Minha conta
    Casa Grande
     Casa Grande
    16 de abril de 2015 No cinema / 1h 54min / Drama
    Direção: Fellipe Barbosa
    Roteiro Fellipe Barbosa
    Elenco: Thales Cavalcanti, Marcello Novaes, Suzana Pires
    Streaming
    Imprensa
    4,0 22 críticas
    Usuários
    3,5 245 notas e 44 críticas
    Adorocinema
    4,5
    Avaliar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse

    Não recomendado para menores de 12 anos
    Casa Grande acompanha Sônia (Suzana Pires) e Hugo (Marcello Novaes) que são da alta burguesia carioca e levam uma vida bastante confortável. Aos poucos vão à falência, mas ninguém sabe de seus problemas financeiros, nem mesmo o filho Jean (Thales Cavalcanti), que faz de tudo para se desvencilhar dos pais superprotetores. Para se manter, o casal corta despesas e ele, que só se preocupava com garotas e vestibular, enfrenta pela primeira vez a realidade.

    Assista ao filme

    SVOD / Streaming
      NetflixInscrições
    Veja todas as ofertas de streaming

    Críticas AdoroCinema

    4,5
    Ótimo
    Casa Grande

    Feijão com arroz com gosto de caviar

    por Renato Hermsdorff
    Casa Grande começa com a câmera ligada estática nos jardins de uma casa, à noite, apontando para a fachada. Um cara sai da jacuzzi, entra e começa a apagar as luzes. Percorrendo cada cômodo (a câmera continua parada aqui fora), ele desliga uma por uma. É tempo suficiente para inserir com calma os créditos de todos os profissionais envolvidos no filme, do diretor à continuísta, o que dá uma noção do tamanho desta mansão – e da preocupação do personagem. Em Casa Grande, cada gesto é significativo. Fellipe Barbosa, estreando com categoria no formato longa-metragem, usa de tons autobiográficos para contar a história de Jean (Thales Cavalcanti), um estudante do tradicional colégio São Bento, do Rio de Janeiro (um reduto da alta classe média carioca), no último ano do ensino médio, ou seja, naquela fase em que os hormônios mais cutucam e o presente cobra a definição do que você vai ser para o
    Ler a crítica

    Trailer

    Casa Grande Trailer Oficial 2:26
    Casa Grande Trailer Oficial
    57.331 visualizações
    Casa Grande Trailer Internacional 2:05
    6.359 visualizações
    Pela web

    Elenco

    Thales Cavalcanti
    Personagem : Jean
    Marcello Novaes
    Personagem : Hugo
    Suzana Pires
    Personagem : Sônia
    Clarissa Pinheiro
    Personagem : Rita
    Ficha completa

    Comentários do leitor

    Nelio M.
    Nelio M.

    Segui-los 13 seguidores Ler as 82críticas deles

    0,5
    Enviada em 29 de novembro de 2015
    É um ótimo filme pra quem estiver querendo dormir. Só isso. Casa Grande cura qualquer insônia. Como assisti à tarde não consegui dormir, mas fiquei pensando na vida enquanto passava o filme (lucrei mais pensando na vida). Não recomendo a ninguém.
    Crismika
    Crismika

    Segui-los 618 seguidores Ler as 432críticas deles

    2,0
    Enviada em 12 de agosto de 2020
    O filme até tenta abordar temas como cotas raciais, falência da classe média alta, virgindade, mas o filme é tão lento e arrastado, sem novidades, atores sem expressão, enfim nada acontece ao longo de quase duas horas de filme. Não vale a pena perder tempo.
    Ricardo L.
    Ricardo L.

    Segui-los 43.919 seguidores Ler as 2críticas deles

    4,5
    Enviada em 24 de fevereiro de 2021
    Um dos melhores filmes Brasileiros dos últimos anos! Um roteiro impecável para uma ótima direção e um elenco concentrado no que tem que ser feito, o ritmo do filme é lento, mas atrativo. Muito bom mesmo.
    Luis R.
    Luis R.

    Segui-los 18.054 seguidores Ler as 759críticas deles

    1,5
    Enviada em 2 de março de 2016
    A ideia de mostrar uma família brasileira de classe media em decadência até que é interessante,o problema que isso é feito de maneira desinteressante e tediosa,tem momentos que a trama do filme não sai do lugar junto com seus personagens.
    44 Comentários do leitor

    Fotos

    13 Fotos

    Curiosidades das filmagens

    Festivais e Prêmios

    No Festival de Paulínia 2014 levou Melhor roteiro, melhor ator coadjuvante para Marcello Novaes, melhor atriz coadjuvante para Clarissa Pinheiro e o prêmio Especial do Júri para o diretor Fellipe Barbosa. Já no Festival de Palmares, em Toulouse, ganhou três prêmios: Prêmio de público, prêmio de crítica internacional (FIPRESCI) e prêmio de crítica francesa. Exibido no Festival de Rotterdam e no Festival do Rio 2014. Além disso, foi selec Leia Mais

    Gravações

    As filmagens ocorreram no Rio de Janeiro. O diretor Fellipe Barbosa estudou no colégio que serviu de locação para o filme, o tradicional São Bento.

    Últimas notícias

    Filmes na TV: Hoje tem O Resgate do Soldado Ryan e Casa Grande
    PLAYLIST - Lançamentos
    domingo, 21 de maio de 2017
    Filmes na TV: Hoje tem Casa Grande e Amor à Segunda Vista
    PLAYLIST - Lançamentos
    terça-feira, 28 de março de 2017
    De Felipe Ribeiro Entre as opções do dia na telinha estão também Matrix Reloaded e Castelos de Gelo. Prepare a pipoca e…
    Começa hoje o Festival do Rio 2016! Relembre os longas vencedores das edições anteriores
    NOTÍCIAS - Festivais e premiações
    quinta-feira, 6 de outubro de 2016
    Lembra que filme ganhou ano passado?
    27 Notícias e Matérias Especiais

    Detalhes técnicos

    Nacionalidade Brasil
    Distribuidor IMOVISION
    Ano de produção 2014
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 2 curiosidades
    Orçamento -
    Idiomas Português
    Formato de produção -
    Cor Colorido
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    • Jonas Bittencourt, Jr.
      O filme começa bem, apresentando os temas e personagens com sutileza e inteligência, sem parecer algo panfletário, uma cagação de regra, mas depois vai se perdendo quando eles tentam abordar muitos assuntos e não desenvolvem nenhum bem, o roteiro cria situações de confronto político/ideológico muito forçadas, pouco plausíveis, você não acredita que pessoas normais se comportam da forma como a maioria dos personagens desse filme se comportam. Casa Grande até tem seus momentos, tem um certo charme e os primeiros 20-25 minutos são mesmo muito bons, mas no geral parece só mais uma sátira batida, mais um daqueles filmes cariocas sobre desigualdade social que se propõe a fazer reflexões super profundas, mas que acaba soando chato e clichê.
    • Jonas Bittencourt, Jr.
      Mas não é um filme ruim, tem um elenco bom, só achei o ator principal meio fraquinho, songamonga mesmo, ele não consegue transmitir a intensidade dramática que o personagem pedi, as cenas de confronto com o pai são um exemplo da limitação dele. Mas achei o resto do elenco ok, Marcelo Novaes é o que consegue dar mais vida pro seu personagem, você realmente acredita que podia ser uma pessoa real passando por aquela situação. O maior problema do filme mesmo são as cenas muito paradas e o roteiro superficial. O filme se propõe a fazer uma série de comentários sociais, críticas políticas, etc...
    • Jonas Bittencourt, Jr.
      O problema não é o filme ser nacinal ou ter uma agenda política por trás, não vamos ser inocentes, quase todo filme tem, política tá em tudo nessa vida. O problema é apresentar esses temas sociais/políticos de forma superficial, clichê, e pouco inspirada, porque aí fica parecendo que é apenas uma doutrinação sensacionalista, e não um entretenimento fluido, interessante, e desafiador. Filme que é filme tem que funcionar pra diferentes grupos, não só o nicho que vai concordar com a agenda política que ele expõe, uma obra cinematográfica tem que ser política mesmo, porque a arte é política, mas também tem que se sustentar como entretenimento, porque se trata de uma mídia visual.
    • Fabricio Menezes
      Nem excelente nem péssimo. Fica ali no meio termo. Quem segura as atuações são mesmo os veteranos. Esses atores jovens não estão com nada, principalmente o protagonista. Mt fraquinho. O roteiro na parte dos diálogos entre os jovens chega a ser vergonhoso de tão ultrapassado. Boa parte do desenvolvimento da história e a crítica social, ainda que clichê em alguns momentos, é interessante. Nota 3/5.
    • Fabricio Menezes
      Nem excelente nem péssimo. Fica ali no meio termo. Quem segura as atuações são mesmo os veteranos. Esses atores jovens não estão com nada, principalmente o protagonista. Mt fraquinho. O roteiro na parte dos diálogos entre os jovens chega a ser vergonhoso de tão ultrapassado. Boa parte do desenvolvimento da história e a crítica social, ainda que clichê em alguns momentos, é interessante. Nota 3/5.
    • Fabricio Menezes
      A base do filme é justamente essa. Criticar a desigualdade social no país. Não existe “doutrinação de esquerda”. Não entendeu nada rsrs
    • Peterson Florindo
      O filme é morno. Quem espera uma crítica a classe média alta carioca pode acabar frustrado, pois não ocorre nenhum embate entre o patrão e os empregados. O único contato do protagonista com a pobreza se restringe ao ponto de ônibus, ao quartinho da empregada e uma visita à comunidade/favela. Nas demais cenas, o filme está mais focado na descoberta da sexualidade do protagonista que questões sociais. A única cena em que há um debate social claro é no almoço em família, quando a questão das cotas entra em pauta.
    • Crismika
      O filme até tenta abordar temas como cotas raciais, falência da classe média alta, virgindade, mas o filme é tão lento e arrastado, sem novidades, atores sem expressão, enfim nada acontece ao longo de quase duas horas de filme. Não vale a pena perder tempo.
    • Carlos P.
      O filme até que ia bem, tirando aquela doutrinação de esquerda sobre cotas, mas do nada acaba, me deu vontade de quebrar a TV.
    Mostrar comentários
    Back to Top