Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Confiar
    Confiar
    Data de lançamento 23 de setembro de 2011 (1h 46min)
    Direção: David Schwimmer
    Elenco: Clive Owen, Catherine Keener, Liana Liberato mais
    Gênero Drama
    Nacionalidade EUA
    Ver o trailer
    Assista agora
    Usuários
    4,0 426 notas e 66 críticas
    Adorocinema
    4,0
    notar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    Will (Clive Owen) e Lynn (Catherine Keener) têm três filhos. Enquanto um está prestes a entrar para a faculdade, a filha do meio, Annie (Liana Liberato), começa a apresentar os sintomas comuns das adolescentes que querem se parecer mais velhas e ser aceitas entre seus pares. Publicitário bem sucedido e super envolvido com a profissão, Will procura ter uma relação de confiança com os filhos, mas Annie inicia um relacionamento no computador com um jovem de 16 anos e dá continuidade através do telefone. Sem que seus pais soubessem, ela aceita o convite dele para um encontro, mas a surpresa que ela tem no primeiro momento é só o começo de um pesadelo que marcará para sempre a sua vida e a de sua família.

    Título original

    Trust

    Distribuidor IMAGEM FILMES
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 2010
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 5 curiosidades
    Orçamento 9 500 000 $
    Idiomas Inglês
    Formato de produção 35 mm
    Cor Colorido
    Formato de áudio Dolby, Dolby Digital
    Formato de projeção 2.35 : 1 Cinemascope
    Número Visa -

    Assista ao filme

    Online
    Alugar
    Veja todos os filmes online

    Críticas AdoroCinema

    4,0
    Muito bom
    Confiar

    SINAL DE ALERTA

    por Roberto Cunha
    Adolescentes são famosos pelo comportamento arredio e os pais estão longe do mesmo status por não conseguirem compreendê-los. Se tempos atrás criar filhos nessa fase não era fácil, nos dias de hoje com tanta modernidade, a missão tornou-se mais difícil. Confiar trata de um assunto extremamente atual e, sem fazer rodeios, esse suspense familiar tem tudo para deixar papai e mamãe com a pulga atrás da orelha e, tomara, os "filhinhos e filhinhas" também.Annie (Liana Liberato) apresenta os sintomas comuns da puberdade, acha que ninguém em casa a entende e todos a julgam. Filha do meio do casal Will (Clive Owen) e Lynn (Catherine Keener), ela começa a se relacionar virtualmente com um jovem de 16 anos que conheceu num chat da internet. O "romance" extrapola o meio, migrando para o telefone celular e num dia, sem que seus pais soubessem, ela aceita o convite para um encontro. Só que a surpres...
    Ler a crítica

    Trailer

    Confiar Trailer Legendado 2:07
    Confiar Trailer Legendado
    25 901 visualizações
    Pela web

    Elenco

    Clive Owen
    Personagem : Will
    Catherine Keener
    Personagem : Lynn
    Liana Liberato
    Personagem : Annie
    Jason Clarke
    Personagem : Doug Tate
    Ficha completa

    Comentários do leitor

    Maiko D
    Maiko D

    Segui-los 22 seguidores Ler as 298 críticas deles

    3,5
    Enviada em 6 de abril de 2015
    Não entendi porque as pessoas criticaram tanto o fim. É a realidade. Vários monstros que se passam por pessoas de bem e convivem com outras por aí. Muito difícil saber o que se passa no coração das pessoas. Achei a abordagem do eterno Ross muito boa. É um bom filme do gênero. Recomendo.
    Lele5503
    Lele5503

    Segui-los 1 seguidor Ler as 17 críticas deles

    5,0
    Enviada em 7 de outubro de 2015
    Filme maravilhoso! Com ótimo roteiro e ótima atuação, Confiar mostra os riscos e perigos que existe na internet. O filme é um "tapa na cara" pois aborda estupro de um jeito "bruto". O momento em que a personagem percebe que foi estrupada é forte, e atriz soube passar o desespero e a dor através do choro. O filme mostra que os adolescentes não sabem os riscos que correm, e que os pais sempre se sentirão culpado por qualquer coisa que ...
    Leia Mais
    Rodrigo R.
    Rodrigo R.

    Segui-los 5 seguidores Ler as 67 críticas deles

    3,5
    Enviada em 18 de novembro de 2016
    A história chega a ser até chocante e forte, com boas atuações dos personagens. Acho que o desfecho poderia ser um pouco mais explorado mais de certa forma consegue alcançar o objetivo e mostrar até que certo ponto um pedófilo criminoso consegue destruir uma família até então bem estruturada e com relacionamentos bem definidos. Um alerta aos pais de que a internet pode ser algo extremamente perigoso. Bom filme, vale a pena.
    João Victor T.
    João Victor T.

    Segui-los Ler as 52 críticas deles

    3,5
    Enviada em 11 de outubro de 2015
    O filme é muito instrutivo, traz uma realidade que muitas famílias vivem e a importância de sempre ter a percepção do que os filhos fazem em casa, muito boa a história.
    The R.
    The R.

    Segui-los Ler as 12 críticas deles

    5,0
    Enviada em 18 de julho de 2016
    Não sou fã desse tipo de filme, mas esse daqui convenceu e superou qualquer outro por ai, é muito bom. Emociona qualquer pessoa, e retrata a vida de uma forma espetacular. Tirando algumas atuações o resto é bom. Parabéns aos produtores.
    Matheus M.
    Matheus M.

    Segui-los Ler as 2 críticas deles

    5,0
    Enviada em 27 de abril de 2016
    Ótimo filme acho uma boa lição de moral pois os pais deixam filhos criarem contas nas redes sociais antes da idade permitida e quando criam não monitoram . RECOMENDO A TODOS. Avalio com nota 10.
    Aninha G.
    Aninha G.

    Segui-los Ler as 25 críticas deles

    5,0
    Enviada em 23 de setembro de 2015
    Ótimo e atual. Deve ser assistido por adolescentes e seus pais.
    Eduardo M.
    Eduardo M.

    Segui-los 5 seguidores Ler a crítica deles

    0,5
    Enviada em 17 de março de 2014
    O filme é um ataque ao cristianismo, onde Maria, a mãe de Jesus, tinha 12 anos quando foi desposada por José, um homem de idade avançada. Um filme que estimula o preconceito de idade também.
    Miriane P.
    Miriane P.

    Segui-los 11 seguidores Ler a crítica deles

    1,5
    Enviada em 8 de dezembro de 2013
    Um merda de filme. Sim uma realidade pura...porém dá muita raiva no decorrer que criamo muitas espectativas e não acontece p...nenhuma. que ódio!!
    May Loren
    May Loren

    Segui-los 2 seguidores Ler as 22 críticas deles

    2,5
    Enviada em 24 de julho de 2014
    O que? Acabou mesmo? Desse jeito? O.o Oh, gosh... E que garota mais estúpida e irritante! Uó.
    Eduardo M.
    Eduardo M.

    Segui-los Ler a crítica deles

    0,5
    Enviada em 30 de dezembro de 2015
    Filme sensacionalista apelativo que promove o preconceito. O pai dela é o estereótipo de pai muito machista que não quer vê que a filha cresceu e se tornou um mulherão.
    Vinícius O.
    Vinícius O.

    Segui-los 4 seguidores Ler as 2 críticas deles

    0,5
    Enviada em 26 de maio de 2014
    Muitos ignorantes associam erradamente o filme à pedofilia. O filme não tem nada a ver com pedofilia. Pedofilia é a atração sexual primária por pré-púberes (garotas com menos de 9 anos; quem ainda não alcançou a puberdade). A puberdade feminina começa aos 9 anos, com o broto mamário, e termina aos 13 anos. Historicamente, era comum essas garotas casarem. Há várias pessoas com avós/bisavós que casaram aos 12 anos. A Julieta, de ...
    Leia Mais
    Estevan Magno
    Estevan Magno

    Segui-los 79 seguidores Ler as 488 críticas deles

    3,0
    Enviada em 8 de fevereiro de 2013
    Assisti com meu pai, e ele não parava de repetir, " isso é a realidade, tah vendo o que eu digo pra vc", mas gostei. Achei um filme muito bem escrito, e belas atuações de todos. Clive Owen está excepsional. Muita bem feita a cena em que a menina é abusada pelo homem, essa garota está crescendo no ramo do cinema e promete ser uma grande atriz. Bom.
    Sidney  M.
    Sidney M.

    Segui-los 58 seguidores Ler as 993 críticas deles

    3,5
    Enviada em 6 de setembro de 2013
    Acho que todos os pais devem assistir esse filme. Pois relata história sobre pedofilia, e de como nós devemos usar a internet com sabedoria.E apesar de contar sobre uma moça, esse aprendizado pode-se se aplicar para todo mundo em geral. Bom filme!
    Marcio A.
    Marcio A.

    Segui-los 31 seguidores Ler as 123 críticas deles

    3,0
    Enviada em 23 de novembro de 2013
    Este filme protagonizado por Owen, tem um assunto bastante interessante em relação aos tempos atuais: a pedofilia invasiva através dos canais virtuais. O filme estranhamente foi proibido nos Estados Unidos, visto que não há nada que justifique esta censura. As atuações são contidas, mas o filme tem o seu ponto forte na constituição familiar liderado pela Direção de David Schwimmer, que investe na inocência e sensação de esperteza ...
    Leia Mais
    Renan Rossi
    Renan Rossi

    Segui-los 25 seguidores Ler as 258 críticas deles

    3,5
    Enviada em 1 de março de 2012
    Muito bom o filme, aborda um tema pouco visto, as atuações são ótimas. Nota 9
    Lorena R.
    Lorena R.

    Segui-los 22 seguidores Ler as 10 críticas deles

    3,0
    Enviada em 9 de janeiro de 2014
    Filme bom, só me irrita a inocencia extrema da garota, muito boba, mas tirando isso é muito bom e mostra a realidade!
    Alexsandro S.
    Alexsandro S.

    Segui-los 9 seguidores Ler as 22 críticas deles

    3,5
    Enviada em 25 de março de 2013
    Este é um filme atípico de drama... Oque nos prende a tela, não são as cenas de ação, aventura, efeitos especiais, e outros pontos marcantes nos outros filmes. Oque nos fita a estória é o assunto muito bem contado e alertado neste filme. Com tema atual, pois vemos casos e mais casos de pessoas que se encantam com as ilusões que muita vezes a internet proporciona. Nos mostra também o sofrimento de uma família quando violada por ...
    Leia Mais
    Debbie
    Debbie

    Segui-los 8 seguidores Ler as 145 críticas deles

    3,0
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Um filme mediano,que serve para alertar tanto os pais como os próprios adolescentes.Realmente faltou algo para que pudesse completar o ápice do filme,mas é válido assisti-lo,que sirva de alerta a todos. Recomendo.
    Igor Durden
    Igor Durden

    Segui-los 8 seguidores Ler as 96 críticas deles

    3,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Um otimo filme!! Não é nenhuma obra prima, mas vale a pena pela alerta que ele passa! Bom
    66 Comentários do leitor

    Fotos

    23 Fotos

    Curiosidades das filmagens

    Ross na direção

    Segundo filme dirigido por David Schwimmer, conhecido pelo papel de Ross no seriado Friends. O primeiro foi a comédia Maratona do Amor (2007).

    Filmando

    Teve cenas rodadas em cinco cidades dos Estados Unidos: Los Angeles, Dexter, Plymouth, Ann Arbor e Wilmette.

    Proibido para menores

    O longa foi duramente classificado pela censura americana, sendo proibido para menores desacompanhados. No Brasil, a classificação foi mais amena, não sendo recomendado para menores de 14 anos.
    5 curiosidades

    Últimas notícias

    A Internet é um perigo? 20 filmes sobre o lado sombrio do mundo virtual
    NOTÍCIAS - Lançamentos
    domingo, 15 de abril de 2018
    Filmes na TV: Hoje tem Kung Fu Panda 2 e Sherlock Holmes
    PLAYLIST - Lançamentos
    domingo, 5 de abril de 2015
    De Katiúscia Vianna Entre as opções do dia na telinha estão também Dose Dupla de A Fantástica Fábrica de Chocolate e Os...

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    • Senhor Ivan
      Filme com uma mensagem super atual e necessária.O drama é emocionante e consegue prender atenção do começo ao fim.O elenco já é bem convidativo e temos uma apresentação admirável de Liana Liberato.-Especial Viola Davis - 09 de Setembro de 2019-Dou nota 7/10
    • Osmedite J.
      Infelizmente a gente nunca sabe quem é pedófilo. Às vezes é um vizinho ou até mesmo alguém da sua família. Alguém casado, com filhos, ótimo emprego e muitos amigos. Pedófilo não tem cara. Então todo cuidado é pouco com seus filhos, não os deixe sozinhos com homens adultos por muito tempo e converse com eles sobre os perigos dos bate papos em internet. Não confie em todo mundo.
    • Kaique F
      Confiar (2011) é um filme que mostra a realidade sobre conhecer pessoas pela internet e também como isso pode ser 100% perigoso. Mas o que eu mais gostei na história foi o jeito em que o diretor David Schwimmer (Joey) produziu o filme, o fazendo ficar interessante. Só não gostei muito de seu final (mas o pior é que aquele final muitas vezes é verdade). E a química entre o trio principal (pai,mãe e filha) foi muito bom (e foi o que ajudou o filme). Recomendo, confiar é confiavelmente ótimo.
    • Marina B.
      O filme é excelente, apesar de n ter gostado do final. Esperava q encontrassem ele e tivesse uma punição. Msm assim é mt bom. Nos alerta sobre o perigo e mostra que o criminoso pode ser qualquer pessoa.. Recomendo!
    • Julio C.
      Concordo plenamente com o Ruan R .Rock no que se refere tanto com relação à mensagem deixada com o final do filme,quanto com a sugestão de utilizar o filme como ferramenta de trabalho junto às escolas para alertar aos adolescentes, de uma maneira geral, sobre os riscos do anonimato através da internet. Achei muito bom o filme! Muito mais pela proposta de alertar ás possíveis vítimas de alguém como o professor de física do filme, do que pela qualidade da produção e da atuação de seus protagonistas.
    • Ruan R Rock
      Criticaram o final do filme, mas na minha opinião o final quis mostrar que esse tipo de gente são pessoas ''normais'' e que podem está no meio da gente e nós nem percebemos, o pedofilo do filme era um professor de fisica pra vc ter uma ideia. Gostei do filme, deveria ser mostrado até em escolas e etc para as adolescente ter conciencia dos perigo da internet
    • Eduardo M.
      Esse filme é um ataque ao casal sagrado do cristianismo, onde Maria, mãe de Jesus, tinha 12 anos quando foi desposada por José, um homem de idade avançada.Filme blasfêmico!
    • Eduardo M.
      Esse filme é um ataque ao casal sagrado do cristianismo, onde Maria, mãe de Jesus, tinha 12 anos quando foi desposada por José, um homem de idade avançada.
    • Eduardo M.
      Esse filme é um ataque ao casal sagrado do cristianismo, onde Maria, mãe de Jesus, tinha 12 anos quando foi desposada por José, um homem de idade avançada...
    • Eduardo M.
      Nada a ver com pedofilia. A mulher nem pré-púbere é.Esse filme é um ataque ao casal sagrado do cristianismo, onde Maria, mãe de Jesus, tinha 12 anos quando foi desposada por José, um homem de idade avançada.
    • Roberto Carlos M.
      assisti no supercine na tv globo, excelente, história bem legal, atuações convincentes, cenas de drama muito bem feitas, dublagem nota dez.
    • Cida D.
      Gostei..O filme é bem dentro do real que se vê  no dia a dia..Crianças, mulheres e até mesmo adultos desavisados ou ingênuos , entre aspas , que se deixam levar por conversa fiada de outra pessoa do outro lado da tela...
    • Mariana d.
      Poxa, o adorocinema deveria monitorar certos comentários aqui. É a 4ª vez que vejo spoiler. Perdi a vontade de ver o filme. Palhaçada.
    • ?do F.
      Eu acho que o filme vai ter continuação, falaram que ia ter
    • Fabiana R.
      Claro que a expectativa do final do filme era a de o pedófilo ser preso, mas achei interessante a abordagem que foi mostrada. O objetivo foi mostrar que pessoas aparentemente decentes, com família e reputação na sociedade, escondem um lado pervertido e doentil. E isso acontece muito mais do que podemos imaginar...
    • Danrley A.
      O final não foi confuso, apenas mostrou que ele acabou impune, numa boa ele seguiu a vida dele como se nada tivesse acontecido.
    • Bruno P.
      Alguém pode me explicar o final do filme,a hora em que o estuprador aparece com o filho??Obrigado,não entendi aquela parte rsrsrs.
    • Rafael F.
      Interessante,gostei bastante do desfecho,ótima atuação de Clive Owen.
    • Adelir M.
      eu quero ver mais ta dificel de eu conseguir quero ajuda
    • Edvaldo M.
      Òtimo filme, serve de alerta tanto para pais e filhos, claro que a mensagem óbvia é o perigo de relacionamentos  pela internet, mas para mim a essência do filme é a de que devemos ter relacionamentos sólidos com os nossos filhos e não apenas em se preocupar em dar o que é melhor materialmente para eles, o que falta talvez para todos nós e fazer a base sólida de um relacionamento franco e aberto com eles.
    Mostrar comentários
    Back to Top