Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Dois Irmãos - Uma Jornada Fantástica: Filme é banido em países do Oriente Médio por referência homossexual
    Por Caqui Bandeira — 6 de mar. de 2020 às 16:58
    facebook Tweet

    A animação já está em cartaz nos cinemas.

    Dois Irmãos - Uma Jornada Fantástica é a mais nova aventura da Pixar, e apesar de ter chegado aos cinemas ao redor do mundo, alguns países do Oriente Médio baniram o filme de ser exibido nas salas locais. A decisão vem por conta da personagem Specter (com voz de Lena Waithe na versão original), uma ciclope lésbica que comenta sobre sua relação homoafetiva com os protagonistas Ian (Tom Holland) e Barley (Chris Pratt).

    Anunciada como a primeira personagem abertamente LGBT da Disney, a policial faz uma menção sobre sua namorada, e como é ajudar a criar o filho com ela. Apesar de ser uma pequena parte do filme, países como Kuwait, Omã, Qatar e Arábia Saudita baniram o filme, ao contrário da Rússia (bem conhecida por censurar cenas e filmes em seu território), que só mudou a dublagem, falando parceiro ao invés de namorada, e deixando de lado qualquer menção sobre sua sexualidade.

    Esta não é a primeira vez que países censuram ou banem filmes por conta de temáticas ou referências LGBT - especialmente da Disney, o estúdio mais poderoso de Hollywood. A Bela e a Fera foi banido no Kuwait e na Malásia em 2017, e RocketmanVingadores: Ultimato tiveram cenas censuradas na Rússia em 2019.

    Dois Irmãos - Uma Jornada Fantástica já está em cartaz nos cinemas ao redor do país - confira aqui nossa crítica da animação.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Ricardo F.
      Há uma diferença entre os conservadores, enquanto que os islâmicos são fanáticos religiosos, o ocidentais são apenas hipócritas.
    • Arthur Oliveira Souza
      E depois os conservadores do ocidente não querem admitir que os países árabes e islâmicos (que eles tanto repudiam) são conservadores.Ora,vocês que defendem o conservadorismo,deveriam dar o braço a torcer pros islâmicos,pois eles também são conservadores como vocês .
    Mostrar comentários
    Back to Top