Meu AdoroCinema
Febre do Rato
Sessões Vídeos Créditos Críticas dos usuários Críticas da imprensa Críticas do AdoroCinema Fotos
Febre do Rato
Data de lançamento 22 de junho de 2012 (1h 50min)
Direção:
Elenco: Irandhir Santos, Nanda Costa, Matheus Nachtergaele mais
Gênero Drama
Nacionalidade Brasil
Ver o trailer
Assista online
Imprensa 4,0 14 críticas
Usuários 3,979 notas e 6 críticas
Adorocinema 3,5

Sinopse e detalhes

Zizo (Irandhir Santos) é um poeta inconformado e anarquista, que banca a publicação de seu tablóide. Em seu mundo próprio, onde o sexo é algo tão corriqueiro quanto fumar maconha, ele conhece Eneida (Nanda Costa). Zizo logo sente um forte desejo por Eneida, mas, apesar de seus constantes pedidos, ela se recusa a ter relações sexuais com ele. Isto transtorna a vida do poeta, que passa a sentir falta de algo que jamais teve.

Distribuidor IMOVISION
Ver detalhes técnicos
Ano de produção 2011
Tipo de filme longa-metragem
Curiosidades 11 curiosidades
Orçamento R$ 2,2 000 000
Idiomas Português
Formato de produção 35 mm
Cor Preto & Branco
Formato de áudio Dolby Digital
Formato de projeção -
Número Visa -

Sessões

Filmes Online

Assista online aos maiores sucessos dos cinemas, só aqui! Grátis para assinantes dos canais Telecine.
Febre do rato
Alta definição
Ver opções
  • Assista online
Veja todas as ofertas on demand

Críticas AdoroCinema

3,5 Bom
Febre do Rato

Anarquia e sexo

por Francisco Russo
Febre do rato é uma expressão típica do Nordeste, que significa estar fora de controle. Metáfora apenas aparente para Zizo, personagem principal de Febre do Rato, o filme. Poeta por vocação, ele dedica a vida à publicação de seu jornaleco, cujo nome é o mesmo do título. O objetivo é expor suas ideias, repletas de propostas anárquicas que valorizam o livre arbítrio das pessoas, sem se prender às amarras morais impostas pela vida civilizada. Quem não conhece o mundo de Zizo pode imaginar que ele esteja com a febre do rato, ou seja, fora de controle. Só que a verdade é justamente o oposto.A imersão por este mundo livre, leve e solto ao qual Zizo pertence é a grande proposta apresentada pelo diretor Cláudio Assis em seu novo filme. Uma viagem feita não apenas de palavras, explorando os versos e brados proferidos pelo protagonista, mas especialmente através de costumes e imagens. Fiel à máxim...
Ler a crítica
<strong>Febre do Rato</strong> Trailer Dublado 2:22
14 573 visualizações
<strong>Febre do Rato</strong> Teaser Dublado 1:31
2 356 visualizações
<strong>Febre do Rato</strong> Teaser (2) Dublado 0:36
7 868 visualizações
<strong>Febre do Rato</strong> Teaser (3) Dublado 0:38
1 911 visualizações

Elenco

Irandhir Santos
Irandhir Santos
Personagem : Zizo
Nanda Costa
Nanda Costa
Personagem : Eneida
Matheus Nachtergaele
Matheus Nachtergaele
Personagem : Pazinho
Juliano Cazarré
Juliano Cazarré
Personagem : Boca Mole
Ficha completa

Críticas da imprensa

  • Rubens Ewald
  • Críticos.Com.Br
  • Cinética
  • Omelete
  • Cineweb
  • CineClick
  • Estado de Minas
  • A Tarde
  • O Globo
  • Cineplayers
  • Instituto Moreira Salles
  • Folha de São Paulo
  • Preview
  • Revista Interlúdio
14 Artigos de imprensa

Críticas de usuários

Ricardo S.
Crítica positiva mais útil

por Ricardo S., em 04/04/2015

5,0Obra-prima

Febre do Rato causou-me um misto surpreendente de sensações. A vida nua e crua, literalmente, parece mais impactante e incrivelmente... Leia mais

Ricardo M.
Crítica negativa mais útil

por Ricardo M., em 11/07/2014

?Horrível

Esse filme é escandalosamente ruim. Já vi filmes ruins mas esse bateu todos os recordes. Os personagens quase sempre estão... Leia mais

Todas as críticas de usuários
67% 4 críticas 17% 1 crítica 0% 0 crítica 0% 0 crítica 0% 0 crítica 17% 1 crítica
6 Críticas de usuários

Fotos

25 Fotos

Curiosidades das filmagens

O significado do título

"Febre do rato" é uma expressão popular típica do Nordeste, que significa aquele que está fora de controle.

O pontapé inicial

O projeto de Febre do Rato nasceu em 2003, durante as filmagens de Amarelo Manga e ganhou forma através de uma parceria entre o diretor, o roteirista Hilton Lacerda e a produtora Parabólica Brasil.
11 curiosidades

Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

Mais filmes similares

Comentários

  • Marcelo O.

    Esse cara só sabe fazer o mesmo tipo de filme? Ô coisa chata.

  • bar.bara

    Muito ruim. 
    Pior que antes de assistir ao filme, li uma entrevista do Claudio Assis falando que este filme era direcionado à juventude, para que busquem fazer algo para mudar o mundo, sua realidade, pois as pessoas, hoje, não lutam mais para mudar as coisas (sic)... Mas este longa-metragem é só bebida, sexo e algumas poesias de mau gosto. Não vi nada sendo feito para mudar a realidade das personagens, ou coisa alguma.
    E ainda chamam isso de "cinema cult"..

  • luc_santana

    É um filme marcante, onde o texto e a fotografia são bastante fortes, que nos mostra o quanto ficamos parados, diante os grandes vales socias de nossa cidade, país e mundo. O problema é que muitas pessoas só conseguem entender os filminhos assépticos de hollywood... É lamentável que um filme como este fique restrito a 10 salas. Enquanto outros do circuito medíocre e comercial tenham 550!

  • Urban Carvalho

    Mais um soco no estômago da dupla Hilton Lacerda e Cláudio Assis. Filme impactante, poético e que tem como maior legado a entrega incondicional do elenco. Sobre o roteiro, eu diria que trata do real cotidiano das comunidades do Recife ou qualquer outra, onde apesar da miséria e injustiça social, a vida pulsa como em todo lugar. As pessoas se divertem, sofrem, amam... Gosto também do sotoque fora do eixo (Rio/São Paulo) e da enorme crueza. Sem dúvida uma maneira diversa de enxergar através das lentes.

  • Alex A.J.Z.

    Se você está disposto a assistir um filme, em que setenta porcento do que é dito nele é subversivo e abstrato, sob a forma de poesia,sem ser chato - justamente porque é preenchido por cenas de nudez e sexo pouco poéticos - promíscuo é mais próximo do que se vê  - e ainda assim, com um trabalho de cena bacana; este é uma excelente opção. O ator que faz o protagonista, na minha opinião, tem um desempenho excepcional, assim como o ator que faz seu melhor amigo. Mas não espere muito dos demais. Estão bem, mas pouco convincentes. Se você quer ver cinema alternativo, este é um ótimo filme !   

  • Junior d.

    A proposta do filme é excelente, mas desastrosamente mal colocada. Enfim... desnecessariamente impactante. 

  • Alexandre C.

    LIXO PSEUDO INDEPENDENTE. ROTEIRO PÍFIO, INTERPRETAÇÕES QUE CONSTRANGEM, UM CARA QUE IDEALIZA HISTÓRIA COMO ESSA, TINHA QUE SER PROIBIDO DE TER ACESSO AO DINHEIRO QUE JOGADO FORA FINANCIA UMA B.... COMO ESSA. VERGONHA CELULÓSICA...

  • Junior d.

    ha... Tirando todos os excessos sórdidos do filme q não recomendo a ninguém... não posso deixar de falar da excelente atuação de todo o elenco, principalmente  Irandhir Santos.

  • Fl?vio Renato T.

    Adorei mesmo! que bom ver a vida como ela realmente é, com lixo, poesia, atitude, cheiro de sexo... e acho que só a forma com que o personagem do Matheus encara as traições já valem o filme! e realmente esse filme não é pra quem gosta de historinha bonitinha, com muita ação né... é pra pensar grande, vai na essência... 

Mostrar comentários