15 minutos, será possível ver um potente e inesperado discurso do jovem judeu, que acusa os adultos de Derry pelas tragédias ocorridas no local.

    Antes de chegar ao corte final de It - A Coisa, os Muschietti chegaram a testar outras durações, mas acabaram decidindo manter o filme com suas 2h15, onde Pennywise (Bill Skarsgård) tem bastante tempo para aterrorizar a cidade de Derry, o Clube dos Perdedores e o público. A resolução parece ter surtido o efeito desejado: além de ter conquistado a crítica internacional — confira aqui a avaliação 5 estrelas do AdoroCinema —, o terror bateu vários recordes de bilheteria e já arrecadou quase US$ 220 milhões ao redor do mundo. Em apenas uma semana em cartaz, vale ressaltar.

    Uma das curiosidades sobre as cenas cortadas do longa ainda na fase do roteiro é que, em dado momento, os Muschietti consideraram utilizar o icônico Freddy Krueger no filme, uma vez que Pennywise assume as formas de monstros do cinema na obra original de Stephen King. No livro, onde a fase adolescente do Clube dos Perdedores é ambienta na década de 50, o Palhaço Dançante se disfarça de criaturas como o Lobisomem e a Múmia. Assim, como o filme se passa nos anos 1980, os cineastas cogitaram a possibilidade de incluir o vilão da obra de Wes Craven. Todavia, eles acabaram mudando de ideia e não filmaram a sequência com o personagem de Robert Englund:

    "Consideramos a possibilidade por um tempo, mas eu não estava muito interessado em incluir Freddy Krueger na história. Adoro a trama e adoro a maneira como Stephen King retrata a infância na década de 50. Ele é muito autêntico ao trazer todos os grandes monstros da Universal para o repertório de incarnações de Pennywise porque é destes monstros que as crianças têm medo. Seria, então, um caminho natural tentar recriar isto nos anos 80, mas eu não quis trazer elementos como Freddy Krueger para o nosso filme [...] Seria uma distração", afirmou o cineasta (via SlashFilm).

    Ainda não há previsão de lançamento para o DVD/BluRay de It - A Coisa com a versão de Andrés Muschietti. Por outro lado, o filme coestrelado por Jaeden Lieberher, Finn Wolfhard e Sophia Lillis está em cartaz nos cinemas brasileiros.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top