Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Stranger Things: Conheça Maya Hawke, intérprete da queridinha Robin
    Por Katiúscia Vianna — 14 de jul. de 2019 às 08:20
    facebook Tweet

    Filha de dois astros de Hollywood, a jovem já se tornou uma das atrizes mais promissoras do momento.

    Stranger Things é conhecido por apresentar novos queridinhos para o público. Depois de Eleven (Millie Bobby Brown), Steve (Joe Keery) e Erica (Priah Ferguson), a pessoa favorita da internet desde a terceira temporada se tornou Robin (Maya Hawke). Mas você achou o rosto da garota meio familiar? Quer saber de onde ela surgiu? Ou quais são os próximos projetos da musa, para já garantir ingresso e gritar "que hino"? O AdoroCinema está aqui para te ajudar!

    Getty Images

    Para começar, a dica já está ali no sobrenome. Maya é filha dos atores Uma Thurman e Ethan Hawke, que se conheceram nas filmagens de Gattaca - Experiência Genética. Nascida em 1998, a jovem também é descendente do famoso autor norte-americano Tennessee Williams. Mas sua história na área começa mesmo ao descobrir que tem dislexia, levando-a procurar o colégio Sain Ann's School, cujo currículo educacional era mais focado nas artes, do que em provas e notas. Logo, seu talento a levou para a elogiada escola de artes Julliard, ao mesmo tempo que fez trabalhos como modelo. 

    Originalmente, Maya chamou a atenção da diretora Sofia Coppola, que queria ver a jovem estrelando sua versão de A Pequena Sereia. Porém, a Universal Studios só aceitaria uma atriz mais famosa, escalando Chloe Grace Moretz. Tal projeto acabou sendo abandonado, enquanto Hawke conquistou o papel principal da minissérie Little Women, adaptação de Adoráveis Mulheres na BBC. Logo, sua estreia nas telinhas foi nada mais, nada menos que interpretar Jo March, a inteligente, determinada e pioneira protagonista do famoso livro de Louisa M. Alcott (que vai virar filme de Greta Gerwig em breve). Em tal projeto, contracenou com Emily Watson, Michael GambonKathryn Newton e a lendária Angela Lansbury.

    Logo depois, fez audições para Stranger Things, passando até por testes de química com Joe Keery, já que a dinâmica entre seus personagens é essencial para a terceira temporada. Seu papel é Robin, colega de trabalho de Steve na sorveteria do novo shopping de Hawkins. Mas quem viu a série sabe como a jovem esconde algo e floresce ao longo dos episódios. "Quanto mais ela se envolve com o mistério, mais a conhecemos. Se sente excluída, fica nervosa em falar sobre si mesma. Mas quando entra para a missão, sua personalidade muda, ela se abre, se sente útil. Acho incrível como os irmãos Duffer interromperam toda uma sequência de ação, para fazer uma conversa de sete minutos, sobre duas pessoas que realmente se importam, um com o outro. É algo belo", falou Maya em entrevista para o THR.

    Com um começo de carreira bem sucedido, a moça já investe nos cinemas.Sua estreia nas telonas será em Era uma Vez em Hollywood, próximo projeto de Quentin Tarantino, fazendo parte de um elenco liderado por Brad PittLeonardo DiCaprio e Margot Robbie. Sua personagem será "Flower Child", membro do culto do serial killer Charles Manson. Por outro lado, a imagem acima mostra Maya nas filmagens de Mainstream, segundo filme de Gia Coppola, também estrelado por Andrew Garfield e Nat Wolff.

    Dentre seus futuros projetos, ela ainda vai aparecer no thriller Ladyworld, com Ariela Barer (Runaways) e Annalise Basso (Capitão Fantástico); e no drama Human Capital, ao lado de Marisa Tomei. Sem falar numa possível quarta temporada de Stranger Things, não é mesmo?

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • João
      Mas ela é uma personagem original, sendo assim não foi uma mudança, já que ela foi criada pra ser desse jeito.
    • João
      Exatamente, esse pessoal da direita fala que tudo é cota, mas na verdade é só um pretexto pra não quererem ver um personagem fora do eixo hétero.
    • Arthur Oliveira Souza
      Sempre usam a desculpa de´´Não perguntei nada`´´,como se isso me impedisse de dar minha opinião,assim como outras pessoas.Isso prova sua falta de argumentos.E homofobia agora é CRIME ,molequinho menor de idade sabia ? O site pode te banir por isso.Mas como você é menor de idade,não pode ser preso,mas deveria.´´Lacrar´´ é o novo termo da direita para esconder seu preconceito só de ter um gay ou outro grupo étnico num filme ,série ou música.Homossexualidade é natural no meio ambiente e animais,por que não pode ser com humanos também ?
    • FSociety
      Irritei a turminha da lacração do mimimi do blá blá blá, cara vá se ferrar não te perguntei nada! Hoje em dia tá difícil assistir algo pois tudo tem um dedo da turminha do Pablo Vittar que quer empurrar goela abaixo suas ideias e seus costumes.
    • Arthur Oliveira Souza
      Que cota ? Só por que ela é gay ? Deixa de ser homofóbico cara .Qual o problema dela ser homossexual ? Até parece que você trata como se fosse uma aberração,sendo que homossexualidade é natural na natureza. Só falta falar que o Lucas e sua irmã erica só estão lá por cotas para negros,mas aí seria racismo né.E você sabe que racismo é crime, mas homofobia agora é também.Cuidado com o que você posta.
    • FSociety
      A personagem é legal, tava tendo uma química bacana com o personagem Steve dai os diretores fizeram dela uma personagem comum a transformando em uma personagem preenche cota ainda espero que os irmãos Duffer mudem de ideia sobre certas questões na possível 4° temporada.
    Mostrar comentários
    Back to Top