Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Ryan Murphy planeja antologia baseada no movimento #MeToo
    Por Rodrigo Torres — 8 de mai. de 2018 às 18:18
    facebook Tweet

    Série baseada no modelo Black Mirror iria explorar as histórias envolvendo Harvey Weinstein e Kevin Spacey.

    Um dos produtores mais prolíficos da televisão norte-americana, Ryan Murphy pretende seguir com um projeto de temática bastante atual. O premiado criador de American Crime Story planeja uma nova série antológica baseada no maior escândalo de Hollywood em 2017: o movimento #MeToo, iniciado após várias denúncias de abuso contra o (então) poderoso Harvey Weinstein.

    Harvey Weinstein

    Segundo o New Yorker, o projeto ainda está na fase das ideias, mas se especula em conceito bem interessante: "seguiria o modelo de Black Mirror: cada episódio ia explorar uma história diferente, começando com um conto de dentro da Weinstein Company. Haveria um episódio sobre Kevin Spacey, um sobre um ambíguo disse-me-disse. Cada episódio poderia ter um criador diferente."

    Kevin Spacey

    Ryan Murphy teve uma longa e bem-sucedida parceria com o canal FX, iniciado com a série Nip/Tuck em 2004. No canal por assinatura do grupo FOX, ele realizou American Horror Story, Scream Queens, American Crime Story9-1-1 e Feud. Então, no último mês de fevereiro, ele assinou um contrato multimilionário de produção de filmes e séries com a Netflix — onde esse projeto sobre o #MeToo pode acontecer.

    O que acha da ideia?

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Suelen Moraes
      Ryan Murphy é genial,quem sabe ele consiga tornar tudo mais atrativo do que realmente é.
    • †akezo
      Hum.
    Mostrar comentários
    Back to Top