Meu AdoroCinema
Outback - Uma Galera Animal
facebookTweet
Sessões Vídeos Créditos Críticas dos usuários Críticas da imprensa Críticas do AdoroCinema Fotos
Outback - Uma Galera Animal
Data de lançamento 17 de agosto de 2012 (1h 35min)
Direção:
Elenco: Rob Schneider, Yvonne Strahovski, Frank Welker mais
Gêneros Animação, Aventura, Família
Nacionalidades Eua, Coréia do sul, Japão, Coréia
Ver o trailer
Imprensa 1,5 3 críticas
Usuários 3,646 notas e 6 críticas
Adorocinema 3,0

Sinopse e detalhes

A partir de 3 anos
Cansado de ser preterido pelos demais animais devido à sua cor, o coala albino Johnny (Rob Schneider) resolve deixar a floresta. Ele acaba indo parar em um circo de horrores, onde se torna uma das principais atrações. O sucesso logo sobe à cabeça de Johnny, que sente bastante quando uma nova atração chega ao circo ao lado. Após perder seu show, ele parte para o deserto ao lado dos companheiros Hamish (Bret McKenzie) e Higgens (Frank Welker). Em um vale, o trio encontra um grupo de animais que enfrenta o temível crocodilo Bog (Alan Cumming) e seus capangas. Johnny acaba salvando-os em um dos ataques, o que logo o torna um herói local. Empolgado com a volta do sucesso, ele logo se autointitula como Supercoala.
Título original The Outback
Distribuidor PLAYARTE PICTURES
Ver detalhes técnicos
Ano de produção 2012
Tipo de filme longa-metragem
Curiosidades 1 curiosidade
Orçamento US$ 5,3 000 000
Idiomas Inglês, Coreano
Formato de produção -
Cor Colorido
Formato de áudio -
Formato de projeção -
Número Visa -

Críticas AdoroCinema

3,0 Legal
Outback - Uma Galera Animal

Made in Austrália

por Francisco Russo
Desde que surgiu com Toy Story, a animação computadorizada passou por um processo de evolução gráfica que fez com que o público em geral se tornasse mais exigente com o que vê nas telas. Devido a isto, logo de início há um certo choque com Outback - Uma Galera Animal. Não que o filme seja mal feito, mas traz uma animação menos rica em detalhes que seus colegas produzidos pela Pixar e DreamWorks, por exemplo. Entretanto, após um período de adaptação, é possível curtir esta aventura feita especialmente para crianças pequenas. A história acompanha o coala albino Johnny, que sente-se desprezado pelos demais animais justamente por sua cor incomum. Hora de uma das várias lições de moral voltada aos pequenos, de que ser diferente não significa ser pior que os demais. Johnny resolve deixar o lugar em que vive e acaba parando em um circo dos horrores, onde logo se torna uma das principais atraçõe...
Ler a crítica

Crítica da imprensa

  • CineClick
  • Cineweb
  • Cinema com Rapadura
3 Artigos de imprensa

Críticas de usuários

Jhonathan C.
Crítica positiva mais útil

por Jhonathan C., em 13/02/2013

3,5Bom

Achei interessante a história do filme, mesmo levando o fato de que situações passadas no "Circo" surgiram ultimamente, como... Leia mais

Senhor Ivan
Crítica negativa mais útil

por Senhor Ivan , em 26/08/2014

2,0Fraco

Um filme bem todas as na produção,que envolve;EUA,Coréia do Sul,Austrália e Japão.E também nos personagens,que traz,Coala,Cachorros,Jacaré,Urubu... Leia mais

Todas as críticas de usuários
17% 1 crítica 0% 0 crítica 17% 1 crítica 50% 3 críticas 17% 1 crítica 0% 0 crítica
6 Críticas de usuários

Fotos

7 Fotos

Curiosidade das filmagens

3D

Lançado também em formato 3D.

Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

Mais filmes similares

Comentários

  • Vabretha

    Muito divertido!

  • Andre L.

    como a gente ve o filme?

  • Senhor Ivan!

    Um filme bem mesclado.De todas as formas.Tanto na produção,que envolve;EUA,Coréia do Sul,Austrália e Japão.E também nos personagens,que traz,Coala,Cachorros,Jacaré,Urubu (ou alguma coisa parecida),seres humanos,tudo isso vivendo na mais perfeita harmonia.O filme tem um fraco conteúdo,não é porque é rico em personagem,que a história seja divertida.Tem seus momentos que arrancam risadas,mais é pouca.O filme tenta imitar vários outras animações.A mais lembrada com certeza será;Os Sem Florestas,Madagascar 3 e Rango,até porque a história se passa no estilo faroeste.

Mostrar comentários