Minha conta
    Johnny Depp conseguiu o papel que o lançou à fama apenas porque Tom Cruise irritou Tim Burton
    25 de nov. de 2022 às 16:59
    Nathalia Jesus
    Nathalia Jesus
    -Redatora e crítica
    Apaixonada por filmes e séries (principalmente sul-coreanos), a redatora é uma contadora de histórias no mundo do entretenimento. No AdoroCinema, ela acompanha os principais lançamentos, premiações, festivais e solta o verbo em discussões relacionadas à diversidade e inclusão na sétima arte.

    A parceria entre o cineasta e o ator de Top Gun não terminou muito bem.

    Johnny Depp deve o início de sua carreira de ator a Wes Craven, que o contratou para A Hora do Pesadelo depois de ver a reação de sua filha ao conhecer o ator. Porém, se há um papel que catapultou a carreira do intérprete, foi Edward Mãos de Tesoura.

    O filme não só o tornou muito popular, como também iniciou uma relação próxima com o diretor Tim Burton, com quem Depp já trabalhou em diversas ocasiões. No entanto, embora o ator fosse o favorito do diretor para o papel-título do filme de 1990, Burton teve que ir de um ator para outro até conseguir contratar Depp. Uma das opções mais conhecidas é a de Tom Cruise, que o diretor recusou por causa das perguntas que fez sobre o personagem.

    Edward Mãos de Tesoura
    Edward Mãos de Tesoura
    Data de lançamento 14 de fevereiro de 1991 | 1h 45min
    Criador(es): Tim Burton
    Com Johnny Depp, Winona Ryder, Dianne Wiest
    Usuários
    4,5
    Assista agora em Disney +

    Winona Ryder e Dianne Wiest foram as primeiras a entrar no elenco de Edward Mãos de Tesoura, mas a busca pelo protagonista foi mais complicada. Burton convocou a roteirista Caroline Thompson para adaptar sua ideia e a Fox pediu ao cineasta que se encontrasse com Cruise.

    Como relata o ScreenRant, o encontro entre Burton e Cruise não foi bem. O ator perguntou ao diretor coisas que considerava irrelevantes, como o personagem ia ao banheiro ou como conseguia beber e comer. Além disso, o intérprete quis trocar o final por um mais feliz, porque o criado por Burton parecia muito melancólico.

    "Cruise queria saber como Edward estava indo ao banheiro", disse Thompson a Dazed em 2015 por ocasião do aniversário do filme. "Ele fez perguntas sobre o personagem que não podem ser feitas para este personagem." Burton relatou a reunião: "Ele foi interessante, mas acho que não deu certo no final. Houve muitas perguntas."

    Com o protagonista de Top Gun descartado, era hora de continuar a busca pelo protagonista. Tom Hanks e Gary Oldman recusaram a oferta. O primeiro porque optou por participar do filme A Fogueira das Vaidades e o segundo por achar a história absurda. Jim Carrey e John Cusack também foram considerados para o papel. Robert Downey Jr., William Hurt, e Michael Jackson, por sua vez, demonstraram interesse.

    Finalmente, Burton conseguiu fazer o que sempre quis: assinar com Johnny Depp. Na época, o ator buscava retaliar a marca de ídolo adolescente e quando Burton lhe enviou o roteiro, o intérprete rapidamente se conectou com a criação do diretor. O resto é história. Desde Edward Mãos de Tesoura, Depp colaborou com Burton em mais de oito filmes.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top