Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Bom Dia, Verônica: A série da Netflix é baseada em fatos reais?
    Por Amanda Brandão — 5 de out. de 2020 às 17:27
    facebook Tweet

    Eduardo Moscovis, Tainá Müller e Camila Morgado estrelam a mais nova produção nacional da plataforma.

    Bom Dia Verônica é a nova série brasileira da Netflix. Cheia de conflitos e tensões, a trama acompanha um serial killer vivido por Eduardo Moscovis e estreou no último dia 01 na plataforma.

    Bom Dia, Verônica e outras séries de TV com serial killers

    Tainá Müller é Verônica, a escrivã da Delegacia de Homicídios de São Paulo que começa a investigar casos assustadores envolvendo fraude e assassinato. Um deles é o de Janete (Camila Morgado), esposa do serial killer extremamente perigoso que consegue manter a imagem de "bom moço" - principalmente por trabalhar na polícia.

    Além de trazer a violência contra a mulher como gancho principal, Bom Dia, Verônica levanta a bandeira do empoderamento feminino e levanta importantes questões sociais. Para isso, a série possui cenas que servem como um soco no estômago e o público está se perguntando se são inspiradas em fatos reais.


    Bom Dia, Verônica é baseada em fatos reais?


    A produção original Netflix não é inspirada em fatos reais mas sim no livro homônimo de Ilana Casoy e Raphael Montes, assinado pelo pseudônimo Andrea Killmore.

    Mesmo com algumas mudanças na trama para a série, a obra policial foi lançada em 2016 e acompanha a história de Verônica, Janete e do serial killer Cláudio. A criminóloga e escritora estudou perfis psicológicos de serial killers e publicou diversos livros sobre o assunto unindo sua experiência profissional na vida real.

    Ao lado de Raphael Montes, considerado um dos mais jovens talentosos escritores brasileiros, nasceu Bom Dia, Verônica, uma obra cheia de reviravoltas. Recentemente, a dupla revelou que o livro vai ganhar uma sequência chamada Boa Tarde, Verônica. Enquanto isso, a série da Netflix ainda não foi renovada para uma segunda temporada.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top