Minha conta
    Terry Crews detalha assédio sexual que sofreu de poderoso agente
    Por Felipe Ribeiro — 16 de nov. de 2017 às 11:08

    "Nunca me senti tão impotente, objetificado".

    ABC News

    Após ter revelado que havia sido assediado sexualmente por um produtor de Hollywood, Terry Crews voltou a falar sobre o assunto e contou detalhes da sua infeliz experiência com o agente Adam Venit — que representa uma série de famosos, como Emma Stone, Adam SandlerDiane Keaton e Eddie Murphy. O ator disse que nunca se sentiu tão "impotente" e "objetificado" como naquela situação.

    No programa Good Morning America, Crews revelou que não conhecia Venit quando encontrou com ele numa festa em 2016. O ator afirma que o produtor o viu de longe e fez um gesto "claramente sexual" com a língua.

    "Ele, provavelmente, está conectado com todos que eu conheço no ramo. [...] Nunca tive uma conversa com ele. A primeira vez que interagimos foi no evento. Eu estendi minha mão e ele literalmente colocou a mão dele nas minhas partes íntimas e apertou. Eu pulei pra trás dizendo 'Ei! Ei! O que você tá fazendo, cara?'. Então ele voltou mais uma vez e não parava. Então eu realmente tive que usar a força e empurrei ele para trás. Ele tocava em todas as outras pessoas da festa e começava a rir e gargalhar. [...] Fiquei horrorizado", afirmou Crews.

    Conhecido pela série Todo Mundo Odeia o Chris e atuando em Brooklyn Nine-Nine, o ator disse que um dos motivos que fez ele falar sobre o assunto foi a vontade de mandar uma mensagem para os seus filhos. "Não vou ficar envergonhado. Não fiz nada de errado. Que tipo de homem eu seria se eu não falasse nada e ao mesmo tempo pedisse aos meus filhos: 'Se alguém tocar em você onde você não quer, conte para alguém.'"

    Segundo a Variety, a polícia de Los Angeles abriu uma investigação sobre a alegação de assédio do ator. Enquanto a WME — agência em que Venit é chefe — investiga o caso, o produtor está de licença. A revelação de Crews foi motivada pelo escândalo de abuso sexual contra Harvey Weinstein, que explodiu no dia 5 de outubro.

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top